Skip to content

SPFC 0 x 0 Corinthians, quem é mais importante o emprego do Tite ou o título?

09/22/2011

TIte negou mas a verdade é que Timão entrou para 0x0 e buscou esse resultado com todos os seus poros. A postura foi de completa dedicação à marcação. Nosso usual 4-2-3-1 estava mais para um 4-3-3 em que Alex jogava em linha com Ralf e Paulinho. Sintomaticamente, Alex apareceu como último defensor em algumas situações, fazendo, inclusive, uma falta de último homem. Com o tempo, Émerson se posicionou como 2º atacante e Willian formou a linha de 4 a frente da zaga, dando mais contorno ao 0x0.

Isso eu não preciso explicar, mas explico: se o seu único meia de criação está jogando como volante, qual a chance de você construir jogadas? Nenhuma.

Fomos assim, ao melhor estilo Tite: congestionamento pela aproximação da linha de zaga com a linha de volantes e jogadas ofensivas criadas pela ação franco-atiradora do Émerson, o único bom jogador em campo.

Historicamente, SPFC sempre tem jogadores badalados que quando a gente tem a chance de ver, jogam mal pracacete. Estava lá o horripilante Casemiro aberto na esquerda para provar a regra. Um assustado Ex-Marcelinho caia muito por dentro, talvez confirmando que Mano está certo. O posicionamento adiantado dos laterais não era bem aproveitado dada a nossa recuabilidade.

Com a saída do Leandro e a entrada do Fábio Santos, a coisa não melhorou muito, pois a decisão de laterais presos já tinha sido tomada nos vestiários.

Voltamos para o 2º tempo melhor postados na marcação, num 4-4-2 bem “Libertadores” e com Émerson aproveitando o buraco que existia nas costas do tal Piris. O problema era o excessivo isolamento do sistema ofensivo que não contava com apoio de nenhum meiocampista (só tínhamos volantes em campo).

A tela da TV denunciava as faces assustadas de atacantes adolescentes adversários que, esquecidos do coletivo, partiram infantilmente para resolver o jogo driblando as infinitas linhas de marcadores corinthianos, como bem queria Tite, o empata foda da noite.

Quando Tite colocou Danilo no lugar do Liédson (machucado), a esperança era de que ele fosse para o meio na tentativa de resolver o jogo e pegar os 3 pontos que, àquela altura, já estavam dando sopa. Mas Tite só pensou no emprego: colocou o cara lá na marcação pela direita. E, sem mudar um jogador de posição, JH entrou no lugar do Alex e correu para frente da zaga (Cena ridícula na TV, né? Você vê o JH aquecendo e imagina o cara indo para frente, mas ele dispara e corre para trás!).

Tite conseguiu seu 0x0 que lhe dá mais 4 dias de salário, com o bônus de conseguir jogar a culpa sobre Chicão. Sorte dele, azar nosso, pois 1 ponto não serve para nada e essa zaga…

Sobre a zaga reserva, foi muito mal, apesar da ilusão de que foi bem causada pela linha de 4 posicionada a sua frente. Se a idéia era melhorar a bola aérea, não funcionou, pois além do SPFC não ter jogador de área, em 2 oportunidades o gol não saiu por pura sorte. A saída de bola foi circense com Wallace entregando um gol no 1º tempo e PA, com seus malditos lançamentos, entregando um gol no 2º tempo. A linha de impedimento, bem adiantada e não há mal nisso,  foi conduzida pelo PA, provavelmente por influência do futebol francês. E foi uma catástrofe salva pelo bandeirinha em mais de uma oportunidade.

Acho que o Paulo André tem aquilo que agrada a todos nós: o voluntarismo. Quando foi contratado eu cravei que era um cara raçudo. Mas não venham aqui dizer que jogou bem.

Já o Wallace, não sei o que dizer. É tão nervoso, mas tão nervoso que você fica imaginando se ele se acalmasse como jogaria.

Em tempo:

Copo vazio: para quem não sabe, campeão brasileiro (tirando 2009) precisa de 73 pts ou 64% de aproveitamento (em 2010 foram 71 pts). Faltam só 29 pts (2,3 pts/jogo – se vencer 10 partidas e perder 3, leva).

Anúncios
36 Comentários leave one →
  1. múcio rodolfo permalink
    09/22/2011 18:42

    1- O que é mais importante: o emprego do Adenor ou o título? A resposta dependerá a quem for endereçada a pergunta. O Adenor logicamente vai responder a primeira alternativa. A torcida citará sem hesitação a segunda alternativa. Quando ao presidente paira uma duvida, afinal ele não vive de títulos.
    2- Se a gente considerar que esta todo um cenário preparado para mais uma derrota, inclusive com alguns corinthianos prevendo de que maneira o adversário executaria o massacre, o resultado não foi tão ruim. Mas se a gente pensar que em alguns momentos a vitória esteve próxima -mesmo com a o adversário criando mais chances e que não foram tão mais assim- o resultado foi ruim.
    3- Mesmo que hoje prevaleça a lógica e o Vasco abra 4 pontos, ainda é cedo para considerar a guerra perdida. Domingo o Timão enfrenta o Bahia no Pacaembu e este deverá vir desfalcado o que aumenta as nossas chances de vitória. Enquanto isso, bambis e botafogo se devoram no Rio de Janeiro e o Vasco pega o Cruzeiro- que só fez mal ao Corinthians, mas de repente pode supreender. E no meio de semana um outro jogo chave para as nossas pretensões:Vasco x Corinthians. Falta muitas rodadas. A gente tem que levar em conta que pegamos adversários mais difíceis do que os enfrentados por Vasco e Bambis.
    4- Engraçado. Eu achei que o Paulo André jogou bem. Se antecipou de forma correta em várias jogadas. Para quem estava só blogueando foi bem. O Walace me parece daqueles que compensam a ruindade com muita voluntariedade. Sou mais ele que o Castán. O Emerson “enchuriçou” a vida dos bambis.Pena que jogou praticamente sozinho. Quando disseram que ele estava jogando com a chuteira estourada esbravejei “não tem um fdp para trazer uma outra chuteira pro cara!”
    5- Verdade que os bambis amarelam diante de nós -com raras exceções ao longo da história. VErdade também que certos jogadores tidos como brilhantes se acanham diante de nós. Mas ontem eu gostei do tal de Wellington que era da nossa base. Já pensou uma dupla de volantes Ralf-Wellington?

    Curtir

    • 09/22/2011 20:00

      1- hehe!

      2- talvez seja isso mesmo e a gente não está vendo: Tite fechou tudo por temer que os jogadores entregariam a partida.

      3- Sem pacto pela vitória não dá. São 10 vitórias em 13 jogos, muita coisa.

      4- Bem, bem o PA não jogou. Sou mais ele que o Castan.

      5-Também era da nossa base?! Ouvi que o Damião fez teste é foi recusado no PSJ.

      Curtir

  2. MOSQUETEIRO 77 permalink
    09/22/2011 18:38

    O Corinthians realizou contra a bicharada uma de suas piores partidas no compeonato.

    Não faltou vergonha na cara, raça (e disso não se pode acusar essa equipe em nenhuma partida), e o futebol jogado, apesar de medíocre, foi competitivo (tanto que empatamos, e quase ganhamos, das bichas – time que “dormiu na lideraça do campeonato”, como gostam de dizer os jornaleiros esportivos).

    Mas o Corinthians jogou sem confiança.

    Resultado de uma crise que, ao contrário do que costuma acontecer, não foi plantada de fora para dentro. Essa crise nasceu dentro do Corinthians, fruto de intrigas internas, corneteiros em busca de auto-promoção, e dos vícios do flagelo chamado “business”.

    A bicharada estava com a faca e o queijo na mão: Panetone cheio de frutinhas, Corinthians em crise, Tite na corda-bamba, o capitão Chicão afastado, era a chance de ganhar o jogo e o embalo para o título, talvez devolver a goleada do primeiro turno, derrubar o nosso técnico…

    Não conseguiram. Em parte devido à sua própria mediocridade, em parte porque, repetindo, mantivemos um nível razoavelmente competitivo. O clima da mídia bambi após a partida, e por toda essa quinta-feira, foi de anti-climax. Frustrados por não celebrarem a arrancada do SPFW para o título e, principalmente, por não poderem atacar como hienas e abutres a derrota corinthiana.

    Apesar de todos o s pesares, estamos vivos no campeonato.

    Estamos na faixa dos classificados para a Libertadores, e a diferença entre os times que a integram é muito pequena.

    O mais importante: nenhum time jogou tantas partidas boas como o Corinthians nesse Brasileirão. Nem atingiu o nível que o Corinthians atingiu em seus melhores momentos. Por outro lado, o Corinthians não desceu aos níveis baixos em que os outros ponteiros estiveram (tanto que não sofreu, ao contrário dos demais, nenhuma goleada).

    NÃO É HORA DE CORNETAR.

    NÃO DÁ PARA FAZER NENHUMA REVOLUÇÃO A ESSA ALTURA.

    Qualquer reestruturação deveria ter sido feito lá atrás, quando da eliminação na Libertadores.

    AGORA É TARDE.

    VAMOS COM ESSE PILOTO ATÉ O FIM.

    É COM ELE QUE, OU VAMOS ATERRISAR COM A TAÇA, OU VAMOS NOS ARREBENTAR NO FINAL DO CAMPEONATO.

    NÃO É HORA DE BALANÇAR O AVIÃO, DE GRITAR NA ORELHA DO PILOTO, DE ARMAR BOMBA…

    O NEGÓCIO AGORA É TER FÉ EM SÃO JORGE, FICAR UNIDO, FAZER TUDO PELO BEM DO NOSSO CORINTHIANS.

    QUANDO O CAMPEONATO ACABAR, E O AVIÃO POUSAR, A GENTE VÊ O QUE FAZ.

    QUE SEJA FESTA.

    Curtir

  3. Fernando permalink
    09/22/2011 15:40

    Concordo com o post, Álvaro, mas também faço coro com quem diz que houve um avanço quando a zaga não tomou gol, depois de 12 jogos seguidos levando média de quase 2 por jogo. E aí, meu véi, acho que não é coincidência o fato do Chicão ter saído, não. Apesar de tecnicamente esse pobre coitado do Wallace não chegar nem aos pés dele, o que pesou foi a atitude do Chicão, mesmo, que tava contaminando todo mundo, não querendo nada com nada, ao invés de coisas mais esotéricas como o Corinthians ou o Campeonato Brasileiro. Tanto que o ápice disso foi esse repugnante “pedido de dispensa” do banco, justo num clássico, que eu espero que a diretoria ou a CT puna com rigor, pra mim um caso claro de insubordinação. Isso escancara de vez que o Chicão e parte do grupo não querem saber de mais nada, o elenco tá rachado mesmo… mas achei que o Adenor fez certo em afastá-lo – DESDE QUE, DAQUI PRA FRENTE, afaste também: Alessandro (que simplesmente errou tudo o que tentou ontem), JH e JC.

    Esvaziemos o vestiário, então. Boa oportunidade pra chamar os da base, sempre tão negligenciados na “Era Tite” (argh!). E se com isso, o Tite aproveitar e pegar o chapéu junto, ainda afirmo que dá tempo pra levar essa porra de título.

    Sem isso, é melhor já pensarmos em 2012.

    Curtir

    • 09/22/2011 16:33

      É a partir desse ponto que eu concluo que o problema é do comportamento tosco da diretoria e seu presidente.

      Destruiram o vestiário do clube e não têm peças de reposição na base.

      Serão obrigados a comprar uma dúzia de jogadores por má gestão.

      Curtir

  4. Cesar Augusto permalink
    09/22/2011 13:34

    O Corinthians jogou para empatar. Conseguiu.

    O problema reside no fato de que era jogo para ganhar. Um pouco mais de ousadia, o Corinthians venceria o SPFC. O time entrou muito recuado, com receio de perder. Parecia que o adversário era o Barcelona. Era perceptível nos olhos dos jogadores do Corinthians na hora do hino nacional, o medo estampado em seus rostos, especialmente, o Leandro Castan. O cara estava amedrontado, razão pela qual não me surpreendi com a sua lesão. Foi mais medo que qualquer coisa.

    O grupo está rachadíssimo. E a culpa, neste caso, não é só do Tite. A culpa é da panelinha antiga, capitaneada pelo Chicão e JH. Aliás, a atitude do Chicão merece punição. O que ele fez ontem, não se faz. Foi covarde, antiético, bunda mole e demonstrou que não tem espírito de equipe. É estrelinha. O que ele fez foi indefensável. Por mim, seria afastado sumariamente não só jogo de ontem, mas da equipe. Ele, como capitão da equipe, teve um comportamento digno de um rato da pior estirpe, sim rato, pois foi o primeiro a abandonar a nau quando ela estava prestes à afundar. Não afundou, apesar dele.

    O time foi mal, tecnicamente, mas fez o que pode. Era visível no semblante dos jogadores do Corinthians que o ambiente estava péssimo. O Adenor, apesar de todas as suas limitações táticas, neste caso, agiu como Comandante. Fez o certo e fará mais certo ainda se tirar o Chicão do jogo contra o Bahia. O Wallace é ruim, o Paulo André é ruim, também, mas deram a cara a tapa. Isso tem que ser levado em consideração. O Chicão, como se diz na várzea, fugiu de pau com uma alegação bizarra de que o seu emocional, ora veja, estava abalado e ele não poderia contribuir na reserva. Graças à covardia do Chicão, o FS, mesmo sem condições, teve que se virar na lateral em razão da contusão do Castán.

    E a atitude do Chicão, por óbvio, pegou mal no elenco. Li uma entrevista do Ralf em que ele descasca o Chicão e com toda a razão. Alex foi mais político. Ou seja, o “capitão” perdeu o comando. E por essas e por outras que o William, o capita, bem ou mal sempre jogava, porque era muito mais que um jogador, era um líder nato.

    Dito isso, não perdemos por um simples motivo:

    Adílson Baptista. O AB. Aliás, por coincidência, os dois treineiros de ontem tem nomes começados com a letra “a” e sobrenomes com a letra “b”. A de asno. B de burro.

    O tempo passa, o tempo voa e o Adílson Batista continua escalando, sempre, 3 volantes, ganhando, perdendo ou empatando. É inacreditável. Se ele utilizasse 2 meias e um atacante um pouco mais enfiado, certamente, o SPFC venceria. Como jogou com 3 volantes e sem atacante de referência, a defesa do Corinthians se safou e, verdade seja, dita não teve tanto trabalho assim.

    O Corinthians tomou um certo sufoco no início e no fim do 1º tempo, mas o SPFC não conseguiu, em momento algum, se impor da forma que imaginava. Ao SPFC faltou força ofensiva. Ao Corinthians sobrou correria, mas faltou uma vontade maior de vencer. É normal. Faz parte do “Scriptite”.

    Agora, uma pergunta não quer calar:

    O que busca o Corinthians no campeonato?

    Ser campeão?

    Vaga na Libertadores?

    Sul-Americana?

    Sem ambição, não chegaremos nem na Libertadores. Ou o Tite, em 2 jogos, contra Bahia e Vasco, se reinventa ou tchau. A diretoria do Corinthians não pode ter compromisso com o erro. Ou o Tite foge as suas características ou o campeonato irá para o beleléu por causa da omissão da diretoria.

    Hoje, por incrível que pareça, o Corinthians não é mais o favorito ao título.

    Os favoritos do momento são Vasco, que pode abrir 4 pontos, hoje, e, no meu entender, o Santos, que começa a preocupar, pois já tem 35 pontos e 2 jogos a menos. Se fizer um esforço, o Santos briga pelo título, porque nenhum dos ponteiros do campeonato merece, de fato, a conquista do título, a exceção do Vasco, que é o líder do momento. Corinthians, SPFC e Flamengo não jogam para conquistar o título, apesar que o SPFC terá a volta do Fabiano, o que pode melhorar o sistema ofensivo. O Flamengo, aparentemente, está morto, já que não vence a 10 partidas.

    A única vantagem do Corinthians em relação aos rivais é que, até o momento neste segundo turno, só pegou pedreiras, enquanto os rivais pegaram uma série não tão complicada, especialmente Vasco e SPFC.

    Ainda dá, mas a roupa suja tem que ser lavada, as controvérsias devem ser dirimidas em busca de um bem maior que o título brasileiro.

    Hoje, somos zebras.

    Curtir

    • 09/22/2011 18:47

      Eu entendo, respondendo à sua pergunta, que no momento o Corinthians só joga para salvar o emprego do Tite e garantir o discurso: “o Andrés está certo, a culpa é dos jogadores”.

      Para mim, a sistemática intervenção do presidente nas coisas do vestiário e, está claro para todo mundo, na escalação de jogadores é a causa do racha do grupo.

      O problema é que não há muita solução aí: vamos ter de trocar todo mundo. A começar pelo Ralf, que se você leu o mesmo que eu, deu declaração de amor à diretoria. Ou seja, além de confirmar que o papel do Sanchez no afastamento do Chicão ele fez média com o presidente.

      A necessidade de reinvenção do Tite é mais do que necessária, só que falamos isso há 1 ano e ele continua desprezando pontos fáceis.

      Curtir

  5. Elias Junior permalink
    09/22/2011 13:25

    O Tite definitivamente não é técnico de time enorme, igual ao Corinthians.

    Jogar pra empatar nem nós na pelada aqui da firma aceitamos… VTNC Tite.

    Pelo menos pra mim algo deu para observar:

    1. Emerson hoje pra mim é o único titular absoluto do time. Está querendo.
    2. Eu nunca pensei que ia dizer isso, mas vai: O Fábio Santos voltou, ainda bem.
    3. Minha zaga seria: PA e Chicão (se ele quiser e parar com frescura)

    Curtir

  6. 09/22/2011 13:24

    Se era pra recuar o William pra 4° homem de meio, por que não botar o Edenilson ali? Por que sacrificar um atacante dessa forma?
    As mudanças que o Tite fez nesse jogo me fazem ficar curioso pra saber como ele armará o time pra domingo. A postura terá que ser diferente, com o time buscando o resultado. Será que ele volta à mesmice de antes?

    Curtir

    • Daniel CMS permalink
      09/22/2011 13:34

      vc tem duvidas?

      Curtir

    • 09/22/2011 14:58

      Eu acho que ele está apostando mais no time que começou ontem e no primeiro tempo contra o Santos. Com o Alex recuado fazendo uma de JH.

      Ou seja, vai queimar mais um jogador.

      Curtir

      • Joao Caets permalink
        09/22/2011 18:03

        Nao podemos nos esquecer que o Tite também queimou o Bruno César.

        Curtir

  7. manuel permalink
    09/22/2011 13:08

    1- Eu também pensei nessa coisa da linha do impedimento. Achei que no intervalo o técnico deles iria explorar isso. Veio o segundo tempo e nada. Conclusão: você nunca tem um tecnico tão ruim que não possa encontrar outro pior pela frente.

    2- Prefiro o esquema com duas linhas de quatro. Acho melhor do que o 4-3-1-2 do Tite que não defende nem ataca direito. Mas para funcionar, precisamos pelo menos 3 coisas:
    – o Emerson tem que parar de perder gols bizarros
    – o Liédson não pode se machucar.
    – o LD tem que ser o Welder, não o Alessando. Este, quando chega na frente, não tem mais força para vencer a marcação.

    3- Momento comédia: um esbaforido Adilson dando uma lista de instruções com 12 items para o Rivaldo na beira do campo, aí o Rivaldo vira os olhos com cara de “ai meu deuso” … impagável.

    4- Eu achava que o Tite faria alguma mudança, mas não a que ele fez. Pensei que ele poderia entrar com o Edenilson. Seria um jeito de ter mais velocidade e força para encostar nos atacantes. Mas ele resolveu mudar a defesa quase toda. Aí a midia acha que ele está certo, porque passamos 90 minutos sem tomar gol.

    Seja o que deus quiser. Ainda acho que ficaremos em sexto lugar. Se pegarmos uma vaguinha na pre-despertadores, vou levantar as mãos para o céu. Quem sabe ano que vem o novo presidente tenha mais sorte. Vejam que falo em sorte, não competencia. Isso não acredito que vá existir, seja quem for o eleito.

    Curtir

    • 09/22/2011 14:54

      1- Verdade, o Adilson poderia ter arriscado o Rivaldo jogando no último homem, puxando a linha de defesa para trás ou servindo de pivô para os adoloscentes.

      Só que AB preferiu colocá-lo no pior lugar possível para se jogar.

      2-É um sistema ok (o ManU parece que voltou a utilizá-lo), mas o Danilo não pode ficar tão aberto e ainda pela direita. E o Welder seria ótimo, pois o sistema compensa a menor capacidade de marcação dele.

      3-EU VI ESSA TAMBÉM!

      4-Sobre o Edenilson. Acho que só nós aqui do boteco percebemos que esse cara não pode ser reserva de uma equipe com tanta dificuldade de criação

      Curtir

      • múcio rodolfo permalink
        09/22/2011 18:48

        Domingo o Paulinho cumpre suspensão automática. Há a possibilidade do Edenilson começar jogando. A não ser que o Adenor prefira o Moradei ou o Bruno Otávio.

        Curtir

  8. 09/22/2011 12:33

    Empate era o pior resultado possivel para o Corinthians no jogo de ontem.

    A vitória nos ajudaria a diminuir pra 9 aquela conta ali em cima e seria sobre um adversario direto.

    A derrota ajudaria na demissão do Tite

    E o empate, nem uma coisa nem outra. Ficamos no mesmo lugar na tabela e o Tite ganha mais uma ou duas rodadas de sobrevida.

    Curtir

  9. Marcos Andrade permalink
    09/22/2011 12:13

    Acho o Walace bom jogador, o PA é fraco, fala bem, me parece culto, mas seu futebol é pequeno. O Chicão e o Castan, apesar de todos os pesares, são melhores. O William não é craque mas é melhor do que a média dos atacantes do Brasileirão. Foi interessante você dizer que somente por sorte não tomamos dois gols de cabeça, da mesma forma como foi muita sorte dos Lebistes, elenco muito mais fraco do que o nosso e técnico também muito pior, eles não sairem do primeiro tempo levando uma goleada. Enfim, sorte e azar existem sim em futebol e em qualquer atividade da vida, fato incotestável. Concordo contigo que 99% (você não disse exatamente isto) dos possíveis craques bambis (o medonho Casemiro lembra o tal de Wendel, que foi volante no Timão, e participou de todas as seleções de base, não virou nada, mas não tinha a imprensa jogando por ele) são inventados, isto é, certos comentáristas os supervalorizam e recebem um jabazinho por isto e caso um destes pernas-de-pau sejam contratados por algum time, teve gente que evidentemente ganhou dinheiro ao repatriarmos o horripilante Danilo. Houve de fato um impedimento mal marcado contra os bambis, mas houve outro muito pior contra o Timão, onde o Emerson entraria com bola e tudo. Ficou provado que mesmo com a imbecilidade do Tite, os elencos são equivalentes, com alguma superioridade para o Timão que jogou com muitos desfalques. Assim estamos vivos no campeonato e ainda aposto no Timao!

    Curtir

    • Cleber permalink
      09/22/2011 12:18

      Sorte dos Bambis não levarem uma goleada ?

      Com todo respeito Marcos, mas que jogo voce assistiu ?

      Curtir

      • Marcos Andrade permalink
        09/22/2011 16:29

        Cleber, me desculpe mas você não entendeu o que escrevi, quando falo em Lebistes me refiro às sardinhas, rivais do Jabaquara e da Portuguesa Santista, e não dos bambis. Me refiro ao primeiro tempo contra o timinho da moda da imprensa, os Lebistes (vulgos S4n73), onde deveríamos ter marcado pelo menos 4 gols neles, é isto.

        Curtir

    • 09/22/2011 13:03

      Eu lembro do Wendel jogando na seleção de base (acho até que foi campeão mundial). Jogava muito… na base!

      Curtir

  10. Cleber permalink
    09/22/2011 11:36

    Ontem foi sem duvida a pior partida do Alessandro que eu ja vi, errou uns 8 passes de 2 metros de distancia ( uns 3 ali eu acho que foi de proposito viu…..), o Willian sinceramente não dá pessoal, é fraco tecnicamente, o Wallace não vou nem comentar pra evitar meu stresse, mas consegui ver uma coisa positiva ontem: ficou bem claro pra mim que o Alex ta muito fora da posição e se vier um outro treineiro com visão de jogo pode ser que ele seja aquele meia-armador que tanto queremos.
    Copo meio cheio hoje pra mim é a vaga pra LA, pro titulo só se for por um milagre de São Jorge.
    Vai Corinthians !!!!!!

    Ah, ja ia me esquecendo de responder a pergunta do post: O Tite sabe que se perdesse ontem não ia ter Presidente que conseguisse segurar o trampo, dele então ele tentou garantir mais uma semaninha de sálario com o 0x0 , se eu fosse o Andres hoje bem na hora do almoço eu entraria ao Vivo no Globo Esporte e anunciaria: TITE, Alessandro, Jorge Henrique, Chicão, Alex e Julio Cesar estão afastados do time de futebol profissional do Corinthinas por tempo indeterminado !!!!! Dai deixava o interino comandar contra o Bahia, e na segunda-feira reintegraria eles ao grupo, eu duvido que depois disso não se acabaria com qualquer panelinha ou richa ainda existentes dentro do elenco….. ( e não precisaria pagar multa rescisória pra ninguem hehehe)

    Curtir

    • 09/22/2011 13:06

      Só que quando se perde o comando do vestiário, a solução é esvaziá-lo. E isso vai custar caro, não fica mais só nos jogadores.

      Curtir

  11. 09/22/2011 11:01

    O medo que eu vi na cara do Tite na coletiva pré-jogo se refletiu no espírito da equipe. Jogamos pra empatar, quase perdemos e mesmo assim quase ganhamos. E, pra nossa sorte, o outro lado tinha um pardal que não sou be aproveitar as inúmeras falhas do Corinthians no jogo inteiro.

    Ao jogo:
    – A linha de 3 no meio não funcionou. O William tentava voltar pra fazer o quarto homem, mas o instinto de atacante dele nao deixava. Até a saída do Liedson, foi jogo de um time só.
    – Quando eu vi o Danilo entrando no lugar do Liedson, por um momento eu achei que o Tite ia pro tão aclamado 4-2-2-2 por aqui. Foi pro 4-4-2, o que inteligentemente acabou com o domínio total do jogo pelo meio do SPFW e ainda por cima permitiu que o Corinthians criasse algumas chances de gol. A meohor substituição do Tite no jogo.
    – Adilson deu uma de adilson e colocou o bom Wellington na lateral. As jogadas de ataque delas eram basicamente lançamentos em profundidade e bolas altas nas costas dos laterais. Os 12 impedimentos explicam muita coisa, Lucas jogou escondido à là R10 na direita e o Dagoberto não recebeu uma bola decente.
    – Alex, pela função que teve que fazer, foi apagado do jogo.
    – Emerson joga muita bola. Dá pra ver que ele sabe exatamente o que tem que fazer em campo, quando driblar, quando passar, pra onde correr… Às vezes a jogada não sai direito, mas a visão de jogo dele é excelente.

    Que o Tite deixe de ser medroso, coloque esse elenco totalmente rachado pra jogar bola e ser campeão, senão a casa cai pra ele.

    Curtir

    • 09/22/2011 20:11

      É verdade, o 4-4-2 funcionou dentro da proposta que ele queria.

      E você está certo quanto ao Willian. Tanto que eu pedia a saída dele já no 1º tempo, para a entrada de um meio campista.

      Ele poderia ter entrado com o Edenílson na função e depois com o Danilo como um centroavantão.

      Funcionaria melhor ainda dentro do conceito dele de marcação e ataques isolados, pois o Danilo, além de prender a bola, tem altura para a bola aérea.

      Curtir

  12. Raphael permalink
    09/22/2011 10:12

    + Se a zaga não foi ótima, ao menos foi melhor do que a dupla Chicão + Castán. Claro que teve o apoio da linha de frente, mas vejam uma coisa: depois de muitos e muitos jogos, conseguimos até tirar algumas bolas de cabeça da nossa área e, pasmem, levamos algum perigo ofensivo em um ou outro escanteio/falta lá na frente! Isso pra mim já é alguma evolução em relação aos últimos 24 jogos do Brasileirão.

    + Nossa postura ontem deu vergonha mesmo, mas se o Emerson fizesse aquele gol de cabeça e ganhássemos o jogo a máxima hoje (não digo aqui, mas na voz do povo) talvez fosse “jogamos fechadinho, mas com muita raça e ganhamos”. Futebol é do carvalho justamente pela capacidade de um detalhe determinar uma história!

    + A atitude do Chicão, somada à postura aguerrida do time ontem e à declaração do Ralf provam, para mim, que o elenco tem problemas de sintoniabilidade (em Titês) ou em português claro: tá rachado! Ainda acho que o Alessandro merecia o banco e o JH idem. Se bem que colocar o Welder pra não passá-lo do meio-de-campo é fueda.

    + Ainda dá tempo de mandar o Tite embora e tentarmos o título. Mas 10 vitórias em 13 jogos me parece um feito impossível! 9V 3E 1D também… será que o Adriano nos dará o título achando os gols para o sistema franco-atirador do Tite (ontem teve mais pra frango-atirador)?

    Curtir

    • bloguedotimao77 permalink*
      09/22/2011 10:38

      Ou se o willian não vacilasse naquele contra ataque…

      Mas veja, essa é a alma do sistema titeano: poucos ataques isolados, que contam com 1 atacante acima da média. É muito pouco para que quer ser campeão nos pontos corridos.

      Curtir

  13. Daniel CMS permalink
    09/22/2011 10:10

    E o Tite disse: foi um resultado bom porque o time estava sem confiança, blá blá blá blá blá blá…

    Referência circular, Tite? O time estava sem confiança por sua culpa, que é um treineiro de buesta, medroso do cacete e que nao sabe armar time pra ganhar jogo e muito menos treinar uma jogadinha de bola parada. Ah não, tem aquela cobrança de lateral no primeiro pau pro cara cabecear pra trás…

    Ontem jogamos, mais uma vez, como XV de Piracicaba e/ou Inter de de Limeira. Só que agora jogamos 90 minutos como time pequeno. Das outras vezes, jogamos após o primeiro gol ou meio-tempo. O Corinthians tem que ter ambição. Precisa de mais, muito mais e o nosso atual treineiro não tem em seu pacote de habilidades e conhecimento o que precisamos.

    Fora Tite!

    Curtir

    • bloguedotimao77 permalink*
      09/22/2011 10:33

      O emprego dele tornou-se mais importante do que o Clube.

      Curtir

  14. André Pinheiro permalink
    09/22/2011 9:49

    pra escolher entre paulo andré e castan fico com o primeiro.

    concordo plenamente que o time jogou pelo 0x0, e pensando no que o tite propos ao jogo taticamente o time foi aplicado

    se era pra colocar o danilo aberto na direita era melhor ter colocado o edenilson

    é muito claro pra mim que nao perdemos pq do outro lado estava adilson batista e
    que bizarro é ver esse cara gesticulando com o time o jogo inteiro como se jogador entendesse um catso do que ele ta falando

    tivemos no segundo tempo as 2 bolas do jogo com o emerson primeiro na cabeçada e depois na burrice do william que se volta a bola pro emerson naquele contra ataque….

    ja que vai de tite mesmo, achei importante nao perder o jogo de ontem, resgatou um pouco a confiança e os bambis nao abriram 4 pts.

    casemiro parecia o elias jogando na era adilsiana, perdem um otimo 2º volante e ganham um meia-boca

    hj ta com uma cara de zebra em sao januario

    Curtir

    • bloguedotimao77 permalink*
      09/22/2011 10:31

      Eu também prefiro o PA, mas não vejo nem um nem outro como titular.

      No campo a gente vê uma coisa mais engraçada: o jogador vira o rosto para prestar atenção no Adilson e esquece o jogo.

      Curtir

Trackbacks

  1. Mesa o que quer o Corinthians? « Não pára de lutar!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: