Skip to content

Questões controversas, plebiscitárias ou “eu avisei”!

09/27/2012

Enquanto a gente dança com a irmã, duas questões correm por aí, uma delas eu já tinha sacado e o Cesar iluminou um pouco mais.

Inevitavelmente pela falta de provas, só podemos palpitar. Mas:

  1. A CBF foi capturada? Pergunto porque foi meio recorrente entre vocês que a seleção iria cair no colo do SPFC (mais uma vez) e eu já achava Lucas na principal meio exagerado…
  2. O Corinthians está vendendo seu futuro? Aqui entra o meu “eu avisei”.  É claro que não sabemos o que está ocorrendo, mas o caminhão de notas sobre como as obras estão adiantadas, de fato, chama a atenção. Aí, Andrez abre a boca com isso aqui e eu repito: EU AVISEI. É claro que a Veja não é lá a melhor fonte do mundo, mas o clube deveria vir a público ao menos desmentir. Lembremos que Corinthians já perdeu coisa de R$ 20 milhões de reais ao não assinar patrocínio na camisa este ano, dinheiro que nunca mais vai voltar.

Já não somos lá um time bom de finanças…

Palpitemos, pois!

Ah, ia esquecendo…

Anúncios
15 Comentários leave one →
  1. Cesar Augusto permalink
    09/30/2012 12:52

    Primeiramente, sempre é importante destacar que o Estádio do Corinthians, sendo o estádio da abertura da Copa 2014 e enterrando as aspirações tricolores sob qualquer aspecto, foi uma jogada de mestre do Andrés sobre o Juvenal e, por consequência, uma vitória do SCCP sobre o SPFC. Um golaço.

    Mas tudo tem o seu o preço.

    Espero estar bem equivocado, mas a situação me parece bastante complicada. Eu não vejo nestes dirigentes do Corinthians nenhuma preocupação com o futuro do clube. Esse Rosemberg, que alavancou o marketing corinthiano acertou uma ou outra questão, mas, em regra, seus projetos são lamentáveis e bajulados pelos “passa-pano” das mídias corinthianas, sem contar as declarações, por vezes, desastradas e tem mais:

    E o patrocínio master?

    Em ano de título invicto da Libertadores, não conseguir qualquer tipo de patrocínio master é incompetência em doses cavalares.

    Mas voltando ao estádio, o meu medo é o futuro. O estádio do Corinthians tem que ser bônus, não ônus. As contas, quaisquer que sejam, não fecham e demandarão um baita investimento por parte do Corinthians.

    E, ainda, tem o time de futebol, que deve ser forte para a manutenção de uma boa média de público. É possível, sim, sem dúvida, nunca duvidemos do Corinthians, mas isso tem que ser explicado, item por item, pelo gênio do Marketing. A torcida não pode pagar a conta de eventuais irresponsabilidades cometidas pelos dirigentes do Corinthians.

    Rosemberg deve explicar, sem “Rolandolerice”, de quem será o estádio, de direito.

    Ou será que o nosso projeto é parecido com o do Palmeiras, que terá que aturar a WTorre por 30 anos comandando a futura Arena Palestra?

    Precisamos de explicações convincentes, sem as fanfarronices típicas do Rosemberg, que demonstra uma mania de grandeza mais assemelhada aos ideais leonores.

    Curtir

  2. Múcio rodolfo permalink
    09/30/2012 2:48

    Mais do que o nosso novo estádio, o que incomoda os antis é a nossa conquista da cucaracha…..
    Eu dei uma passada pelo blog do Tironi. O tema era a seleção desfalcando os times brasieiros dos seus maiores valores. O exemplo evidente foi o jogador do cabelo engraçado. E ai nos comentários alguém lembra que durante a cucaracha o Mano convocava jogadores dos manjubinhas e nenhum do Corinthians! Puta sacanagem isso! Bom pelo que me consta o Manjubinha não atuou desfalcado contra a gente por causa da seleção. Veja como os caras choram pra caraleo. A seleção atuou no dia 9 de junho contra a Argentina. Estava lá o especialista em saltos acrobáticos e o goleiro….O primeiro jogo contra o Corinthians foi dia 13. Tiveram 4 dias para recuperarem as energias. Não chegarm na véspera ou no mesmo dia. Se o “Pelé do terceiro milênio” ao invés de descansar, ficou ensaiando passinhos de dança ou gravando comercial o problema não é nosso.

    Curtir

  3. 09/29/2012 20:09

    Sempre foi o meu medo: esse estádio quebrar o Corinthians…

    Curtir

  4. alexandre pereira permalink
    09/29/2012 8:55

    quando a veja rejeita comentarios contraargumentando a noticia é bom, se ve que é reportagem armada, entao fiquemos tranquilos…

    Curtir

  5. 09/28/2012 14:55

    Quanto ao estádio, dívidas, juros, etc, vou falar com pouco embasamento, não sou especialista, e em partes:

    1) associação desportiva:
    1.a) não é sujeita à falência,
    1.b) não pode ser dissolvida exceto por interesse próprio ou ordem judicial (quando não houver mais recursos),
    1.c) desde 2011 o dirigente responde solidária e ilimitadamente pelos ilícitos,
    1.d) se não for “clube-empresa” ou seja, constituir-se como sociedade empresária, é sociedade comum (ou de fato), situação na qual todos os sócios respondem solidária e ilimitadamente pelas obrigações (essa é a tese).

    2) financiamento público: desde 2011 há mais garantias para o financiamento público, pois as associações desportivas foram igualadas às sociedades empresariais para fins de fiscalização e controle.

    3) nenhum grande time brasileiro é sociedade empresária (Ltda., SA, etc.) sendo associações, tendo como regime jurídico a sociedade comum (ou de fato).

    Concluindo:

    Como a responsabilidade do dirigente, desde 2011, é total quando ocorrer algum ilícito e, em especial, a fiscalização (TCU, TCE´s, Controladorias, etc.) já tem como agir diretamente, mesmo que os clubes não se tornem clubes empresa, há que se pensar que os recursos para financiamento (lembro: nunca houve tanto dinheiro à disposição para empréstimo, neste século), estarão na carteira quando os dirigentes quiserem, é só ligar para o gerente do banco.

    Não tenho como pensar de outra forma, a mudança da lei endureceu a situação para os dirigentes e ELES não têm interesse em que o estádio seja fiscalizado, portanto, sem financiamento público.

    Por isso empurram o tal do “naming rights” para que alguém gerencie a obra e tome o dim dim no mercado, “l´argent” que, evidentemente, é fora da realidade para 48k lugares.

    Minha opinião é a mesma de sempre: estádios, mesmo na meca do neoliberalismo, mesmo que às avessas, como é São Paulo, devem ser públicos, por razões de Estado, não de estádio.

    Curtir

  6. luis permalink
    09/28/2012 11:53

    Minha opinião sobre o estádio é a seguinte:

    – Se por um lado o estádio deverá ter lotação garantida por no mínimo 10 anos, tempo que irá levar para todo Corinthiano frequentar ao menos uma vez a casa nova para conhecer, por outro, estamos construindo uma casa de “150m2” ao preço de uma mansão de “1200m2” de área construida em região nobre. É muito caro, é um roubo oque o roxemberg, andres, lula, dirceu e odebresch estão fazendo com o clube.

    – Corremos o risco de quebrarmos e feio, em 2014. Teremos que pagar 120 milhões por ano por 30 anos. Isso mesmo, 30 anos, pois este foi o acordo que o clube fez para tocar as obras sem o dinheiro do BNDES e da Prefeitura, que se negaram na ultima hora a conceder os empréstimos. Vamos pagar 3x o valor do estádio. É como pagar um carro financiado a juros de mercado. No final das contas o carro saiu 3x mais e caro e já vale menos da metade de quando era novo.

    – Para se ter uma idéia, um estádio para 80 mil pessoas, com toda estrutura de primeira, restaurantes internos, camarotes, lojas etc, etc e mais etc, todo coberto e com ar condicionado em todo estádio, até no campo de jogo, do Dallas Cowboys, onde o Brasil jogou no início do ano, custou o equivalente a 2 bilhões de reais, segundo a Globo informou na época. No nosso para 40 mil pessoas e que por melhor que seja, nem se compara a este outro, irá sair po 1.2 bilhões. Isso se pagassemos a vista. Financiado sairá por mais de 3 bilhões. Absurdo total!!!!

    Curtir

  7. Múcio rodolfo permalink
    09/28/2012 0:16

    Eu nunca esquentei muito com esta história de sem-estádio….mesmo porque já temos um (a fazendinha), um outro que é como se fosse nosso (até os dirigentes da porcada declararam que o estádio tem a cara do Timão)…..mas como resolveram construir o estadio torço para que ele saia e que tudo o que vem sendo dito de forma negativa em relação a ele sejam desmentidas com o tempo….Já que se atreveram a calar a boca dos antis que tomem cuidado para não transformar isto num grande vexame….Como torcedor eu acredito porque o Corinthians tem uma grandiosidade capaz de compensar as cagadas de seus dirigentes….Quando imaginamos que está no fundo do poço e que não vai haver solução, aparece uma solução….O Citadini certa vez vaticinou que a parceria Corinthians e MSI seria desastrosa para o clube. E foi. Só que o clube se recuperou rapidamente de seus efeitos. Pelo menos é essa impressão que eu tenho. Eu penso ser possível montar um time competitivo, mesmo com os cofres depauperados pelos gastos com o novo estádio. Com grana é mais fácil, mas não tendo muito dela tambem é possível. “Basta” um pouco de inteligência. O time de 95 serviria como modelo. ….E por fim, é verdade que a diretoria deveria vir a público esclarecer as coisas. Mais para dar uma satisfação aos torcedores que a eles que ela terá de recorrer se as coisas encardirem.

    Curtir

    • 09/28/2012 7:09

      Eu concordo, isso é mesmo a história do Corinthians.

      O único senão é que a conta desse estádio é coisa de R$ 1 bilhão mais juros e o cacete.

      É um valor muito alto.

      Curtir

  8. Paulo permalink
    09/27/2012 22:09

    É evidente que cada qual tem a sua posição, e a minha é clara: o estádio é uma necessidade imprescindível para o fortalecimento e crescimento do Clube. A hora, igualmente, era essa. Andrés agiu bem nos bastidores e obteve para nós nada mais nada menos do que aquilo que os bambis obteriam para eles – e provavelmente a um custo muito maior para a cidade de São Paulo, com a reforma em si e as obras no entorno de um estádio sucateado e muito mal localizado, incluindo desapropriações numa Região sobrevalorizada, caríssimas para o Erário. E com a vantagem nada desprezível de ter anulado a iniciativa adversária. Ponto para Andrés, Lula e Rosenberg. Agora, o que tá pegando é que não sabemos exatamente, até hoje, em que termos foi feito o contrato com a Odebrecht e como foi criado esse tal Fundo de Investimento Imobiliário – e especialmente em que isso compromete ou comprometerá a nossa autonomia sobre a gestão ou mesmo sobre a propriedade do estádio, e por quanto tempo. Diante da falta de transparência quase que total – a oposição corinthiana, se fosse séria e qualificada poderia ajudar e muito a clarear essa questão -, só nos restam duas alternativas, mutuamente excludentes: acreditar que a coisa está sendo conduzida de forma profissional e que os interesses do Corinthians estão, na medida do possível, tanto sob o aspecto jurídico quanto sob o aspecto econômico/financeiro, sendo preservados; não estamos bem representados e assistidos, ou há gente de dentro do Clube querendo meter a mão, hipóteses em que podemos esperar bucha para o futuro. Prefiro continuar acreditando na primeira alternativa.

    Curtir

  9. 09/27/2012 22:06

    Dá pra ver que vai dar merda pro Corinthians pelo siguinte:

    – O Presidente do clube é delegado e convive com um monte de criminosos…
    – O Vice-presidente Rosemberg… fazia parte do Banco Panamericano que faliu… como uma pessoa que tem uma falência de um banco no curriculo pode ter algum cargo no Corinthians?!

    Eh lógico que vai dar merda…

    Curtir

    • alexandre pereira permalink
      09/29/2012 8:54

      ele foi responsavel sozinho pela falencia do banco? quanto ao gobbi er delegado ??? ah ala serio… assim como era utopia o estadio sair ,agora é utopia acreditar que esse estadio nao saia e que abertura seja no morumbi…. perderam po…. oque restam é especular e jogar a opiniao publica contra…. mas isso é nada contra a opinião corinthiana

      Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: