Skip to content

Mesa eu também quero o meu bolsa-atleta!

07/30/2012
  • Aí você está em casa vendo a seleção brasileira contra a Bielo-R e solta aquela piada mais do que manjada: “o Matheus deveria contratar esse Bressan”. No dia seguinte, lê isso e a coisa perde a graça.
  • Sobre a seleção, quando o Mano foi escolhido o César Augusto deu a pedra: Dunga não tinha preparado a renovação da seleção brasileira e caberia a Mano começar do zero. E o que estamos vendo é que Mano está montado uma bela seleção… Olímpica. Ou seja, fazendo o dever de casa que Dunga não fez.
  • Eu não sei muito bem o que as pessoas esperavam desse time sub-23. Leio o PVC hoje no Estadão: “Falta Oscar jogar bem”.
  • Só acho que ele ainda vai se arrepender de não ter levado o cabeludo do Chelsea.
  • Alguém imagina algum outro técnico brasileiro em condições de assumir a seleção? (Pela experiência, aceitaria Felipão como resposta. Mas no nível tático em que o futebol é disputado hoje, nem ele).
  • No feminino, a gente percebe que nenhum time aguenta jogar 90 minutos. Daí a minha sugestão: enquanto a regra não muda, a Marta deveria entrar sempre no 2º tempo. É arriscado pracacete, mas ela estaria no ápice e a zaga completamente acabada.
  • Já no nosso parque, essa coisa de jogador não viajar é um CÂNCER que pode acabar com o time.
  • De fato, como lembra o , já deveríamos saber que Tite abriria mão da vitória para garantir o ponto fora.
  • Olimpíadas: sou favorável que só deve ir para lá os 10 primeiros do ranking mundial ou, atletas bancados por patrocinadores privados. Bolsa-atleta, ok. Mas a realidade mostra que só ganhamos naquilo que tem uma massa de praticantes (judô, futebol, natação e, vá lá, voley).
Anúncios
68 Comentários leave one →
  1. Múcio Rodolfo permalink
    08/03/2012 23:01

    O dono do boteco pira, torcida brasileira! rsrsrsrsrs

    ‘Tite e Mourinho se parecem’, compara Gilson Kleina, técnico da Ponte

    Curtir

  2. Meia permalink
    08/03/2012 17:03

    Acho que existem certas coisas que sempre é bom divulgar, pouca gente conhece à respeito das olimpíadas científicas(matemática, física, química, entre outras). Acabou agora a IMC, olimpíada de matemática universitária, e o Brasil ficou com quatro ouros(o Brasil tem conseguido participações cada vez melhores nessas competições). Aqui um vídeo um pouco “sensacionalista”, mas é uma crítica à divulgação zero que a imprensa dá: http://www.youtube.com/watch?v=Q-DN0x7qx_w

    Curtir

    • Morgana permalink
      08/05/2012 9:11

      Aqui em Fortaleza, os grandes colégios brigam para ver quem coloca mais alunos nos primeiros lugares de olimpíadas de matematica, fisica, quimica (nacionais ou internacionais). Brigam para ver quem aprova mais no ITA, no IME e em outros grandes centros de estudos. Muito por conta dessa diputa aconteceu aquela exculhambação como ENEM, ano passado.
      O marketing dessas escolas nos deixa informados sobre as existencia dessas competições.

      Curtir

  3. 08/03/2012 14:20

    Esses dias o Corinthians perdeu uma grande oportunidade de contratar um exelente jogador… chama-se Borja Valero… eh meio-campo… e joga muito o cara… o Corinthians poderia ter vendido o Élton, WA, JC e etc… pra comprar esse jogador…

    Curtir

  4. 08/03/2012 10:38

    MAIS UMA VEZ: Corinthians vai contra o Vasco com JH como titular. Guerrero e Romarinho disputam uma vaga ao lado do “craque”.
    http://globoesporte.globo.com/futebol/times/corinthians/noticia/2012/08/em-treino-tite-reveza-romarinho-e-guerrero-no-ataque-do-timao.html

    Estou cansado de Tite. Não vou assistir essa merda, chega de estresse.

    Curtir

  5. 08/02/2012 23:54

    Liédson foi pro Fla. Péssimo. Não sabe se vai receber e corre o risco de brigar pra não cair. Em 2002, quando ele saiu de lá pra vir pra cá, declarou que finalmente estava chegando a um clube grande, que iria brigar por títulos e não por rebaixamento. Chega a ser até irônico.
    Agora fica foda torcer pros urubus caírem. Eu não quero que o Liédson manche o currículo dele com uma vergonha dessas. Será que não dava pra escolher um clubezinho melhor?

    Curtir

    • 08/03/2012 14:22

      Isso que eh phoda… queria que o Famengo caisse pra segunda divisão… mas agora, com o Liédson eh sacanagem… mas espero que ele faça bastantes gols nas derrotas do Flamengo…

      Curtir

  6. Múcio Rodolfo permalink
    08/01/2012 18:50

    1- O Adenor já vai ter uma tremenda dor de cabeça para montar nossa linha ofensiva no final do ano e o pessoal fica inventando de se homenagear o Ronaldo Fenômeno. SErá que eles não percebem que esta devoção já está mais do que exagerada? Por falar em devoção e, para não perder a oportunidade, a diretoria está em débito com o Teleco que também merece ter o seu busto no PSJ.
    2- Ainda sobre o futebol da mulherada….penso que o mais simples seja reduzir o tempo de duração das partidas.
    3- Será que eu posso ter esperanças de ver as nossas categorias de base fornecendo jogadores para o time principal como foi em 88, 95, 99, 05? Eu sei que sou insistente, mas não dá para entender o Gomes sendo emprestado e Willian Arão permanecendo no PSJ. Nada pessoal contra ele, apenas futebolisticamente.

    Curtir

  7. Paulo permalink
    07/31/2012 22:11

    O maior problema dos esportes amadores no Brasil é a dimensão do esporte profissional de massa chamado futebol, que açambarca a maior parte de recursos já notoriamente escassos para contemplar todas as necessidades do esporte brasileiro ( o futebol tem mais de 100 anos entre nós e está sedimentado há gerações, quer pela aceitação que teve na elite, inicialmente – talvez por ser bretão -, quer pela possibilidade barata de difusão entre a plebe representada pelos antigos campos de várzea, dos quais pode prescindir, atualmente, até porque quase não existem mais, mas, como o esporte se profissionalizou, buscou caminhos próprios de perpetuação nos campos oficiais dos clubes, aos quais o acesso dos pobres é facilitado, ao menos para esse fim ). Os outros esportes geralmente são muito caros para a esmagadora maioria do povo brasileiro. Num País que não é pobre, mas ainda está um pouco distante de ser rico, e, portanto, tem boa parte dos vícios do capitalismo com poucas de suas virtudes, o patrocínio privado é quase todo canalizado para o futebol, já que as outras modalidades esportivas são praticadas quase que exclusivamente por uma elite econômica, que tem tempo e dinheiro para bancar essas atividades, mas que não gera retorno massivo aos investidores. Pra piorar, não há, até onde sei, um planejamento adequado que permitisse superar ou atenuar, pelo menos, esse desequilíbrio de origem, popularizando os demais esportes, incentivando a sua prática desde a infância, nas escolas, e dando-lhes sustentação posterior, ao longo da vida desses indivíduos que se mostrassem talentosos. Por exemplo, via concessão de bolsas no ensino universitário, como ocorre nos EUA. Mas isso não ocorre entre nós, nem na universidade pública, nem, muito menos, na privada – que de ordinário só visa lucro. Assim, diante desse quadro geral desalentador, que não difunde a prática esportiva, de um lado, nem lhe dá meios de perpetuar-se, de outro, teremos que aguardar ainda muitos anos para que tenhamos sucesso mínimo nas Olimpíadas. Enquanto isso, sou favorável sim à redução drástica dessas “viagens de passeio” da esmagadora maioria dos componentes da delegação brasileira: verdadeiro exército brancaleone dos esportes.

    Curtir

    • 08/01/2012 9:15

      Bela análise. Eu gosto do modelo norte-americano por estar amarrado à universidade.

      Porque a questão não é o medalhista, mas a pá de nego que tenta e não vai conseguir vencer a seletiva. Pelo menos eles teriam uma formação educacional para seguir a vida pós esportiva.

      Curtir

  8. 07/31/2012 20:06

    1) Não acho o futibas feminino ruim, não. Só precisa ser realizado em dimensões menores.

    2) Não gosto de Olimpíadas por causa da papagaiada de ‘política esportiva’. Pô, o Brasil tem mais coisa a resolver.

    3) Os times do Mano e o estilo dele não empolgam. Ele é muito ‘técnico’. Isso não tem agradado ninguém.

    Curtir

    • 08/01/2012 9:18

      1) Ou tempo menor.
      2) CONCORDO! Só que os recursos que já se gastam, poderiam ser melhor aplicados.
      3) Falta tesãobilidade. Talvez, num futuro, a comissão técnica seja como no futebol americano, com técnicos de defesa, ataque, estratégia e um principal mais motivador.

      Curtir

      • Correa Leonardo permalink
        08/01/2012 11:36

        Já comentei sobre essa possibilidade de ter mais de técnico, como no “football”. Uma defesa com o Tite, um ataque com o Luxemburgo e um Felipão entrando com a motivação/sorte, ninguém pararia esse time…

        Curtir

        • Bruno Pereira permalink
          08/01/2012 22:23

          O problema dessa abordagem de dois técnicos é que o futebol é extremamente dinâmico, ao contrário do football. Lá são duas fases bem distintas, onde um time só ataca e o outro só defende. E são times distintos, um pra ataque e um pra defesa, logo os técnicos fazem parte de times diferentes, mesmo sendo o mesmo time.

          O futebol não tem essas fases separadas, então no jogo complica usar essa abordagem. Mas é algo perfeitamente aplicável em treino, e eu acho que traria uma grande melhora .

          Curtir

  9. Daniel CMS permalink
    07/31/2012 19:56

    Srs

    Estou na cidade-sede das Olimpiadas e tenho ingresso pra final do futebol masculino.

    Fico me perguntando o que fazer se a seleção não chegar na final – ver ou não ver os outros comemorarem o ouro. Talvez só se for GBR jogando ou um Senegal da vida pra entrar no batuque logo.

    Se a seleção amarela chegar, vocês verão uma bandeira do Corinthians no estádio.

    Curtir

    • Luciano Guedes permalink
      07/31/2012 23:05

      Essa história ficou muito mal explicada. Sera que a Base corintiana segue entregue a empresários e ele nào estava escalando os garotos “indicados”?

      Curtir

      • Paulo permalink
        07/31/2012 23:29

        Seria leviandade afirmar, de um lado; mas, de outro, ingenuidade duvidar.

        Curtir

    • 08/01/2012 9:20

      Se o cara não tivesse demonstrado competência acima da média, eu até relevaria. Mas o time dele era muito bem organizado para uma equipe de base.

      Mal explicado.

      Curtir

  10. Douglas Castanho permalink
    07/31/2012 12:12

    Faltou criar uma mesa: Pontuabilidade antes que tardia ! rs
    E ponto pro nosso preparador físico, em razão do Douglas e de não termos, no momento, nenhum jogador contundido.
    Abraços !

    Curtir

  11. Zé Carlos permalink
    07/31/2012 10:02

    Sobre a ausência de um política séria de massificação do Esporte no Brasil, resgato Millôr Fernandes: quantos pianistas geniais não perdemos por terem nascido na Babilônia?

    Aqui, primeiro o atleta precisa, por algum milagre divino ou obra do acaso, se destacar no cenário internacional; somente então, após a medalha, é chega algum investimento.

    Não é preciso muito esforço para perceber que a lógica está invertida, né?!

    Pode parecer meio soviético de minha parte, mas, para mim, a Educação Física deveria ser diária nas escolas, ocupando lugar de grande destaque na grade curricular.
    Os fundamentos básicos de diversos esportes seriam apresentados à criançada já nos primeiros anos de vida letiva, e, à medida em que elas forem demonstrando maior aptidão para determinada modalidade, passariam para a especialização, com carga horária crescente conforme o potencial demonstrado – e, evidentemente, o interesse do indivíduo em seguir por esse caminho do esporte de alto rendimento.
    Isso é política de Estado. E tão ou mais séria que as políticas de distribuição de renda, de saúde, educação e segurança públicas, visto ser complementar e catalisadora de todas elas.

    Curtir

    • Bruno Pereira permalink
      07/31/2012 20:44

      O problema maior é o investimento. Com mais investimento, maior o número de atletas e consequentemente maior a chance de algum deles se destacar, isso é óbvio. Mas o investimento em grande parte dos esportes olímpicos é praticamente nulo, e a gente se cansa de ver bons esportistas não seguirem carreira porque o custo/benefício não compensa.

      Se o “salário” do atleta fosse algo que permitisse um foco maior (sei lá, algo em torno de 1000 reais por mês acredito que seria bacana), teríamos um país mais competitivo em outros esportes além de futebol e vôlei.

      Curtir

    • 08/01/2012 9:23

      Nisso, eu só soviético-cubano também!

      E o investimento necessário é menos em equipamento do que parece. É mais nos profissionais de Educação Física que nem sabem como lidar com crianças.

      Curtir

  12. 07/31/2012 1:15

    Esse brasileiro quejoga pela Bielorussia eh muito bom cara… joga bem…

    O esporte brasileiro depende apenas de seus atlétas e de suas familias para conseguir algo importante… pois o governo não ajuda em nada… se depender do governo nada vai acontecer… eh uma vergonha…

    Eh melhor que o Mano não convoque ninguém do Corinthians… pq senão vão querer vendelos… deixa o Ralf lah e convoca outros volantes meia-boca como sempre…

    Acho que o Mano chama muitos jogadores estranhos… que tem o empresario certo apenas… e não qualidade… eh o caso desse Juan… eh ruim demais… nem precisa gostar ou entender de futebol pra saber que o cara eh uma merda…

    Curtir

    • Paulo permalink
      07/31/2012 23:39

      É aí que o bicho pega com o Mano: insiste na convocação e até na titularidade de alguns perebas de maneira bastante suspeita, pra dizer o mínimo. Ou é um gênio, que vê o que outros não veem, ou tem gato na tuba ( lembremo-nos do Souza, sempre ). Por outro lado, teve a coragem de aceitar o cargo ( enquanto outros, convenientemente, não quiseram, talvez, assumir a bucha do trabalho desgastante de formação da equipe, mas que agora se oferecem como uma bacante ao cliente CBF – vide Muriçoca, que já começou a criar problemas nos sardinhas, visando, talvez, uma possível substituição futura de comando na Selenike ).

      Curtir

  13. 07/30/2012 23:15

    Dois assuntos externos mas ainda sim relacionados:

    Ouvi dizer que pro próximo jogo Mano vai sacar Oscar pra colocar sabe quem? GANSO! O retardatário da marcha atlética! Cada um tem o Tite que merece.. ele acerta uma e erra duas.

    Outra coisa, ouvi também que o Corinthians anda sondando e tentando intervir na contratação de Ganso pelo Inter — pelo amor de Deus, será que o Corinthians não aprendeu a lição de Adriano? Vai pagar 500 mil pra essa anta andar em campo e tirar o lugar de quem? Eu sou mais Douglas!

    Curtir

    • Zé Carlos permalink
      07/31/2012 9:02

      Espero que seja apenas boato sem fundamento. Esse moleque aí é uma espécie de Podrinho piorado…

      Curtir

    • 07/31/2012 17:40

      Acho que se ele vir, vai causar um stress na relação com o Santos pior que o do Zé Maria da Lusa… (Com a desvantagem que o Zé fez história e ele tem tudo para não fazer…)

      Curtir

      • Múcio Rodolfo permalink
        07/31/2012 18:39

        Um stress um tanto que desnecessário, pois para a posição dele temos o Danilo, o Douglas, o Martinez que parece ser um bom jogador e um Ramirez que, na minha opinião, é um reserva de muita utilidade..

        Curtir

      • Múcio Rodolfo permalink
        07/31/2012 20:47

        Nos tempos atuais raríssimos serão os jogadores aptos a fazerem história num determinado clube. Não ao nível do Zé Maria, pois a maioria por conta de N motivos tem passagens efêmeras pelos clubes. O Liedson que acaba de nos deixar vai ser alçado a condição de ídolo, mas um idolo do grupo ocupado por Palhinha, Zenon…..e não do grupo formado por Wladimir, Zé maria, Sócrates. Apesar daquele “chilique” que exibiu na final contra o Ramalhão, eu não vejo personalidade no GAnso para encarar a bucha que é jogar no Corinthians. Aqui não basta toquinhos de lado, passinhos de calcanhar para firmar o nome junto a torcida…..Isto sem contar o fato de já termos para a posição dele o Danilo, o Douglas, o Martinez que parece ser um bom jogador e o Ramirez que pode quebrar um galho por ali. Então, se torna desnecessário entrar em atrito com os manjubinhas por causa dele.

        Curtir

  14. Cesar Augusto permalink
    07/30/2012 21:28

    1) Futebol feminino, e não é machismo, é chato pra “baralho”, como diria o Pofexô Vandeco.

    2) Hugo Hoyama nas Jogos Olímpicos é demais. Só dá ele. Mas os resultados, em regra, são os de sempre. Esse Hugo Hoyama, que ganhou uma série de medalhas nos Jogos Pan-Americanos em Jogos Olímpicos é uma espécie de México na Copa do Mundo. Joga como nunca e perde como sempre.

    3) Considerando que o Brasil só vai bem em alguns esportes, será vexatório, por exemplo, as nossas seleções de Badmington, Luta Greco Romana, Tiro ao Alvo e Hoquéi sobre a grama, entre outras modalidades em 2016. A política esportiva no Brasil é uma piada. O seu Nuzman, uma espécie de Rolando Lero dos tempos modernos, só sabe sugar dinheiro público sem demonstrar qualquer resultado satisfatório. Em qualquer país sério, esse cidadão já estaria deposto por excesso de incompetência, roubo qualificado e estelionato.

    4) O Brasil só tem condições de medalha em Atletismo, Natação, Judô, Vela, esportes coletivos como vôlei, futebol e basquete, este ano só o masculino, e mais um outro esporte que a medalha virá no esforço do atleta. Ou seja, melhorou, mas as expectativas são as mesmas de todas as Olimpíadas que acompanhei, desde 1980. A política para a massificação do esporte é precária. O Bolsa Atleta se tivesse o condão de massificar o esporte seria fantástico, mas, por enquanto, é muito pouco para o projeto de se transformar em potência olímpica. Isso é falácia.

    5) O Brasil, nos jogos olímpicos, é café com leite. É a realidade. Melhorou, mas é pouco em comparação ao potencial do brasileiro. Se roubassem menos, talvez fosse possível transformar o Brasil em potência olímpica; Por enquanto, é sonho de uma noite de verão e um discurso ufanista e mentiroso do seu Nuzman.

    6)A cena mais grotesca do ouro da Sarah Menezes foi o Bernard pegando carona na comemoração. Quem vê, pensa que o Bernard, filhote do Nuzman, um dos idealizadores daquela aventura chamada Brasília-2000 e inventor do saque jornada nas estrelas, tinha alguma responsabilidsde pelo ouro alcançado. É um cara de pau. Outro cara de pau é o tal de Marcus Vinícius. São os filhotes do Nuzman no COB.

    7) Quem é mais insuportável?

    O Nuzman ou o Marin?

    Curtir

    • 07/30/2012 23:48

      Enquanto a gente continua falando de Hugos Hoyama da vida, outros países têm atletas de 15, 16, 17 anos ganhando ouro e quebrando recordes.

      Curtir

    • Zé Carlos permalink
      07/31/2012 9:17

      4) Onde assino?

      7) Páreo duro, hein?! Mas ainda acho que o Nuzman, pela importância estratégica do cargo que ocupa, é infinitamente mais prejudicial.

      Curtir

    • 08/01/2012 9:26

      3) Rolando Lero, perfeito!

      4) Apoiado!

      6) A gente ainda tem de aguentar essa palhaçada!

      Curtir

  15. Cesar Augusto permalink
    07/30/2012 21:09

    Eu nunca vi um Técnico da Seleção Brasileira ser tão, injustamente, criticado. Há uma clara campanha dos meios de imprensa para derrubá-lo, ganhando ou perdendo os Jogos Olímpicos. Tudo, em regra, é culpa do Mano Menezes, que tem os seus defeitos, mas dentro do possível faz um trabalho, se não espetacular, ao menos satisfatório, considerando a baixíssima qualidade desta geração, salvo raras exceções.

    Tudo é culpa do Mano, sempre com base em ilações, pois vejamos:

    1) Ney Franco aceitou o convite do SPFC porque Mano Menezes, após o belo trabalho de NF na Sub-20, quis dirigir a equipe nos Jogos Olímpicos. Tal assertiva virou quase uma verdade absoluta. O único porém é que Mano Menezes jamais disse, em momento algum, que não dirigia o time nos Jogos Olímpicos. Ademais, quem escolheu o Ney Franco para o time Sub-20 foi o Mano. Ney Franco chegou ao SPFC por apenas um motivo: A proximidade de Marin e Juvenal ou alguém acha que o NF seria liberado para outra equipe?

    2) Mano convoca os jogadores de acordo com os interesses de seu empresário. Verdade? Não sei ao certo, mas há contradições. Quando Mano Menezes convocou Ralf para a Seleção, naquele amistoso contra a Alemanha, era esquema. E quando não convocou o Ralf em outras oportunidades, inacreditavelmente, era esquema, também, desta feita para beneficiar o Corinthians. Algumas convocações como Fernandinho e Jádson soam estranhas, mas David Luiz, por exemplo, foi um acerto.

    3) A falta de uma seleção com uma base mais forte é culpa, única e exclusiva, da dupla Dunga e Teixeira. O Brasil jogou a Copa de 2010 com uma média de idade de 29 anos. Alguns jogadores, como Pato, Neymar e Ganso poderiam ao menos serem reservas, em 2010, mas Dunga preferiu levar Grafite, Klebérson e Julio Baptista. Inaceitável. Mas a culpa é do Mano. Será que se a Seleção fosse dirigida por Muricy, a situação seria melhor?

    4) Agora, qualquer mau resultado do Brasil, a culpa é somente do Mano. O Teixeira e o Marin, de repente, não têm mais culpa de nada. A culpa é do Mano, que aceitou a Seleção por não ser hipócrita como o ex-técnico do Fluminense, que não aceitou para dar exemplo aos filhos. Pena que, em 2011, lá no Fluminense, ele rompeu o contrato para ir ao Santos treinar o time mais talentoso do Brasil.

    5) Mano Menezes foi bastante didático na resposta sobre o Ralf. Eu concordo plenamente. O 5 da seleção tem que ser mais dinâmico, ter mais qualidade no passe, entre outras coisas, e o Ralf não se enquadra nestes quesitos. Tudo verdade. O problema é que o Treinador da Seleção não tem o direito de acabar com o sonho de um atleta. A resposta foi dura demais com o nosso volantão. Ademais, quem disse que Sandro e Rômulo são volantes modernos. São meros marcadores, com passe bem fraco a exemplo do Ralf.

    6) Se o Brasil ganhar os jogos olímpicos, o mérito é da geração talentosa, especialmente Neymar. Se perder, a culpa é do Mano, que terá o ônus do fracasso, mas não terá o bônus do sucesso.

    7) Se tiver culhões, o Mano Menezes ganha os Jogos Olímpicos, convoca uma coletiva, pede demissão ao vivo e manda o Marin as favas. Seria épico e muito mais digno que aguentar calado as fanfarronices de um dos responsáveis pela morte do Jornalista Wladmir Herzog. Esse Marin é um esgoto humano.

    8) A geração 2014 é mimada ao extremo e com jogadores, salvo exceções, medianos.

    E as exceções atendem por Neymar, Oscar e Pato, desde que esteja em forma. Ganso está mostrando, diariamente, que é um jogador de lampejos e que, hoje, está mais preocupado em ganhar mais dinheiro. Lucas, do SPFC, é hipervalorizado pela mídia festiva. Aliás, Mano Menezes disse que Lucas foi o jogador que menos evoluiu na Seleção, uma verdade absoluta, mas a mídia tricolor, acha que Mano está queimando o atleta. É verdade, Mano o escalou na ponta-esquerda, mas o Lucas não tem lugar neste time. Se o Mano ouvisse as idéias da mídia não teria colocado o Oscar como titular. Antes daquela excursão nos Eua, quase todos os jornalistas pediam a escalação de Lucas, Ganso, Neymar e Damião. Oscar, naquele momento, era um menino mimado. Depois de jogar o que jogou, especialmente, contra a Argentina, o discurso mudou.

    9) Alguém acha que Rafael, Juan, Rômulo, Sandro, Damião, entre outros são jogadores de Seleção?

    10) Se Mano for demitido, Felipão seria o escolhido, provavelmente, apenas pela experiência. Taticamente, o melhor do Brasil é o Mano Menezes. Ao menos, é o mais ofensivo. Muricy e Felipão na Seleção me farão torcer pela Argentina.

    11) David Luiz fará falta. Esse Juan pode colocar tudo a perder juntamente com o goleiro.

    Curtir

    • Meia permalink
      07/30/2012 21:47

      9)São jogadores da seleção olímpica, talvez se o Marquinhos tivesse sido titular no paulista desse ano, roubasse o lugar do Juan. Não sei se Fernando do Grêmio é melhor que o Rômulo, então acho que sim, são jogadores da seleção olímpica. E no amistoso de agosto o Mano deve começar a montar a seleção principal utilizando a seleçao olímpica, então vejo sentido nessa convocação.

      Praticamente a espinha dorsal dessa seleção será Marcelo-Thiago Silva-Neymar-Oscar-Hulk. A partir daí o Mano deverá quebrar a cabeça.

      10)Será que o Felipão aceitaria? Acho que não, tendo em vista que conseguiu finalmente se estabilizar nos porcos e já tem uma copa do mundo no bolso, ele olhando para a seleção sabe a tarefa árdua que o Mano está tendo e não acredito que vá querer ficar queimado com os brasileiros. Eu não tenho dúvidas que o Muricy quer pular para a seleção, agora que o Santos está uma nhaca e foi alardeado para os quatro cantos do mundo que o contrato de renovação tem um cláusula que o libera para a seleção sem multa. Não tenho dúvidas que se a seleção não ganhar a olímpiada a situação do mano ficará insustentável, e nisso acho que perderemos qualquer chance para a copa de 2014…

      Curtir

    • 07/30/2012 22:53

      9- Eu incluiria Hulk e Bruno Uvini nessa lista ai. A maior qualidade do Rafael lateral direito, e talvez a única, é ser jogador do Man Utd. Já o Juan deveria mudar seu nome para JUIN.

      Curtir

    • David 77 permalink
      07/31/2012 0:20

      4 – Como falou o Meia, o Muricy tem cláusula em seu novo contrato obrigando a dispensa pelo San7os em caso de ser novamente chamado para a Seleção. Pra mim isso é prova de ele não deixou o Flu, por não ter sido liberado de multa contratual. Duvi-de-o-dó que a razão tenha sido por ética ou princípios ou pior ainda, um protesto contra Teixeira, como quizeram nos fazer acreditar os Trajanos da vida. Se fosse por ideologia ele continuaria tão arredio a Seleção quanto antes, pois qualquer um sabe que Marins tem em seu passado a mancha negra de ter sido um dos grandes colaboradores da recente ditadura militar em nosso país, posição tão ou mais desprezível que os feitos de Teixeira.

      Curtir

      • Múcio Rodolfo permalink
        07/31/2012 0:41

        O Zé das Medalhas não é tão detonado pela jornalistaiada como era o seu antecessor. O Muriçoca me parece blindado pela imprensa, tanto que quando ele abandonou o time do convênio que estava a perigo na cucaracha e dando vexame no cariocão, logo se apressou em justificar sua atitude alegando que a diretoria tricolor não havia cumprido a promessa de dotar o clube da estrutura mínima que o Muriçoca achava necessário. O duro é ler de alguns blogueiros que o Mano só está na seleção por conta de conchavaos entre o Andrés e o Ricardo Teixeira, numa tentativa de se provar a “enorme influência” que o Corinthians teria na CBF.

        Curtir

      • Cesar Augusto permalink
        07/31/2012 13:45

        O Muricy dispõe da benevolência e complacência da mídia, desde sempre. Ele é o ético, o correto, o perfeito em qualquer sentido. Se o clube em que ele trabalha é campeão, o mérito é todo dele, vide Fluminense 2010. Agora, se o clube onde trabalha não é campeão, a culpa é do clube ou dos antecessores como ocorreu, em 2009, no Palmeiras.

        Ele sempre tem o bônus do sucesso, mas jamais tem o ônus do fracasso. Se ele acerta, é gênio. Se erra, a culpa é do time, como é agora no Santos. Ele sempre tem uma desculpa para explicar os maus resultados. Ele diz que não faz marketing, mas ao dizer isso faz o seu marketing. O marketing onde só ele trabalha, que assiste todos os jogos do Brasil e do Mundo, entre outras coisas.

        Se assistisse, de fato, o futebol no mundo não teria perdido da forma que perdeu para o Barcelona. Foi humilhante. E a tática utilizada foi um 352 vergonhoso. Poucos quetionaram a opção tática e acharam melhor exaltar o Barcelona o eximindo de qualquer culpa.

        Eu não consigo entender como as opiniões sobre este cidadão são deturpadas, sempre no sentido de maximizar a sua participação.

        Estes joranlistas poderiam, ao menos, dizer que, apesar dos títulos, ele estragou o Santos de 2010. Hoje, o Santos é um time mecânico e com apenas uma jogada, a tal bola no Neymar. Nada além disso.

        É um treinador que faz um arroz com feijão, nada demais, vence, sim, mas quando possui os melhores elencos. Sem elenco, faz biquinho e joga aos leões, os seus diretores.

        No domingo, ele disse que, em Recife, jogará ele, o Tatá e o Felipe Faro, o diretor. Teve jornalista que achou engraçado.

        Eu só espero que o Corinthians jamais o contrate, pois para mim, trata-se de um mau caráter e, taticamente, ele está atrás do Tite.

        Curtir

        • Morgana permalink
          08/01/2012 18:05

          Falando em não querer o muriçoca no Timão…teve uma historia ai, faz um tempo, dele se oferecer pra treinar o Corinthians. em que situação isso? Já nem lembro mais

          Curtir

    • 07/31/2012 15:11

      César, vc disse tudo que penso sobre isso (com todas as letras)… concordo 100% e assino embaixo!

      Curtir

    • 08/01/2012 9:29

      5) Concordo. Eu gostei da resposta, mas não gostei do resultado dela.

      Insisto como você: o tal Sandro também não é esse volante moderno.

      8) Perfeito!

      Curtir

  16. 07/30/2012 20:35

    Ah vá, vela não é de massa só aqui.

    Taekwondo também não é de massa (falavigna). Handebol também não (chance de medalhas).

    Bolsa atleta é sim importante, necessário mas nao suficiente, há ainda a parte do planejamento.

    Outra, esporte de alto nível se mede além das 10 vagas, poxa, quantos campeões e recordistas ficaram de fora das finais na natação.

    Abçs

    Curtir

    • Meia permalink
      07/30/2012 21:49

      acho que aqui no Brasil vela é um esporte de “massa” (número muito grande de participantes, não que seja do “povão”).

      Curtir

      • bloguedotimao77 permalink*
        07/31/2012 5:30

        Opa! Eu sou 0800!

        Curtir

      • marcusvcn permalink
        07/31/2012 9:34

        Apesar de ter algo em torno de 2,5 milhões de velejadores, poucos são praticantes, a maioria tem as embarcações por lazer. Os programas de difusão, bem como de formação de “massa” são insipientes, raras exceções, restrito a quem tem tempo e como se associar a um iate clube, isso é fato.
        Mas, algo próprio das nossas elites, pois de tão grande que é o país, os números relativos se tornam absolutos, consegue-se fazer campeonatos em hipismo, polo (jogo em que somos até que bons), vela, mas não são de massa, não abrangem todas as classes.
        Abraços,

        Curtir

        • 08/01/2012 12:19

          Não é tão elite assim quanto parece, mas também nunca vai abranger todas as classes, porque, antes de mais nada, é difícil para o iniciante.

          Mas não é caro para se alugar equipamento nas classes de entrada (laser, wind e optmist).

          Com 6 anos você já compete na optmist que custa R$ 30,00/h de aluguel:

          Curtir

        • marcusvcn permalink
          08/01/2012 14:46

          Pô, tô falando sério. 30 reais a hora é salário de advogado mixuruca.
          Rs
          Ok, sou chato, but at last divirjo, com respeito às opiniões contrárias. Abçs

          Curtir

        • Múcio Rodolfo permalink
          08/01/2012 23:47

          O dono do boteco está confundindo esporte DE MASSA com esporte DO MASSA….

          Curtir

    • bloguedotimao77 permalink*
      07/31/2012 5:24

      Opa! Vela é de massa sim. Até eu pratico!

      A vela de competição é muito organizada no Brasil com categorias de base etc. O Scheidt é cria desse sistema em Guarapiranga.

      Sobre o Handy, eu acho que só perde para o futebol nas escolas.

      Curtir

      • 07/31/2012 6:24

        Andebol (como os portugas) enche estádios não?

        Mas, aqui em bsb como aí em sp, é para poucos que podem a vela. Ainda.

        O que fica é que a medalha é a tal, enquanto na realidade o finalista e o semi finalista de qualquer esporte olímpico é um excepcional.

        Curtir

        • 07/31/2012 7:10

          Acho que estamos com conceitos diferentes.

          Quando eu digo massa é um nº de praticantes suficientemente grande para você garimpar talentos. Vela e futebol de mão têm, ginástica olímpica não.

          Em suma, o dever de casa dos governos era melhorar a prática de Ed Física no Brasil e avançar nas competições de categorias de base. É muita coisa para se fazer, então os caras preferem colocar dinheiro em pseudo-talentos olímpicos que só nos envergonham.

          Curtir

        • 07/31/2012 8:39

          Não, envergonham não, são os únicos.

          Tudo começa com eles alvaro.

          Do resto concordo, só que massa tem que vir acompanhado de investimento, planejamento, organização de base, do campeonato e também de divulgação.

          E por aí vai.

          Abcs

          Curtir

  17. Múcio Rodolfo permalink
    07/30/2012 19:54

    1- Eu me lembro que numa olimpíada ai, o governo cubano mandou apenas atletas nas quais havia chances de medalhas. Só que Cuba é uma outra realidade, né?…..
    2- Sobre a seleção brasileira, eu só não achei certo o Mano ter descartado uma eventual convocação do Ralf. Mas, pensando bem, melhor pra gente…..
    3- Mais uma vez o Corinthians insiste com o tal de Guilherme e mais uma vez a Portuguesa faz aquilo doce. Esta novela já cansou. Muita onda para um jogador que, teoricamente, não vai passar de um reserva de luxo.
    4- Por falar de mulherada, acabo de me lembrar de um tempo em que o Vila Sônia estava tão mal das pernas que ate cogitaram em colocar uma tal de Sissi no meio dos marmanjos.

    Curtir

    • Morgana permalink
      07/30/2012 20:50

      3) Ralf ou Paulinho iriam botar moral naquele meio. Mas quem deveria mesmo ter ido era o Marquinhos. Juan (é isso né?) é uma negação…

      4) Eu acho que existe um boicote com o futebol feminino, como se os dirigentes dissessem assim: “Querem jogar? pois façam nas mesmas condiçoes do masculino”. Poxa, poderia dar uma adaptada nas regras, fisicamente não aguentam é fato, por isso a maioria das partidas ficam modorrentas. O campo com dimensões menores e menos tempo de disputa seria o principal. A nossa seleção joga com uniformes refugo do masculino, um absurdo!
      Marta é indiscutivel, mas coloco na berlinda a Cristiane, que um dia jogou pelo Corinthians. A moça tem uma inteligência de jogo que muito marmanjo não tem. O exemplo mais recente é o primeiro gol dela neste torneio olimpico, ela sai lindamente do impedimento antes de concluir.
      Mucio, dia desses a Marta jogou no amistoso RonaldoxZidane, entrando no lugar da bola, ops, do Ronaldo. E jogou bem mais que ele. =p (tô brincando, viu)

      Curtir

    • bloguedotimao77 permalink*
      07/30/2012 21:51

      2) a resposta do mano foi telepatia com a que eu daria. CONTUDO, o tal Sandro também não é tão bom assim

      Curtir

  18. Meia permalink
    07/30/2012 19:21

    Sobre o bolsa-atleta, não vi comentarem da leva de atletas que viraram militares em 2009 para jogarem os “jogos mundiais militares de 2011”, nisso incluindo a nossa medalhista de ouro.

    Pergunta: quantos atletas de univ. federais/estaduais participam da olimpíada? Talvez eu até esteja com um conceito errado, mas acredito que algum tipo de ProUNI, ou mesmo bolsas para univ. federais/estaduais atreladas ao rendimento esportivo é o caminho. E claro, esses locais precisam ter um melhoramento de 10000% na sua infraestrutura esportiva.

    Curtir

    • bloguedotimao77 permalink*
      07/30/2012 21:46

      Esse seria o caminho, mas por aqui o governo quer comer o omelete…

      Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: