Skip to content

Neymar, Nem Dente.

03/22/2011

Dois jogadores jovens que estão mal avaliados pela crônica e pelas massas.

Nem tudo no futebol é culpa do alinhamento estelar, ou das chuteiras RIDÍCULAS que eles utilizam.

Tem problema tático aí.

Neymar

O seu 1º ano oscilou entre o lampejo e a tremedeira futebolística clássica.

No 2º ano, soltou o drible. E que drible! Mantenho a minha TESE não provada (e toda TESE precisa ser provada em algum momento) de que esse drible será difícil de ser executado quando o colonizador europeu anabolizar suas pernas.

No 3º ano, veio a crise. Desaprendeu?

  • Fato 1: hoje os zagueiros profissionais já sabem como ele dribla e evitam que ele domine a bola em condições. É o exemplo do penal cavadíssimo do Robinho no Rogério: o inho foi pedalando, pedalando e o Rogério foi recuando, recuando… Deu no que deu. Não digo que marcá-lo seja fácil — e creia-me, não é — mas agora já se morde mais, para que ele vá buscar a bola lá no meio, bem longe da área.
  • Fato 2: a participação no sub-qq coisa fez ele perder um pouco do tempo de jogo. Lembre-se que o 1º ano dele (e do Ganso) foi bem fraco, muito por conta da adaptação ao futebol de gente grande — que é difícil pracaramba.
  • Fato 3: mudou o critério da arbitragem paulista e não se marcam mais faltas hiper-valorizadas.
  • Fato 4 e mais importante: a estrutura tática não favorece mais. Não são 3 atacantes, com apoio do Ganso pelo meio, com o apoio dos laterais e, principalmente: não tem mais o SENSACIONAL Wesley como 2º volante.

Dentinho

Se o Sr está lembrado, Dentinho passou por fase semelhante na campanha de acesso. Naquela temporada, o rapaz conseguiu o feito de ser ofuscado pelo ENIGMÁTICO Herrera.

O que se passou é um pouco do que acontece: Mano empurrou o Dentinho para jogar mais aberto e o Herrera por dentro. Distanciado da área, ele perdeu o seu melhor que é a finalização (óbvio que o inverso, Herrera por fora e Dente por dentro, seria ainda pior para a equipe, pois o gringo não acerta chute de mais de 1,5 metros).

Tite isola os extremos a tal ponto, que às vezes acho que ele quer vê-los como pontas clássicos, um novo Vaguinho aqui, um novo Romeu ali.

Com a marcação que atualmente se impõe às laterais do campo, Dente acaba isolado e se isolando. Você conta 2, 3, às vezes 4 marcadores à sua volta. E cadê o apoio do lateral, do volante, do meia? A estrutura tática recuada do Tite não ajuda.

Resultado: sem alternativas, ele força o drible e se toma a falta ou finge tomá-la, não interessa, porque vai ser cornetado como cai-cai do mesmo jeito.

A saída, nos dois casos é tática: aproximar mais os dois extremos do atacante fixo e atacar com mais presença numérica, evitando que a marcação pareça uma matilha de lobos cercando chapeuzinho vermelho.

Anúncios
11 Comentários leave one →
  1. Marcos Andrade permalink
    03/25/2011 16:59

    Axioma: Dentinho>>>>>>>>>>>>>>Neimalaqualda+Robinho+Koko

    Curtir

  2. jeff permalink
    03/23/2011 11:58

    O forte do Dentinho é o chute? É o mesmo Dentinho que vejo perder gol embaixo da trave?

    No mais, concordo. A era titeana será marcada por jogadores isolados no ataque, e bumba-meu-boi na defesa.
    O pior é que o Paulista engana. Era pra ele ter sido mandado embora no primeiro jogo contra o Tolima. Falo isso pra td mundo. Agora, só qdo ele perder quatro jogos seguidos no Brasileirão…

    Curtir

    • mucio rodolfo permalink
      03/23/2011 12:09

      Para quem deseja ver o Tite longe do PSJ a solução será o Corinthians não ganhar o campeonato paulista. Ai haverá uma pressão que culiminará com sua demissão. Ele debita em sua conta o fracasso no campeonato brasileiro (mas ai ele tem a desculpa do estrago causado pelo Adilson) e a eliminação frente ao Tolima. Da forma como ele pôe o time para jogar e o fato do nosso time ser bom (não tão bom quanto o do ano passado, mas continua bom), não acredito que a gente perca quatro jogos seguidos no CB.

      Curtir

      • Emboava permalink
        03/23/2011 18:25

        Também não acho que ele vá perder 4 jogos seguidos… no máximo empates seguidos…

        A unica hipotese de perder jogos seguidos eh se jogarmos contra inter,gremio,sampa, e etc seguidamente…

        Curtir

  3. 03/22/2011 12:24

    Concordo totalmente com a avaliação. Já no tempo do excelente time de Mano Menezes o Dentinho estava sendo sacrificado por ter que voltar tanto marcando lateral. Mas naquele tempo, o 4-2-3-1 funcionava, com muito mais aproximação dos extremos com o centroavante, avanços constantes dos laterais (especialmente André Santos) e presença ofensiva da dupla de volantes. Agora, é o caos. Queria ver o time num 4-2-2-2, com Morais e Bruno Cesar armando, Dentinho e Liédson no ataque, com este mais centralizado e aquele se movendo mais.

    Curtir

  4. 03/22/2011 11:45

    O problema é que parece que os últimos técnicos que passaram por aqui (o Adilson no Santos também) não sabem jogar com mais de um atacante. Quando o Tite usou Liedson-Dentinho-JH, ficava um na área e os outros dois isolados nas pontas. Quando usa dois meias, um joga de meia e outro vai se isolar na ponta. Tem coisa errada aí.
    Isso seria corrigido se os laterais apoiassem mais. Lembram 2009, com André Santos e Alessandro sempre aparecendo na frente com alguém aparecendo pra receber? Hoje, o Fabio Santos avança até a linha de fundo e só tem o Dentinho marcado por 3 pra tocar. Fica difícil assim.

    Curtir

    • 03/22/2011 18:18

      Eu sou fã do 4-2-2-2, mas Tite jamais montaria esse esquema com o laterais-atacantes e um volante solto para compor o ataque.

      Aliás, uma das hipóteses para o 4-2-3-1 é ele ter partido do 4-2-2-2 pelo recuo de um atacante para a meia.

      Curtir

  5. Morgana permalink
    03/22/2011 10:53

    O Neymar tem uma jogada de penetração na area que ja rendeu varios gols que parecem ser replays. Eu lembro do Roben (holandes), que na maioria das vezes se vale daquela jogada direita>centro> castanhada pro gol. que todo mundo sabe que ele faz e que ninguem consegue marcar.

    Curtir

    • bloguedotimao77 permalink*
      03/22/2011 12:05

      Bem observado.
      Essa é exatamente a jogada que Sir Alex Fergunson mais cobra dos seus extremos no ManU.

      Curtir

      • Emboava permalink
        03/22/2011 16:55

        Coisa que o seu Dentinho não faz. Está na hora dele aprender!!!

        Curtir

  6. André Pinheiro permalink
    03/22/2011 10:31

    é ai que acho que falta aquela malandragem do jogador de se posicionar do jeito que ele acha que deve, cansamos de ver o ronaldo gordo voltando pra buscar a bola na intermediaria e o tite gritando que queria ele de pivo, se o jogo nao ta funcionando na ponta procura o meio, chega mais perto do centroavante. o lance classico mais recente disso é o ganso se recusar a sair de campo, certinho. vendo que treinador só faz merda o jogador tem que assumir a responsa dentro de campo, é nessa hora que faz falta um rincon no jogo, quantas vezes vimos o time de 98/99/00 se arrumando sozinho no jogo? os caras conseguiram consagrar o oswaldo, que é do mesmo nivel do adilson. é isso que nao vejo no corinthians nao tem jogador de personalidade pra chamar essa responsa. dai vemos toda semana aquele joguinho pragmatico, previsivel e covarde. essa acho a grande diferença nossa pros rivais nesse ano, temos 11 jogadores coadjuvantes, falta o cara que faz a diferença.

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: