Skip to content

Brasil 1×7 Alemanha, eu não sabia. Eu tinha certeza.

07/08/2014

Eu podia discorrer que esse vexame começou quando Marin-Del Nero perceberam em 2012 que o então Diretor de Seleções estaria articulando de dentro do sistema para ser o próximo presidente da CBF. Mano Menezes começava a estruturar uma equipe que jogava bem, o Diretor era o único com trânsito no governo federal (afinal não tinha as mãos sujas da ditadura) e ele próprio não escondia o desejo em se candidatar à presidência da entidade.

Isso daria uma bela crônica, talvez até um filme. Mas o fato é que Mano, que começou do zero por culpa do mau trabalho do Dunga, tinha deixado um time moderno para Felipão. Este mexeu no time e foi vitorioso na Copa das Confederações com uma versão piorada — o termo correto seria “ultrapassada” — dele.

Eu sabia que perderia hoje e sabia que seria por goleada, basta ler as entrelinhas de tudo o que discutimos sobre seleção por aqui. Esse time não merecia estar nas semifinais, chegou por um grande apoio do apito contra a Croácia e contra a Colômbia. Muita gente ainda não concorda comigo, mas aviso que a imensa maioria da crônica esportiva fora do país concorda que a Colômbia foi roubada.

Se não foi no apito, convenhamos que esse time nunca jogou bem.

Todo mundo sabia que o fraco do Brasil era o meio e que o forte da Alemanha era o meio. Assim, Felipão colocou 2 volantes achando que isso fortaleceria o meio e abriu dois pontas: Hulk e o reserva do Tyson na Ucrânia, Bernard. Uma besteira sem dó.

Esse sistema é praticamente o mesmo que eu tanto detonei no Corinthians de Tite. Mas Felipão conseguiu fazer pior, pois Tite, ao menos, obrigava seus pontas a acompanhar o lateral adversário o campo todo, num TANGO DEFENSIVO INSUPORTÁVEL. Os times da Copa, ou  para você que acompanha o Corinthians desde de 2009, jogam com dois sistemas: um quando ataca (4-3-3) e outro quando defende. Um 4-4-2 na defesa (como Mano deixou para Felipão) e já não tinha goleada alguma.

(O que surpreende um pouco é o Parreira ficar quieto nisso.)

Sobre o jogo, a Alemanha pendeu para cima do Marcelo, esperava-se algum apoio dos pontas, mas ele não apareceu. Logo na 2ª batalha perdida para Muller, acho que lá pelos 5 minutos de jogo, Marcelo entrega o escanteio do 0x1. Nova jogada pela nossa esquerda, falha de Fernandinho e um bonito 0x2. No 0x3, engraçado não é a cara da moça com cocar de índio, é o Marcelo tentar fugir da imagem em mais uma jogada no setor dele.

Talvez Marcelo não seja o culpado, mas desculpem-me os SCOLARISTAS, pqp, até o Joel Santana teria mandado alguém ajudar na marcação ali logo depois do 0x2. Falar em apagão é dose.

A péssima saída de bola brasileira, cantada em verso e prosa aqui, garante o 0x4. O 0x5 já é um belo contra-ataque. E… dane-se.

Nunca se pediu um povoamento de volantes na seleção, inclusive com Mano era Ramirez-Paulinho, o que se pedia era um modelo de jogo moderno que invariavelmente passava pela ausência de camisa 9 e um sistema defensivo mais congestionado, com duas linhas de 4. Felipão foi no sentido contrário ao do futebol mundial e colocou, sem treinar, 3 atacantes que mal relaram na bola. (Sendo que 2 não tinham futebol para serem convocados).

Falar que, depois dessa derrota, o futebol brasileiro “precisa de uma reformulação” é um discurso bem idiota. A gente precisa de reformulação desde a década de 60, pô!

Como aqui é a terra do conchavo, onde se deixa de lado que o técnico defendeu Pinochet, que o presidente da CBF defendeu um Assassino Frio como o Delegado Fleury, é bem capaz que se faça o que se fez em 1950. Há época, humilhados em pleno Maracanã, era hora de alguma grande mudança: decidiu-se que o time que até então jogava de branco, passaria a jogar de amarelo!

Taí, como ninguém vai mudar o futebol brasileiro, que se mude a cor da camisa!

Sócrates VIVE!

“Beauty comes first. Victory is secondary. What matters is Joy.”

 

Anúncios
24 Comentários leave one →
  1. Morgana permalink
    07/11/2014 11:42

    Mó galera mandando o LFS ir embora pra Portugal.
    MAS ele tá sendo investigado por fraude fiscal lá.
    Talvez Mônaco seja um bom destino… ou Miami…

    Curtir

  2. 07/10/2014 13:03

    1 – A capa do Extra do RJ, dando os parabéns ao time de 1950 é sensacional. Foi o maior vexame de todos os tempos, agora todos no Brasil sabem o que é perder de 7×1.

    2 – Fui comprar cerveja nos 3×0; quando peguei meus copos estava 5×0. Fiquei pasmo.

    3 – Não vi o gol do Brasil. Já tinha saído do estádio.

    4 – Tite vem aí e vai ser mais do mesmo. Uma merda.

    5 – Valeu Felipão! Vaze desse país, FDP.

    Curtir

  3. Correa Leonardo permalink
    07/10/2014 11:02

    Pra mim, perde o maior FDP da história do futebol brasileiro, ponta-de-lança do anticorinthianismo declarado.

    Merecido o 7×1, que só não foi pior porque uzalemão ficaram sem-graça de continuar fazendo gol em estilo pelada.

    Então, Felipão do Pinochet, PODE IR PRO INFERNO!

    Curtir

  4. Max permalink
    07/10/2014 8:05

    1 Amigos, vocês sabem que Felipao vai pedir demissão no domingo e sabem que Adenor assume na segunda certo?

    2 Hj eu estava pensando, ninguém de 2010 prestava pra jogar essa copa apenas o goleiro que foi justamente quem teve a pior falha.

    3 Quarta tem Corinthians, aí tudo estará curado.

    Curtir

  5. Manu Corinthianu permalink
    07/09/2014 17:11

    Toda vez em que fica exposta de maneira gritante a mediocridade do Felipão, como a humilhação de ontem o fez, a primeira coisa que me vem à cabeça é este blog. Nunca me esqueço deste post aqui – https://bloguedotimao.wordpress.com/2012/04/24/los-3-patetas/ – sobre o modo como o bigode tentou resolver os problemas defensivos do Palmeiras nas bolas levantadas na área.

    Querem saber, foda-se o hexa. Como bem disse o Mano, os Deuses do futebol sabem o que fazem. Pra sorte do futebol brasileiro esse gaúcho fdp perdeu do jeito que perdeu. Imaginem o que seria esse cara com 2 mundiais no bolso para servir de argumento pra toda a tosquice e falta de conhecimento dele. Que essa derrota sirva para destruir a imagem mentirosa criada sobre ele e a mentalidade medíocre que ele representa.

    Curtir

  6. Cesar Cachaça permalink
    07/09/2014 14:11

    Cara, no hino, enquanto a TV passava de jogador a jogador, eu, querendo torcer a favor, só pensava “quantos erros juntos é possível passar por cima só com motivação e torcida?”. Julio César, Dante (nao por causa dele, mas pq lembrou a bizarrice que tirou Tiago do jogo), Marcelo, Maicon (não por ele, mas pq lembrou a insistência com Daniel que há 6 anos não é lateral), Oscar, Fred, e, pqp treiz veiz, Bernard! É muito erro junto, fora, claro, a absoluta falta de padrão tático! Bom, quanto à tática, você abordou tudo…Felipão, que empre que ganhou o fez na motivação, no “vamo lá porra!!”, abusou disso num time inexperiente e infantil e f* o emocinal do time (vide o espetáculo deprimente contra o Chile). Ontem, de novo, tomou o gol e parece que tinha tomado 5. Os outros 4 foram apenas consequência.
    Agora, me parece que o principal, o principal mesmo, é aceitar de vez que passou o tempo do “Brasil é f* é só juntar uns caras no time e por para jogar”. Não, não temos mais os 11 melhores para por num time desde 2006. Não dá para contar só com safra; é preciso planjeamento, padrão tático, como todos os outros times. Nenhum outro time podia eperar ganhar uma Copa na base do “chama os caras aí para jogar e boa”; agora, nem o Brasil. Enquanto isso não for reconhecido e tratado de acordo, esqueçam.

    Curtir

  7. viramundo permalink
    07/09/2014 11:44

    1) Eu tava preparado pra derrota, mas pra goleada, não.

    2) Precisamos de reformulação, sim. Mas não de superfície. Meramente trocar peças. Precisamos de reformulação na nossa base. Nosso país só revela zagueiro e volante.

    3) Notem os vazios, enormes, que existem do meio pra trás na seleção. Chega dar dor de barriga…

    Curtir

  8. Marcelo permalink
    07/09/2014 8:54

    Espero que com esta acachapante derrota a lição sirva, para que aconteça o que aconteceu conosco ao final de 2007. Desde então querendo ou não tivemos planejamento, treinadores a longo prazo e serviu para conseguirmos a maledeta em 2012. Não acredito que sem uma mudança estrutural no futebol do país, a seleção vá melhorar taticamente, afinal nossos jogadores são mal formados, nossos treinadores de base não estão preocupados com a formação tática dos garotos e, em função disto nossos jogadores são despreparados emocionalmente quando chegam em cima, afinal, eles nunca foram preparados para jogos táticos e sim para batalhas épicas e aí, meus caros, o buraco é enorme. E o necessário é fazer como fez a federação alemã (quem não viu, veja a entrevista do Breitner no bola da vez) é preciso se reinventar, digo, se estruturar!

    Curtir

  9. Marcelo permalink
    07/09/2014 8:44

    ” A vingança é um prato que se come frio”……Mano Menezes

    Curtir

  10. 07/09/2014 0:43

    Esperava uma derrota, mas não uma goleada. Ainda bem que meu primo distante fez um gol no final pra ficar menos feio…

    Quando vi que o Bernard ia jogar confirmei a derrota. Acredito que ele deveria ter entrado com Ramirez e Willian… no lugar de Neymar e Fred… talvez até ter tirado o Hulk e ter jogado sem atacante, mas com o Oscar, Willian e o Paulinho atacando…

    Espero que a Holanda ganhe o Mundial… pra finalmente serem campeões… eles tem um time muito bom, talvez não melhor que o da Alemanha, mas pode ganhar.

    A Argentina está igual o Brasil… não acho que seja um bom time, muito menos que esteja jogando bem… apenas tiveram sorte…

    Curtir

  11. 07/09/2014 0:18

    Clap, clap, clap.
    No padrão poliana, sete foi melhor que um, mostrou até as vértebras do nosso vazio tático (ok, trocadilho idiota).
    E pela primeira vez ninguém falou do juiz.
    Por outro lado:
    Dida, com 40, não tomava metade desses gols.
    PVC tinha o dever de ser isento, mas depois de conseguir o colo do tio Felipe, vem defender Bernard por solidariedade…
    Técnico estrangeiro só depois da independência do RS.
    Tite na seleção vai ser de lascar.
    Até dia 16, mas dia 12 vou com a família colecionar copos no Mané Garrincha, e que ninguém me venha com o importante 3o. lugar, é festa de copa apenas.

    Curtir

    • 07/09/2014 0:46

      Acho que o Tite se daria bem na seleção… pois não tomaria gol… pois a defesa é boa… e a mentalidade do Tite é bem defensiva… e dependeria de gols no ataque de jogadores como Neymar, Oscar e Willian… então é quase garantido o gol… e o Tite, pressiona bem o adversário… como fez com sendo técnico do Corinthians…

      Acho que ele seria perfeito agora… Felipão nunca mais…

      Curtir

  12. Lucio permalink
    07/08/2014 22:46

    “Nada como um dia após o outro no futebol”

    Menezes, Mano (2014)

    Curtir

  13. luis permalink
    07/08/2014 22:30

    Como vc bem disse, tudo conforme o previsto… todos já sabiam que na bola não daria… a esperança do povo era na vontade e no vamo, vamo, pega, pega e olhe lá….

    Sem falar maquela campanha excessiva de jogar pelo neymar que foi tão patética, ridícula e bizonha, que coroou a falta de profissionalismo e amadorismo da cbf….

    Mas a mudança vem rapidinho, depois da copa a múmia do marim troca de técnico e coloca o zagalo pra reformular a seleção, podem apostar!

    Curtir

  14. Jair santos permalink
    07/08/2014 22:27

    Concordo plenamente com vc! Felipao esta ultrapassado.

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: