Skip to content

Imperador da depressão II (atualizado)

03/27/2011

Sua carreira teve altos e baixos. Nos últimos anos sua vida foi mais ou menos tumultuada. Por que você acha que isso estava acontecendo?
Começou a ter muita complicação quando eu comecei a ter depressão, que aí eu fiz muita coisa errada. Veja bem: coisa errada não é usar droga. Realmente eu tive um problema de álcool, lembra que a gente conversou sobre isso? Logo depois quando meu pai morreu minha vida deu uma balançada. Tenho facilidade para ficar deprimido. De repente porque eu guardo muito as coisas para mim. Preciso de uma pessoa que esteja comigo para botar tudo pra fora. Cheguei a tomar remédio no Inter, o psicólogo passava para mim. Mas eu estava muito mal. Nunca imaginava perder meu pai, ele morreu com 44 anos.

Adriano no Fantástico.

“Eu sempre pedi um grande programa de recuperação para todos os clubes, com psiquiatra. Agora eu peço que o Corinthians, o Ronaldo, e principalmente o [Joaquim, médico do clube] Grava, que é meu amigo, possam ajuda-lo nisso”, disse Gilmar.

Anúncios
12 Comentários leave one →
  1. Luís Fontes permalink
    03/28/2011 17:11

    Olha, o pior foi ele dar uma risada amarela e falar que vai tentar chegar no horário e não faltar a treinos… esse cara ta de brincadeira né, aqui é Coringão, faltar a treino é o caralho!

    Bom, o negocio é que esse aprendiz de malandro vai ter que entrar na linha e suar sangue, o papinho de imperatriz, imperador é coisa de flamengo e tricolixo, aqui ele tem é que jogar bola!

    Essa é a minha opinião, o cara já chega cheio de frescura, pois afinal de contas, se o cara quer se tratar que va se internar em uma clinica qualquer, dinheiro pra isso é que não falta pra ele. Aqui no Coringão é lugar de se dedicar 100% ao clube.

    Sobre o apelido de Adriano Maluco, é por ai mesmo, inperador é a pqp aqui tem que ser doido mesmo e comer a bola.

    Curtir

  2. 03/28/2011 12:48

    Não que considere a melhor contratação do universo, mas sou a favor da chegada do Imperador da Manguaça. Primeiro, poruqe o cara é bom de bola. Segundo, porque o time atual é certinho, arrumadinho, mas tem pouca gente que decide, como ficou claro no clássico de domingo. O São Paulo pode até ser pior que o Corinthians hoje (o que não será com Lucas e Luiz Fabiano), mas tem pelo menos um cara decisivo, o reacionário e arrogante Rogério Ceni. Nesse ponto, contratar meias bons de verdade é fundamental (como diz meu tio, não dá pra botar fé em Morais como camisa 10), mas um ataque mais imponente também é importante. Terceiro, porque detesto essa patrulha contra jogador que bebe. Quarto, já convivi com pessoas vítimas de depressão e se é pra lá de difícil, é uma questão tratável e superável com os devidos cuidados – e não contratar o cara por conta disso seria para mim um negócio difícil de digerir. Como quinta razão, e óbvia provocação, puxo a comparação feita pelo Álvaro de que a contratação seria semelhante à de Edmundo: o Animal jogou 37 partidas pelo Timão em 1996 e fez míseros 32 gols, segundo a Wikipedia. Se Adriano se aproximar do feito nos 38 jogos do Brasileirão, temos uma mão no título.

    Curtir

    • bloguedotimao77 permalink*
      03/28/2011 15:10

      Mas meu posicionamento é mais humanista…. Eu acho sacanagem com o Adriano. Ele precisa de apoio psiquiátrico.

      Sem isso é mera exploração do ser humano.

      Curtir

  3. Cesar Augusto permalink
    03/28/2011 12:35

    Não fui favorável a contratação do Adriano, mas já que está contratado, só me resta torcer para que tenha muito sucesso no Corinthians. O sucesso de um jogador do naipe do Adriano, certamente, será, por consequência, o sucesso do Corinthians.

    Mas, em tese, não será fácil.

    Ontem no fantástico ficou nítido que o cara está muito acima do peso. Mais de 10 kg, no mínimo.

    Ficou nítido, também, que a “cervejinha” é sua parceira. Ele foi parado na blitze da polícia do RJ, após tomar 5 ou 6 cervejinhas.

    Ficou nítido, também, que o Adriano, apesar de exibir um rol de amigos e ter, em tese, a mulher que quiser, é um cara muito carente.

    O problema é que, em regra, todas as mulheres que ele fica não estão interessadas no homem Adriano, aquele que veio da Favela da Chatuba, cheio de problemas existenciais e que quer constituir uma família. O interesse é no Adriano, o Imperador, o jogador milionário que já rodou o mundo. São aproveitadoras e o meio em que ele vive, o mundo do futebol, facilita este tipo de relação.

    Talvez seja por isso, cansado do mundo das celebridades, que ele, por muitas vezes, se esconda, por dias e dias, na Vila Cruzeiro, onde se sente mais à vontade com as pessoas. Na sua cabeça, de pessoa carente de afeto, o seu mundo é aquele. Ele carrega um sentimento de culpa por ter alcançado o sucesso profissional, enquanto a maioria dos seus “manos” ainda vive na Chatuba. É um dos dilemas que passam na cabeça frágil do Adriano.

    A torcida do Corinthians terá papel fundamental na recuperação do Adriano. Este atleta, especificamente, precisa do carinho da fiel, sem cobranças extremas, em princípio, pois se abala facilmente. Deve ser cobrado, sim, como qualquer jogador do Corinthians, mas a torcida tem que ter paciência.

    Se estiver em forma e quiser, esse cara deita e rola em cima dessa zagueirada ruim que tem por aí. Mas é preciso o carinho da fiel, um time bem armado taticamente e que, no campo pessoal, ele derrube os fantasmas que o assombram.

    A bola está com o Adriano.

    É a última chance.

    Curtir

    • bloguedotimao77 permalink*
      03/28/2011 15:04

      Ele terá meu apoio incondicional.

      A sua definição é perfeita: nesse meio ele está completamente fodido. Não vai encontrar apoio algum.

      Pior ainda é que, precisando de apoio médico-psiquiátrico, veio cair na mão do JG.

      Não duvido que irá ganhar uma lipo…

      Em tempo: o Gilmar deixou muito claro que ele precisa obrigatoriamente de psiquiatra para poder jogar.

      Curtir

      • Cesar Augusto permalink
        03/28/2011 15:18

        Pela entrevista do Gilmar, o caso é mais sério do que imaginávamos.

        O cachorrão atirou para todos os lados e atingiu Andrés, Corinthians e, até o Ronaldo que, segundo ele, foi determinante para que o Adriano não disputasse a Copa do Mundo da África do Sul.

        Nas palavras do Gilmar, o Adriano precisa de auxílio psiquiátrico e no Corinthians, com o Joaquim Grava no comando, o tratamento será o mesmo que ele teve até hoje, ou seja, tudo se resolverá na mesa de bar.

        Preocupante.

        Curtir

  4. Alessandro permalink
    03/28/2011 10:49

    Álvaro

    Entre Yarlei e Souza mentes sãs, sou mais o Adriano maluco.

    Contratação de alto risco, mas pra quem já teve Alex Rossi e Alcindo no ataque, Liédson e Adriano Maluco não é de todo mal.

    Curtir

Trackbacks

  1. Eu te disse! Eu te disse! « Não pára de lutar!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: