Skip to content

Goiás 1×1 Corinthians, por que faz isso…

05/30/2013

Perdi praticamente o 1º tempo inteiro no caos aéreo, mas deu para ver que o tal caos não é só meu, a nossa pequena área está lembrando o aeroporto Santos Dumont: Goiás 1×0. Esse pouco tempo de jogo é facilmente resumido em uma palavra: vergonhoso.

Já no 2º tempo, mesmo jogando num ritmo de bolero, Timão foi estupidamente superior tecnicamente, com Douglas colocando 3/4 bolas longas mortais. Mesmo considerando que Douglas jogou bizarramente sem marcação (vai vendo o naipe do Goiás), inegavelmente fez o papel de maestro.

Era para ter saído o 1×1 numa bola dele para o Pato, que entrou todo pimposo, cheio de categoria e chutou de um modo a justificar a DESTRUIÇÃO DA TV. Era para ter saído o 1×2 numa outra bola preciosa dele, Douglas, mas Guerrero não é bom com os pés, não adianta quebrar a TV por isso. (Nota mental: eu acho que já comentei que quando a bola mudou de peso, houve uma fase transitória de gols facilmente perdidos por cima da trave. Alguém buzinou para mim que tentou chutar essa bola medonha laranja e ela subiu sozinha).

Teve ainda o 1×3 num penal tão não marcado, mas TÃÃÃOO NÃO MARCADO, que é coisa para AFASTAR o zagueiro. Você não pode dar um tapa na bola dentro da área por que ela escapou: é pênalti e expulsão. Quanto ao juiz, provavelmente estava como a maldita transmissão da band, foi até Goiânia para ver o “público” tomando cerveja.

Dessa goleada virtual, só ficou mesmo o 1×1 do bom Guilherme no finalzim.

Corinthians não jogou bem e achei a substituição daquele Léo no fim, quando o Edenilson já apoiava mais, meio aleatória. Tite não tinha ideia nenhuma e fez um uni-duni-trê-salamê-mingue.

Contundo, mesmo não curtindo o sistema tático e em respeito a finada TV, tenho de canalizar minha raiva para o Romarinho. COMO JOGOU MAL O FDP! Displicente, um inútil completo, não marcou, não chutou, não reclamou, não correu… NADA!

Pô, o cara é bom, somos fans do cara aqui, mas assim não pode.

Anúncios
26 Comentários leave one →
  1. Luis permalink
    05/31/2013 15:47

    Cruér… segundo semestre com cara de interminável!!!!

    Curtir

  2. 05/31/2013 3:49

    Off topic (+-)
    “Agora é olhar para o Campeonato Brasileiro e para a Copa do Brasil para vencer e mostrar futebol, não apenas para voltar à Libertadores, esta taça viciada que, talvez por isso mesmo, todos querem, como se fosse a mais bela das prostitutas da zona que se chama Conmebol.”
    JK

    E concordo.

    Curtir

    • Múcio Rodolfo permalink
      05/31/2013 9:02

      Eu concordo, principalmente quando chama a Comembosta de zona. Se bem que o termo mais exato seria puteiro…..com todo respeito às profissionais do sexo!

      Curtir

      • Morgana permalink
        05/31/2013 10:32

        Aqui em Fortaleza, usa-se a expressão “cabaré desgovernado”.

        Curtir

  3. andre pinheiro permalink
    05/30/2013 21:48

    sheik nao da mais, romarinho nunca deu, banco neles, a volta do 442 é obvia, com r.a. ou douglas

    Curtir

  4. Daniel CMS permalink
    05/30/2013 20:09

    O time tá numa nhaca gigante. Tudo é problema agora.

    Tite e seu esquema tático tão sendo anulados e a carência de criatividade sobressai. Ontem o Tilte poderia ter tentado Ralf/Guilherme/Tufão/Edenilson no meio, com o Tufão botando bolas pro Edenilson e pros atacantes e o último carregando a bola na intermediária pra quebrar a marcação verde – coisa que Pato e Romarino tentaram e não se deram bem.

    Pontualmente, me dá tristeza ver o Edenílson na lateral. Marca mal e fica engessado naquele setor e, quando chega na área, já tá sem fôlego.

    Álvaro, faltou enaltecer o passe monstruoso do Ralf pro Guilherme. Antes, o Ralf tinha dado uma chilena/escorpião no meio de campo que foi bacana também!!!!

    Curtir

    • Múcio Rodolfo permalink
      05/30/2013 20:19

      E o Guilherme Andrade que veio da Ponte? Por que o Adenor não o escala na lateral direita?

      Curtir

  5. Cesar Augusto permalink
    05/30/2013 17:18

    1. A mesma praça, o mesmo banco, as mesmas flores, o mesmo jardim…

    2. O Corinthians, em maio, jogou 7 vezes, ganhou, apenas, uma partida contra o Santos, empatou 5, SPFC, BJ, SFC, BFR e Goiás, e perdeu uma partida para o Boca Juniors, que foi fatal. Destes números, podemos concluir que a equipe tem mais predisposição ao empate do que a vitória, quando se trata de adversários de bom nível. Para campeonatos por pontos corridos, os empates, como o de ontem, são fatais para as pretensões de título.

    3. A maioria destes 7 jogos seguiram um roteiro praticamente idêntico, pois vejamos:

    * Exceto contra o Santos, que não é parâmetro, em todas as outras partidas, o Corinthians foi dominado, taticamente, nos primeiros tempos e, praticamente, não ameaçou as equipes adversárias. Alguém lembra de uma chance do Corinthians no primeiro tempo, contra o BJ, lá e cá, SPFC, Botafogo e Goiás?

    * Apenas no 2º tempo, após os adversários cansarem, o Corinthians criou algumas chances, mas não muitas. Exceto, ontem e contra o SFC, nas outras partidas não tivemos tantas chances assim. O time tem pouca criatividade e joga sempre da mesma forma.

    * Os erros técnicos da equipe são deprimentes. Romarinho erra domínio de bola, Guerrero perde gol feito, Pato perde gol feito e Emerson erra tudo. E isso, não é de ontem, é desde o início do ano.

    * Não sei vocês, mas desde o primeiro jogo contra o Boca Juniors, em 01 de maio, eu fico numa angústia danada com a equipe. O tempo vai passando, o time não cria nada e a sensação é de que o gol não sairá. O Corinthians só fez dois gols contra o SFC, no Pacaembu, mas este time não é parâmetro. Até o Mogi-Mirim deu sufoco no SFC. De resto, 6 gols em 7 jogos, em maio, o que dá a média de 0,85 por partida, ou seja, uma lástima.

    * O ar blasé da equipe é outra coisa que vem irritando. Estão todos, sem exceção, do goleiro ao ponta-esquerda, da Comissão Técnica a Diretoria, de barriga cheia, achando que não devem provar mais nada, porque o Corinthians é organizado, bem administrado, ganha títulos, tem dinheiro. Até aí, tudo bem, é verdade, mas vale ressaltar que ganhar é fácil, sem tirar os méritos das conquistas, mas se manter no topo é muito mais difícil. Eis o desafio.

    4. Neste ritmo, considerando que o Corinthians empata mais do que vence, mesmo dispondo do melhor elenco do Brasil, o time se complicará no Brasileiro.

    5. Tive a mesma sensação do dono do boteco em relação ao Romarinho.

    6. Douglas foi muito bem. Hoje é titular, mesmo com aquela constrangedora pança. Emerson, infelizmente, em maio, não acertou uma jogada e errou 338. Acho que deu, né.

    Curtir

    • Múcio Rodolfo permalink
      05/30/2013 17:53

      Contra o Protegidos do Amarilla críamos chances de gols no primeiro tempo sim. Tanto que o gol anulado do Romarinho foi no primeiro tempo. E o pênalti cometido pelo zagueiro argentino também.

      Curtir

      • Cesar Augusto permalink
        05/30/2013 18:06

        Estes lances, embora suficientes para mudar o rumo da partida, foram isolados. O Corinthians contra o Boca Juniors, tirando o fator Amarilla, não teve o domínio tático do jogo em momento algum. As equipes, como gostam de dizer os “Professores” estão encaixando o Corinthians.

        Curtir

        • Múcio Rodolfo permalink
          05/30/2013 18:12

          Estes lances seriam o suficiente para entrar nos “anais” das partidas memoráveis do clube…. Quantos times no Mundo podem dizer que eliminou os xinezes aplicando lhe uma goleada retumbante?

          Curtir

  6. Nicolas permalink
    05/30/2013 17:05

    Eu penso que, para aumentar o seu poder ofensivo, o time teria de ter um bom jogo pelos flancos e pelo centro. Quem joga pelos flancos teria que ter a capacidade de cruzar bem e/ou de entrar em diagonal. Romarinho e Sheik, na minha opinião, não estão acertando nada. Prova disto é que os centroavantes não recebem assistências por parte destes dois. Não podem se resumir à função de marcadores de laterais. Quanto aos laterais, Fábio Santos desaprendeu a apoiar e Edenilson vai bem nesta função.

    Em relação ao meio, acredito que a solução estará bem encaminhada com Douglas, Pato e/ou Guerrero. Claro que há possibilidades para o Renato Augusto. Não vejo o Danilo como um bom meia-central, penso que lhe faltam velocidade e mobilidade para a função. Mas é claro que é um jogador muito útil.

    Para concluir, um técnico deveria buscar um pouco um mix destas coisas. Até tentar jogadas que dependam de iniciativa individual, como as infiltrações.O que não seria aceitável é ficar levando a bola toda hora para os cantos e tentando cruzamentos. Não há necessidade de jogadores de bom nível técnico para um futebol tão tosco.

    Curtir

    • 05/30/2013 17:12

      Bem analisado, inclusive me parece que o Tite (e todo mundo) virou viúva do Renato Augusto muito cedo.

      A verdade crua é que, seja o sistema que for, alguns caras estão jogando um futebol amargurante.

      Curtir

  7. Morgana permalink
    05/30/2013 15:37

    Álvaro quebrou a tv e eu, como não tenho nenhuma pra quebrar, ou são as da casa da minha vó ou as da casa dos meus pais, resolvi fazer uma promessa de não me estressar nem vendo o jogo, nem tuitando ou cornetando por aqui. Tá tudo lindo e perfeito.

    Curtir

  8. Raphael permalink
    05/30/2013 14:14

    – Esse campeonato tá com cara de que será aquela M do ano passado… o 1º tempo ontem foi de dar dó. O time não marca mais nada! O Tite se perde nos próprios valores… que volte o Titenaccio, prefiro jogar mal mas com alguma raça e vontade do que jogar ainda pior e nesse marasmo de enervar o véio.

    – O Douglas jogou muito bem mesmo, mas lembrem do Guilherme que dá muita qualidade no passe e tem uma movimentação diferente do Paulinho.

    – Podem me xingar, mas eu venderia hoje 2 destes 3: Ralf, Paulinho ou Romarinho. São jogadores jovens que já ganharam muito no Corinthians mas estão visivelmente sem o tesão de quando chegaram. Assim como Ralf e Paulinho substituíram muitíssimo bem o Christian e o Elias, acho que tá na hora do Guilherme e o… Arão (brincadeira, porra!) e o Edenilson assumirem vagas nesse time. Esse Jocinei aí também tem pinta de boleiro.

    – Alessandro, Fábio Santos e Emerson também já não dão mais conta… até manteria os 3 no grupo, num rodízio, mas como titulares fica complicado.

    – O Guerrero fez vários goles, interessantes até, com o pé neste ano. Não entendo a pegação de pé do blogueiro com o pé do Peruano.

    – Outros velhacos do time (Danilo, Douglas, Chicão) ainda têm caldo a entregar.

    Curtir

    • 05/30/2013 17:15

      – é verdade, o que mais eu enaltecia aqui, a marcação, sumiu.

      – sim. ele tem um enquadramento melhor o que facilita. Mas a marcação do Goiás era muito leniente também.

      – Tamo junto nessa.

      Guerrero não é bom com os pés não! Analise com atenção…

      Curtir

  9. Múcio Rodolfo permalink
    05/30/2013 13:46

    1- Ontem, após a partida, o tal de Dudu Cearense afirmou que o empate foi conseguido diante do melhor time do país e o melhor organizado taticamente. Se não foi bem isso, foi por ai….
    2- A mim me parece estranho um técnico ver o seu time arrebentando o adversário numa partida e, mesmo assim, orientar o seu time a jogar de forma diferente na partida seguinte. O cara sabe que o seu prestígio, o seu sossego, a sua valorização dependem de vitórias… O cara não é tão retardado a ponto de não enxergar a forma mais eficiente de se chegar até elas.
    3- Penso que a gente precisa parar de acreditar que o Corinthians tem um time muito superior aos demais. Pensando desta forma- que temos um mega-hiper-ultra-super time, como é que se pode cobrar dos jogadores que eles não sejam arrogantes, prepotentes?
    4- O time é campeão brasileiro, reclamam porque foi na ultima rodada -esquecendo-se que, além dos próprios erros cometidos pelo técnico e pelos jogadores, teve algumas arbitragens “muy amigas no caminho”. O time ganha a Cucaracha Cup, reclamam porque o time quase não ganhou fora de casa. O time conquista o bicampeonato mundial, reclamam porque não massacrou o time do faraó. O time conquista o Paulistão, reclamam porque empatou com o Nho-Quim e com o Foguinho! Por falar neste ultimo, alguém aqui toparia trocar esta campanha pela de 2000 quando arrasamos com meio mundo e capitulamos na semi diante dos bambis?
    5- Está tudo bem? Evidente que não. Talvez se o Adenor mexesse algumas peças, o que se viu no primeiro tempo seria diferente. Fala-se de esquemas táticos alternativos. De nada adianta tais esquemas se os jogadores em campo não executarem corretamente. O Fábio Santos vai ao ataque com frequência. Só que se perde quando tem a bola nos pés. Ele merece o respeito da torcida pelo que andou fazendo, mas já está na hora do Adenor pensar no Igor atuando por ali. O time ganha a posse de bola, parte para o ataque e a jogada morre nos pés do Emerson. Com relação aos dois meias, eu acho que o Adenor não vê muita firmeza na dupla Danilo-Douglas. Quando o Renato Augusto estava a disposição, o time jogava com dois meias de armação.

    Curtir

    • Raphael permalink
      05/30/2013 13:57

      Múcio, até entendo o seu ponto… eu estou entre os chatos e cricas que reclamam desde que o Mano saiu. Mas cá entre nós, o time não tem jogado nada! Ganhamos o que ganhamos com o Tite, que tem lá o seu mérito, muito na base da raça e de uma (pequena) superioridade técnica – veja que os nossos gols, ultimamente, são sempre dos mesmos: Romarinho (nhé), Paulinho, Danilo e Guerrero/Pato.

      Curtir

    • 05/30/2013 17:17

      Eu ainda acho que temos momentaneamente o melhor elenco (e isso não significa dizer que é um elenco fodástico). Só é um elenco melhor que dos outros times.

      Partindo dessa premissa e lembrando que é pontos corridos, você é obrigado a vencer jogo contra times como esse Goiás. Um assombro de ruindade.

      Curtir

  10. 05/30/2013 13:31

    1 – O time dá indícios que pode funconar no 4-2-2-2 com RA voltando, mas Goiás não é parâmetro.
    2 – Pato, se tiver sequência inevitavelmente vai calibrar a pontaria.
    3 – O problema do Douglas é sumir do mapa quando mais se precisa, mas não foi o que ocorreu ontem. Melhor em campo quando o time resolveu jogar o mínimo.
    4 – Tite extraiu o que podia do esquema em 2012. Aquela “liga” que deu certo já era. Ou muda ou o que teremos será um enxurrada de justificativas a cada coletiva. A bola da vez é a bola.

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: