Skip to content

Sport 1×4 Corinthians, sem torcidas organizadas é mais fácil jogar

05/25/2014

O resultado pode ter sido uma feliz surpresa, mas o sistema de jogo não foi lá muito diferente dos dois segundos tempos anteriores ao do de hoje. A diferença é que a bola entrou (e com um pouco mais de técnica, entraria ao menos mais duas vezes).

É tempo de retomar um mantra aqui do boteco: time do Mano sempre entra organizado, se é a melhor organização aí já são outros 500. Mas organizado dentro de uma proposta elaborando pelo treinador, o Corinthians nunca deixou de estar. O problema é que essas propostas nem sempre funcionam, ora porque são surpreendidas pela tática adversária, ora porque o resultado coletivo é ruim por uma série de fatores.

Que eu lembre, Mano já investiu em 3 sistemas: 4-2-2-2, 4-3-3 e o 4-2-3-1. Começou mais ofensivo, empolgou no 1º jogo, depois a má condição atlética tornou qualquer adversário uma equipe superior e Mano correu para aumentar a segurança defensiva da equipe. Nesse processo, o time convergiu para um 4-2-3-1 que consolidou a defesa e começamos o brasileiro por ele.

Muito pressionada fora do campo, a equipe fugiu da bola e o ataque ficou a depender da precisão do Guerrero. Mano precisou de 2 tempos de 45 minutos para entender que a melhor formação é com Romarinho em campo. Formação que permite um ataque de mais movimentação (Guerrero cai pela lateral e Romarinho entra pelo meio ou vice-versa) e não perde combate no meio.

O curioso disso tudo é que você olha o campo e vê o abandonado 4-2-2-2 (tendendo (ou surgindo) de um 4-2-3-1, pela movimentação do próprio Romarinho). Foram tantos gols e derrotas no Paulistão, que eu acho que ninguém mais achava que poderia dar certo. Mas deu, com Petros no combate (ladrão nº1 do bra-14), Romarinho compondo o meio-e-ataque e Guerrero movimentando-se para abrir espaços pelas laterais (e isso é salvador, pois a finalização não fica mais centralizada nele).

Levantei esse histórico do ano (pulando a invasão), pois achei isso uma BAITA DOIDEIRA.

Reparei também que Luciano, um FOMINHA CLÁSSICO, até melhor tecnicamente que Romarinho, não tem compromisso com o sistema tático e aparece disputando o mesmo espaço que Guerrero.

Sobre o jogo – sem torcedores organizados por conta daquele homicida da privada – o ataque funcionou e garantiu a vitória em rápidas jogadas de contra-ataque. Mas não gostei nem do nosso miolo de zaga, nem da nossa dupla de volantes, que pareceram razoavelmente distraídos.

Romarinho fez 0x1 entrando pelo meio numa jogada de Guerreiro da ponta caindo para a diagonal. Ainda poderia fazer o 2º, num BAITA lançamento do Fagner. O empate veio numa bela dormida coletiva, mas liderada pelo Petros. Se não fosse derrubado, Romarinho faria um golaço, mas na falta o Gordinho virou: 1×2.

O jogo prosseguiu com o miolo de zaga sonolento (como contra o CAP) e não fosse o penal em Petros (que mais uma vez CAGOU na hora do gol), eles teriam empatado. Mas o Gordinho bateu muito bem e resolveu o jogo: 1×3. O 4º gol foi ao estilo do 1º e seria, dentro desta proposta de jogo, o gol característico: um atacante entra lançado pela ponta e o outro cai pelo meio. (Enfim, não é tão diferente de Herrera-Dentinho). Nessa toada, Guerrero ainda tabelou com FS e perdeu o que seria um golaço.

Temos time? Disputamos o título? É claro que não! Mas uma vitória dessas dá segurança, ajuda a estabilizar uma escalação até a parada da Copa (só mais 2 jogos) e acostuma a retina do torcedor com um sistema de jogo de contra-ataque.

Ah, claro, vencer o jogo da TV também reduz a pressão dos comentaristas sobre o treinador “medroso”.

E tem mais notícia boa: estamos com mais pontos e mais gols do que a 7ª rodada de 2013. Assim, somos fortes candidatos à taça 7º lugar, aquela disputa mágica entre os times preguiçosos que não correm risco de rebaixamento.

A notícia ruim é que pegamos o Cruzeiro na 4ª, e os caras estão jogando bagarai!

Sem TOs é mais fácil?

Mano disse corretamente que jogar fora está mais fácil. De fato, o torcedor está pilhado por uma ideia imbecil de que o time “recua” ou que é “medroso”. Ora, contra o SPFC, lembrou bem Mano, um jogador saiu dizendo que se o Corinthians não estivesse tão recuado eles venceriam. Beleza, então Corinthians não deve jogar recuado para que o SPFC vença a gente?

Voltando à Terra, temos um time em formação com jogadores sem CV ainda. Esse time ainda não venceu seus próprios demônios, para cair para cima de equipes nitidamente mais fortes.

Por outro lado… Tem algo que eu sempre quis falar: as TOs atuais são tão sambistas sambando o próprio samba que já nem ligam mais para o que ocorre no campo. Um exemplo fácil: juizão metendo a mão e eles não puxam o coro de FDP. Se não é a numerada manter a tradição, o juiz sai do campo achando que arrasou.

Em tempo:

Copo meio cheio: para quem não sabe, campeão brasileiro (tirando 2009) precisa de 73 pts ou 64% de aproveitamento (em 2010 foram 71 pts). Faltam só 63 pontos.

Anúncios
35 Comentários leave one →
  1. Múcio Rodolfo permalink
    05/26/2014 13:46

    1- Eu acompanho o Marcusvcn….. uma vitória obtida mais pro circunstâncias do que por alguma outra coisa. Em determinada parte da partida repetiu-se o que foi visto em jogos anteriores, ou seja, o adversário rondando a nossa área. O terceiro gol e a expulsão do jogador deles deu uma tranquilizada. Não dá para ficar eufórico cm o resultado, embora eu ache que temer pelo rebaixamento um certo exagero do parte do anfitrião.
    2- Esta vitória foi importante pela tranquilizada proporcionada, por ter deixado o time próximo do bloco de cima. Isto sem contar que vencer lá é um raro prazer que desfrutamos. Para se ter uma idéia, a última foi em 1998 e a penúltima foi em 1976. Esta vitória, aliás, garantiu a presença do Timão na terceira fase do nacional. Não fosse ela, não haveria a famosa invasão….
    3- Não é verdade que nos tempos do Adenor não havia contra-ataque. Tem alguns gols no “iutubi” marcados dessa forma. O Mano não tem nada de anti-Tite como muitos acreditavam. Tem algumas diferenças pontuais, mas na essência. Tanto que ele fortalece aqueles que odeiam a “maldita escola gaucha de treinadores”.
    4- Time com personalidade joga com pressão da torcida. Eu sei que não é fácil, mas também não é nenhum bicho de sete cabeças. Em 2011 após o vexame de Tolima, a torcida foi lá “dar o seu recado”, teve lateral super-star que puxou o carro e, no domingo seguinte, o time mostrou uma postura bem melhor diante do Chiqueirense.

    Curtir

    • Correa Leonardo permalink
      05/26/2014 13:59

      4. É diferente. Em 2011 o time era bem mais experiente. Desse elenco atual talvez um ou dois aguentassem o baque.

      —-

      Um indicativo do mau momento não só nosso mas também de nossos coirmãos é que tanto a Globo quanto a Band voltaram a impor a grade carioca para fora do estado de SP, coisa que não aconteceria jamais em 2012 ou mesmo 2013. Fomos supliciados aqui com um Insignificante Litorâneo x MenRgão. Vi quinze minutos. Mais do que isso a Convenção de Genebra não permitiria. Meu Deus, o nível está baixíssimo! Dentro de nossas limitações, acho que somos um dos menos ruins nesse campeonato…

      Curtir

      • Múcio Rodolfo permalink
        05/26/2014 16:51

        O time de 2011 que enfrentou o Chiqueirense tinha Júlio César, Alessandro, Castan, Chicão e Fábio Santos; Ralf, Jucilei, Ramirez e Danilo; Jorge Henrique e Edno. O time atual tem Cássio, Fagner, Gil, Cléber e Fábio Santos; Ralf, Guilherme, Petros e Jadson; Romarinho e Guerrero. Eu penso que no quesito experiência haja um certo equilíbrio.

        Curtir

        • 05/26/2014 17:42

          Alessandro, Chicão, Danilo e JH eram cabras de respeito.

          Curtir

        • Múcio Rodolfo permalink
          05/26/2014 23:40

          Bom… O Fagner já tem uns 8 anos de carreira. O Jadson não é nenhum novato. Nem o Romarinho. O Gil também tem uma certa experiência.

          Curtir

        • 05/27/2014 6:24

          Nem em sonho! Esse time de 2011 era a base das temporadas vitoriosas de 2008 e 2009.

          Curtir

        • cesar cachaça permalink
          05/27/2014 9:37

          na boa, esse jogo contra o Palmeiras é um dos que, anos depois, só se lembra do resultado. O jogo pós-tolima foi um massacre, o Palmeiras teve umas 7 chances claras de gol, o JCaré fez a partida da vida (mais um motivo pro Tite tê-lo mantido tanto tempo), e aos 40 do seg tempo o Moraes e o Alessandro fizeram aquela jogadinha. Foi uma p* sorte, não mudança de postura.

          Curtir

        • Múcio Rodolfo permalink
          05/27/2014 12:10

          Cesar, meu amigo, se o Corinthians tivesse atuado contra o Tolima da mesma forma que atuou contra o Chiqueirense naquele dia, não perderia de jeito nenhum. A raça e a vergonha na cara que faltaram naquele vexame teve no derby.

          Curtir

  2. 05/26/2014 10:32

    Tava vendo outro jogo, Sport x Corinthians, um gol no frango, outro no desvio da falta, um pênalti que não houve, o quarto tem sim minhas reverencias, mas foi uma leseira da zaga de um time que jogou sob efeito de algum alucinógeno. Se eu fosse da organizada do Sport descia o braço naqueles molengas.
    Há um gol tomado na bobeira da zaga/goleiro.
    Do que tomo minhas conclusões:
    1- não temos time ainda, sob efeito de conjunções astrais nossas vitórias.
    2- o esporro foi frutífero, ligeira melhora do Dormarinho.
    3- não podemos jogar com times melhores sobre grama. Cimento, brita ou cascalho nos darão alguma vantagem, Itaquera, só 2015.
    4- Mano 2008 II, ano de fazer um time, sem a moleza da série B. Sem sombra de dúvida, Mano vai enfiar pregos nos caixões dos come-dorme a partir de agora, depois da Copa teremos outro time.
    5- Ainda assim, Mano é ruim, o menos ruim dos técnicos brasileiros, mas veja, adoro retranca, estilo Simeone, é nossa única chance, e ontem vi algo de Tite, atacantes recuando, só que com um desenho tático definido. Será assim doravante?
    6- Goiás e Fluminense jogam o engana que eu gosto, medíocres vitórias em jogos horrorosos, balisarão análises esdrúxulas da imprensa, inclusive a Corinthiana, times que atacam e blá, sem ilusões, são medíocres e não devem nos servir de exemplo em nada.

    Curtir

    • 05/26/2014 11:54

      Aquilo alí é pênalti. O cara empurrou.
      4 Ele vai ter 2 caras novos em posição chave e eventualmente um novo centroavante. Dá para montar um bom time para 2015
      5 Tite é muito recuo sem nenhuma competência ofensiva. Não tínhamos sequer contra ataque.

      Curtir

    • Alessandro Alves permalink
      05/26/2014 15:32

      marcusvcn, ou vc é sao paulinho ou cego, pra dizer que não foi penalty, o cara empurrou ainda pisou no´pé dele, ate saiu a chuteira na parte do calcanhar. quer falar mau tudo bem mais não exagere, tá parecendo o mauro cezar pereira, se um cara dr um tiro em um jogador do corinthians dentro da areá ele diz que não fou penalty.

      Curtir

      • 05/26/2014 15:38

        E olha que eu sou meio cego em pênalti, mas esse foi.

        Curtir

      • 05/26/2014 15:50

        Sou cego, e estava em estado de alternância para a carne não queimar no espeto, mas no replay não achei pênalti. Caiu de maduro, estilo Neumarinho.

        Curtir

        • 05/26/2014 16:10

          olha o lance de novo, que o Durval emburra com o braço e ele desaba.

          Curtir

        • Alessandro Alves permalink
          05/26/2014 16:14

          EMPURRA E O PIOR E O PISÃO NO PÉ ESQUERDO NO CALCANHAR ATÉ TIRA A CHUTEIRA, O PISÃO FOI MAIS DO QUE O EMPURRÃO;

          Curtir

        • 05/26/2014 17:46

          Daí vocês vêem como sou cego em penal, só vi o empurrão (e o medo em finalizar)

          Curtir

        • 05/26/2014 16:20

          Eu vi o empurrão, e o Petros estava só esperando a lufada de vento para cair. Discussão minúscula, diante do pouco que podemos produzir: pelo menos aprendemos a cavar pênalti.

          Curtir

        • Correa Leonardo permalink
          05/26/2014 16:47

          Mas qualquer outro teria emendado um chutaço. Esse Petros (até gosto dele, vejam) SE PÉLA DE MEDO DE FINALIZAR. Coisa anormal.

          Curtir

        • 05/26/2014 17:46

          Exato!!!

          Curtir

  3. Max permalink
    05/26/2014 8:31

    1 Peguei esse jogo após o 1×3 quando a fatura já tava liquidada. Depois pelos melhores momentos tive a sensação de que o placar não refletiu o jogo. O 1×2 saiu pq a bola desviou e pegou o goleiro no contra pé. Depois eles pressionaram até que saiu o pênalti-expulsão que decidiu a partida pra gente.

    2 Contamos com o canindé pra nivelar o jogo contra o Cruzeiro.

    3 Botafofo na ZR me dá esperanças de vitória no evento teste da FIFA.

    4 Eu tenho uma mágoa profunda do Sport por ter tirado o Corinthians da Lib-09 (com uma consistente ajuda da arbitragem). Nosso time de 2009 venceria com o pé nas costas.

    5 Guerrero achou o lugar dele ali de ponta esquerda. Será o nosso Di Maria dos Andes.

    Curtir

    • 05/26/2014 8:37

      1 foi isso mesmo, mas é assim que se formam os times vencedores
      2 hehe!
      3 Que vai ser nosso maior público da década!
      4 2
      5 kk! Mas ele não está jogando de ponta, está com mais movimentação e como jogamos no contra ataque, ele parte sempre da ponta para o meio.

      Curtir

      • Cesar Cachaça permalink
        05/26/2014 9:16

        1- a goleada foi circunstancial, sim. A vitória não. O primeiro tempo virou na frente com justiça e aí jogou o segundo tempo como fica mais confortável: atrás e tentando sair no contrataque.

        Curtir

  4. Cesar Cachaça permalink
    05/26/2014 7:31

    É impressionante como o time se sente mais confortável fora de casa, quando pode se postar atrás e dar estocadas se quiser / puder, do que em casa, onde deve propor o jogo. Mano já ttinha dito isso 10 dias atrás, o que, pro bem e pro mal, cai no que falamos sobre ele: se tem algo que conforta, é saber que o técnico enxerga o que se passa.
    Romarinho estudou na escola Sheik de boleiros e só sabe jogar quando sua posição no time esta ameaçada. O miolo de zaga oscilou bastante ontem, de novo…Para quarta, a boa notícia é (na verdade são duas): o gramado vai impedir futebol, e o que será jogado será mais um Muricybol, o que nesse momento nos favorece; a segunda é que contra o líder e time a ser batido Cruzeiro o time não terá necessariamente a responsabilidade de propor o jogo – é justificável esperar mais para ver o que dá. Se não dermos azar as chances de enrolarmos o jogo e decidirmos numa bola escapada não são tão pequenas.
    Esquema tático para jogos em casa: eu entraria com RA no lugar do Petros e tentaria emular aquele esquema que o Tite ensaiou alguns jogos com o Pato. Romarinho como segundo atacante mas flutuando mais pelo meio, com Jadson e RA abertos armando e fazendo duplas com os laterais.

    Curtir

    • 05/26/2014 8:21

      Eu imagino que agora é questão de sobrevivência até a copa. Tem de empatar com o Cruzeiro numa partida heróica e depois vencer aos 49 do 2o tempo o Botafogo

      Curtir

  5. 05/26/2014 0:49

    Vi pouco do jogo, mas fico bem feliz pelo resultado. O banco parece ter feito bem a Romarinho, que voltou jogando bem e parece que aprendeu a chutar. Guerrero acertou umas boas jogadas ali pela esquerda, participou de dois gols. A dupla é o que tem pro ataque, creio.
    Outro que vem crescendo e já resolve muitas das minhas desconfianças é Fagner. Ajudado por Petros, aparece bem no ataque sem que o sistema tenha perdido muita consistência defensiva.
    Uma observação geral: é fato que o elenco tem muitos jogadores que precisam se provar, está ainda em teste e achando seu entrosamento. Fato também que a pressão da torcida atrapalha todo esse processo. Mas acho muito exagero falar em rebaixamento.
    E duas perguntas de utilidade duvidosa: alguém sabe desse zagueiro Anderson Martins que pode vir por empréstimo? Parece que veio do Vitória (onde jogou com o David Luiz e o Wallace), jogou bem no Vasco junto com Dedé e se machucou bastante na carreira, mas não lembro de ver o cara jogar. E o Tardelli, vaiado nessa semana, vale um investimento? Eu até acho que sim.

    Curtir

    • 05/26/2014 6:11

      Nunca tinha ouvido falar desse zagueiro…

      Já o Tardeli, eu acho que joga menos do que acham. Nem sei se é tão melhor que o Guerrero (melhor é).

      Eu fiquei mais entusiasmado com a vinda do Jonas. Aí sim teremos um atacante mais técnico.

      Curtir

      • 05/26/2014 7:32

        O Jonas é bola mesmo. Joga melhor de centroavante que o Tardelli, se bem me lembro, mas não vejo o cara faz muito tempo. E acho o hoje atleticano bom também.

        Curtir

  6. luis permalink
    05/25/2014 23:54

    Realmente vimos mais do mesmo, porem desta tivemos um pouco mais de competência/sorte/ruindade do adversário na hora de anotarmos nossos gols…

    Sem torcida o time parece estar entrando menos nervoso sim, mas não dá para afirmar que esse é o fator das duas amareladas dentro de cada para figueira e atletico do pr… até porque é sabido que temos um elenco limitado, e que esse ano não podemos esperar ótimas apresentações, atualmente o que vale são os 3 pontos da forma que tiver que ser, e ponto final… e por essa linha, o time está de parabéns pela vitória…

    Já para os próximos jogos paradas duríssimas, cruzeiro no canindé e botafogo na Arena Corinthians… creio que nesses jogos precisaríamos de um felipão no banco e não o mano… com o cruzeiro o negócio é jogar em campo pequeno contra uma equipe muito mais afiada do que a nossa, e ai acho que a parada é o famoso sangue nos olhos, e comer grama…

    Já contra o Botafogo, tecnicamente a parada é mais tranquila, porem emocionalmente o bicho vai pegar, casa cheia, 58 mil pessoas (Ou perto disso, pois creio que os camarotes não estarão a todo vapor) e a OBRIGAÇÃO de vencer a primeira partida na nova casa… ai vai valer de tudo, reza, simpatia, gol de canela, e o que precisar, pois em caso de resultado negativo ai sim podemos ter uma triste demonstração do quão despreparado nosso o país está para receber um evento como a copa do mundo….

    Curtir

  7. Correa Leonardo permalink
    05/25/2014 21:54

    O adversário era o Sport! Ôeee!

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: