Skip to content

Corinthians 2×0 Flamengo, saudosa vitória, vitória querida…

04/27/2014

Corinthians começou muito bem num 4-2-2-2 com Petros fazendo excelente movimentação do meio para esquerda, segurando, como previsto, Léo Moura na marcação e evitando a melhor jogada ofensiva adversária. Quem foi um bom observador deve ter notado a avenida característica que se abre nas laterais quando se joga no 4-2-2-2. Imagino que pela TV vocês viram o tanto que Fábio Santos tinha de espaço para avançar. Nós, no estádio, ainda tínhamos uma imagem mais cruel: Fágner livre um cem número de vezes e nosso meio não tinha um Zenon para virar rapidamente o jogo…

Sem a bola, o sistema se remontava num 4-1-4-1 bem comum na outra passagem do Mano pelo clube.

Além da puxada proposital pela esquerda, outro ponto importante era a vontade de dar velocidade ao jogo. De fato se o tesão em correr existia, a execução que não era nada feliz.

Adversário veio exatamente como prevíamos: jogando atrás da linha da bola e com um excesso de compactação absurdo. Compactar ou encurtar verticalmente o time é algo bom, mas exagerar a altura da última linha de zagueiros começa a ser muito arriscado, pois atacantes rápidos com fintas ou dribles superam rapidamente a última linha e tem campo livre para chegar ao gol. Essa ideia do técnico do Flamengo é bisonha: ele acredita que a possibilidade do time já estar adiantado para a transição ofensiva compensa o risco da jogada de penetração (e Corinthians realmente se aproveitou disso!). Ninguém joga assim no mundo (compare com Mourinho colocando a última linha já na sua grande área).

Foi sim um bom começo, cobramos superação de um elenco ainda novo, ainda duvidoso, mas a superação estava lá. O Guilherme 1×0 foi premiação disso tudo.

Com o gol, Léo Moura veio com tudo para cima do Fabio e Mano fez Petros criar pressão às suas costas. Não deu outra: olha lá o que ocasionou a expulsão clássica de carrinho por trás! (Li um maluco dizendo que houve “excesso de rigor” do árbitro até então rubro-negro: É A REGRA, ESTÚPIDO!).

Dava para ter voltado ao vestiário com pelo menos mais um gol, contudo a atuação da dupla Guerrero-Romarinho foi mais uma vez desastrosa.

Voltamos para o 2º tempo mais cautelosos e com uma atuação ofensiva ainda individualmente lamentável. Mano ficou bronqueando inutilmente contra os erros de passe e a falta de inteligência futebolística até que começou a mexer com Danilo no lugar de Petros (acredito para dar mais posse de bola). Mais para frente ele trocou a dupla de patetas por Luciano e Malcon-X.

O time melhorou, aproveitou melhor as roubadas de bola e merecia ao menos mais 2 gols. Conseguiu um bem montado com que premiou o trabalho dos dois melhores em campo: Fabio cruzou para o Gil 2×0.

Resultado importantíssimo.

Ficou a certeza de que a promessa de evolução jogo-a-jogo está se confirmando. O sistema defensivo está muito mais estável, isso é inegável. Para alegria minha e do Esparta, o Cleber só teve um momento VIDA LOKA no 1º tempo (daria nota 8,32 para ele hoje), Ralf está reaprendendo a jogar de volante e o time, ao menos, tentou jogar com velocidade. Nesta última parte não conseguiu, mas tentou.

O problema está, como Mano supunha deste o início e eu não, no ataque. Guerrero deveria pedir desculpas pela atuação de hoje. Impressionante sua falta de categoria num mísero passe lateral. Jadson some e, sinceramente, não parece estar no nível do Douglas, o que torna Renato Augusto um craque necessário nesse time.

Enfim, fiquei com a impressão de que o time que terminou o jogo é melhor escalado do que o time que começou. Impressão.

Certeza mesmo só uma: Malcom será atacante titular desse time até o final do campeonato.

Sheik

Um jogador próximo da aposentadoria já deve pensar em administrar seu legado e o dele é invejável. Mas Sheik quer ser a Paris Hilton do futebol brasileiro, o que é doentio. Ao sair batendo a porta cria um clima de afastamento que pode lhe prejudicar lá na frente, sendo esquecido pelo clube nas homenagens, eventos, memoriais etc. Ele deveria saber que a crítica ao mal futebol dele, justas ou não, serão esquecidas quando da aposentadoria e o que lembraremos (ou lembraríamos) seria o gol contra o Boca. Querendo polemizar sem dar algum embasamento ficou com a imagem de babaca.

Mas tudo tem outro lado: vejo aí que Mano tem sim um grupo dentro do PSJ trabalhando a cabeça dos atletas para derrubá-lo. E Mano, todo mundo sabe, é péssimo na administração do vestiário.

Em tempo:

Copo meio cheio: para quem não sabe, campeão brasileiro (tirando 2009) precisa de 73 pts ou 64% de aproveitamento (em 2010 foram 71 pts). Faltam só 70 pontos.

Anúncios
30 Comentários leave one →
  1. viramundo permalink
    04/30/2014 18:56

    1) Por que o Guerrero teima em cair pra lateral? No primeiro tempo, o vi por umas três vezes na lateral e… Romarinho e Jádson no meio!

    2) O time começou a cruzar quando o Guerrero saiu. O.o

    3) Precisamos de atacantes. Pra ontem. Mano quer um time rápido, no ataque e na recomposição.E times rápidos precisam ser matadores, pois tendem a não ser ‘envolventes’.

    4) Jádson não é jogador pra ficar sozinho no meio.

    5) Mano e suas manices: o time tomou sufoco no segundo tempo. Recuou. Perdeu o ímpeto. Ele precisa mudar isso, além da questão do vestiário.

    Curtir

  2. 04/30/2014 9:59

    O Cleber parece mesmo que está mais centrado. E se não tivesse não poderia criticá-lo mesmo assim, pois sentei atrás do irmão dele (que já conheço de outras entrevistas no estádio mesmo). Estou brincando, é óbvio, ele é gente boa e conversamos um pouco no inicio do jogo quando eu fiz menções pouco honrosas ao Romarinho, aparentemente chapa dele. Será que eu sou o único que acha que o ápice do Romarinha foi “aquele” jogo na Bombonera? Não me entendam mal, ele não é ruim. Mas está longe de ser atacante titular do Corinthians. Talvez um bom reserva. Apesar da temporada razoável em 2014. Mas também com o ataque horroroso que temos no momento, quem tem um olho é rei. Eu apostaria mais no Luciano e no Malcon, mas entendo o receio do Mano em fazer essas apostas. Para finalizar, melhoramos um pouco na organização, mas ainda não temos um time. E isso é preocupante depois de uma pré-temporada completa.

    Curtir

  3. Nicolas permalink
    04/29/2014 22:24

    Nenhuma dúvida de que o Petros tem sido um jogador muito participativo. Lidera o ranking de desarmes e está em segundo lugar no ranking de dribles certos do Footstats: http://www.footstats.net/campeonatos/brasileiro-serie-a-2014/estatisticas/ Este jogador tem sido uma grata surpresa. Ao passo que o Jadson tem sido omisso e não aparece com destaque em nada. Espero que o Jadson reapareça e prove que a imprensa esportiva estava certa ao elogiá-lo.

    Curtir

  4. cesar cachaça permalink
    04/28/2014 17:57

    o time vem evoluindo, mas precisa evoluir mais. Até uns 5 ou 6 jogos após a parada da Copa, com nova intratemporada + eventuais reforços + Elias, o importante é se manter no bloco da frente, ali na faixa da liberta. Ontem ficou evidente o posicionamento tático efetivo, mas uma deficiência técnica gritante (muito erros de passes) – como vc falou, o desenho era de um time em velocidade mas os jogadores não conseguiram executar. Acho que com ritmo de jogo + confiança isso tende a melhorar, mesmo que com as mesmas peças. O único problema absurdo de elenco é a falta de uma opção para o Guerrero. O resto é tudo variável de acordo com o conjunto; o Cruzeiro passeou ano passado com um elenco cheio de jogadores que jogando num time não encaixado todo mundo pensaria “esse é pereba”, jogando num time que encaixou vira semi-craque…lembro que Mano não é conhecido por montar bons times rapidamente; tanto em 2009 quanto em 2010, quando o time encaixou, já se passavam de 3 a 5 meses. Esse ano demorará mais pelas circunstâncias, tenhamos paciência.

    Curtir

    • 04/28/2014 18:10

      O problema é que o Guerrero está piorando a cada jogo. É irracional demais a gente depender tanto de um cara e ele jogar tão mal.

      Se fosse na década de 80, quando comprar/vender jogador era mais difícil, o técnico pegava o ZÉ PAULO e ensinava a jogar de centroavante.

      Fizeram isso com o Casagrande e com o Viola, dois meias grandões da base que foram jogar na 9.

      Curtir

      • Cesar Augusto permalink
        04/28/2014 19:18

        Zé Paulo de 9 não seria má ideia. É preciso treino, mas é melhor inventá-lo ali que aguardar Romarinho e Guerrero desencantarem.

        Curtir

    • Cesar Augusto permalink
      04/28/2014 19:21

      Em 2009, time só encaixou na primeira partida da semifinal contra o São Paulo.

      Em 2010, time só encaixou depois da eliminação na Libertadores.

      De fato, é um defeito que Mano Menezes tem de corrigir. A Seleção, também, só se acertou após os Jogos Olímpicos, ou seja, após mais de 2 anos no cargo.

      Curtir

  5. Cesar Augusto permalink
    04/28/2014 17:51

    Se o Corinthians contratar 2 atacantes de respeito para os lugares de Romarinho e Guerrero, brigará pelo título, mesmo com o time, por enquanto, não impondo qualquer confiança ao seu torcedor.

    E, ainda, tem o Elias que trará uma melhora considerável ao meio-campo.

    Mas, se ficar com Guerrero e Romarinho, pode esquecer qualquer chance neste campeonato. Eles são intoleráveis.

    Curtir

    • 04/28/2014 18:06

      Já li também que Romarinho virou vendável…

      Curtir

      • Cesar Augusto permalink
        04/28/2014 19:17

        Que São Jorge lhe ouça. Romarinho não fará a menor falta e não tem margem para evolução. É esse futebolzinho aí e mais nada.

        Curtir

    • Nicolau permalink
      04/29/2014 13:51

      Sobre contratações pro ataque, só vi falando do William, que não me traz lembranças de um grande futebol. Que opções tem por aí pra chegar e jogar?

      Curtir

  6. Correa Leonardo permalink
    04/28/2014 9:46

    1. FS ontem jogou muito bem. Quase igualou a melhor atuação dele com a camisa do Timão, que foi aquele “Chupa Léo” que ele mandou ao vivo lá do Zapón!

    2. Se o RA um dia voltar e o Elias encaixar, esse meio-campo pode ficar bom, com bastante opções. Por outro lado, talvez fosse bom encostar o dedo do Romarinho no 220 antes de entrar em campo. Só pra garantir… Já o Guerrero, nos lembra que centroavante quando enzica desse jeito a fase fica terrível!

    3. Esse Malcom-X tem futuro. Tomara que não vendam ele para a Roma por mixaria. Gostei também da entrada do Luciano no 2º tempo, abriram uns espaços num jogo em que, no retorno, Flamenrgo com 10 praticamente dominava a partida.

    4. Érmensson Sheik poderia ser um ídolo pra sempre. Entretanto, preferiu outro caminho. Mais facilmente nos lembraremos dos cartões, das ausências, dos migué, que da importância que o cara teve nas conquistas em 2011 e 2012.

    Curtir

    • 04/28/2014 18:04

      1. O problema é a média dele não ser essa, mas a gente vê que se adaptou muito rápido ao corredor do 4-2-2-2

      2. Li agora que Romarinho parece sentiu pancada durante o jogo

      3. Crack

      Curtir

  7. luis permalink
    04/28/2014 9:17

    O flamengo desfalcado de boa parte do time e com um a menos e ainda colocou o seu ritmo de jogo sobre o Corinthians… sinceramente por um lado foi decepcionante isso… claro que vimos a defesa mais sólida o Cássio muito bem no gol, e uma ou outra evolução e tomara que continuemos a evoluir, mas inda falta muuuuita coisa para formarmos um elenco competitivo capaz de brigar por tútulo…. veja bem, falo em título pois só os times que brigam por ele até as 10 rodadas finais é que conseguem uma vaguinha para a liberta… ou seja, se não brigar por título consequentemente tchau tchau libertadores….

    Curtir

  8. Max permalink
    04/28/2014 8:24

    1 Desencanem do RA (quem ainda não desencanou). O cara não joga. Ele quer jogar, sabe jogar mas fisicamente ele não é atleta de alto nível.

    2 Esse time vai ficar em algum lugar entre o 6o e o 3o lugar.

    3 A única imagem que guardo da passagem de Sheik pelo Corinthians é dele tomando um amarelo por jogo num esquema “joga” 2 folga 1 e do quanto eu desejei que ele nunca mais vestisse a camisa do Corinthians a cada vez que o via em campo.

    Curtir

  9. Múcio Rodolfo permalink
    04/28/2014 1:04

    1- Teve momentos em que eu fiquei na dúvida sobre se era o Corinthians ou o adversário que estava com um jogador a mais. Joguinho xoxo, que valeu pelos dois pontos e pelo milagre do Fábio Santos ter acertado um cruzamento, algo que é para se louvar de pé.
    2- Fazendo um paralelo com 2008 é preciso destacar que na época o Mano pode formar o time enfrentando equipes da segunda divisão e agora terá de fazê-lo contra equipes de primeira. O grau de dificuldade é maior. Fora que parece que a diretoria não tem “bala na agulha” para grandes contratações. E aí só nos resta para o Renato Augusto deixar de frequentar o DM, para o Elias confirmar todas as expectativas, para o Guerrero se livrar da má fase, para o Luciano provar que a primeira impressão não foi enganosa…
    3- O Emerson disse que nunca mais irá trabalhar com o Mano, a quem qualificou como limitado! Bom. Como o Emerson está quase se aposentando, as chances dele trombar com o Mano são bem reduzidas

    Curtir

    • 04/28/2014 1:22

      1- Deve ter sido um dos melhores jogos da vida dele!

      2- Guerrero eu desencanei…

      3- Só no futebol que um cara detona o seu patrão e continua recebendo um salário do Marajá!

      Curtir

      • Múcio Rodolfo permalink
        04/28/2014 1:30

        3- Só no futebol ou só no Corinthians? Estamos pagando o salário do Pato -ou pelo menos parte dele- do Emerson…… Tem coisa errada aí.

        Curtir

        • 04/28/2014 6:36

          É incrível, o cara tem contrato com o Corinthians, vai em rede nacional detonar o mesmo Corinthians e não tem uma lista cláusula punitiva nesse contrato.

          Ele só topou ir para o Botafogo, pois ainda receberia do Corinthians. Um teatro do absurdo essa situação.

          Curtir

        • Correa Leonardo permalink
          04/28/2014 9:34

          Só nosso time permite uma situação dessas, assim como só nosso time parece que paga meio salário de jogador emprestado (eu pelo menos não ouço notícia sobre isso em outros clubes).

          Vai ver, além de um atacante e um lateral, precisamos contratar uns ade-vogados – basta ver o Fluminense, que com o reforço de umas liminares, está na série A e ao que parece, jogando bem.

          Curtir

        • 04/28/2014 10:38

          Jogando muito bem.

          Curtir

      • Cesar Augusto permalink
        04/28/2014 17:53

        Guerrero é um caso sério. Está amarrado. Precisa passar em qualquer Pai Jaú numa sexta-feira, de preferência 13, para tirar a zica. Tirando a zica, só ficará a ruindade…

        Curtir

        • 04/28/2014 18:17

          KKKK!

          Curtir

        • Nicolau permalink
          04/29/2014 13:40

          Acho que o mesmo vale pro Renato Augusto! Ou, no mínimo, de um forte acompanhamento psicológico. Não é possível que o cara sinta dor toda vez que a responsa ameaça cair nele…

          Curtir

  10. 04/27/2014 22:16

    Mano, que me desculpem os manistas, esperou que Guerrero fosse Ibra, Romarinho Bebeto, e que a dupla de meias falassem na mesma língua.
    Ele teve tempo para testar a formação e foi patético não haver conversa entre os meias. Ressalto que Petros tem ao menos o cacoete de cair pela lateral, o que salvou o jogo. Jadson chegou com pinta de ser o novo Neto e ficou como Roger chinelinho, começo a dar razão a muriçoca.
    Mas Mano saca só menos de esquema e colocou Cleber na linha, baita partida fio zagueiro.
    Decerto Guerrero está pensando no banco, seriamente, será melhor para todos uma licença sabática, bota a cabeça no lugar.
    Minha birra é ver o time não conseguir jogar contra um time de 10, embora a proposta deles seja a de congestionar a meia, temos que preservar nossa zaga, mas eles não tinham laterais no segundo tempo.
    Acho que Mano ainda é o melhor técnico do Brasil, mas precisa deixar de enquadrar e começar a motivar quem decide, RA canela de vidro e Guerrero recompensado.
    A Vitória era esperada, mas por pouco não foi empate.
    Sheik, Tite, Douglas, sejam felizes, valeu e adeus.

    Curtir

    • 04/28/2014 0:12

      Mas ele não teve tempo para testar a dupla de meias! O Petros chegou ontem, o Jadson veio do SP.

      Tempo é algo que ele não teve mesmo.

      Eu acho que Mano vai caminhando para a encruzilhada: não dá simplesmente para colocar no banco os caras que restaram do Mundial. É como colocar o Sheik no banco, impossível. Ele contamina o grupo e derruba o técnico.

      Curtir

      • 04/28/2014 0:16

        Considero, mas falta o lado Felipão nesse gaúcho, arredondaria todas as arestas. Ah, e tchau sheik mesmo.

        Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: