Skip to content

Corinthians 2×0 SPFC, mais uma vitória da supercompactação e das jogadas ofensivas de 2014

02/19/2015

O jogo foi fácil como previsto aqui ontem, esse time terminou 2014 como o melhor do Brasil. Na verdade, foi mais fácil ainda…

Como o Corinthians tem dominado a transmissão na TV, ninguém estava acompanhando a preparação do SPFC para valer. O Cachaça foi quem melhor cantou a pedra: Muricy ainda não tinha sequer seus titulares escolhidos. Não deu outra, segundo consta, o time de ontem jogou junto pela 1ª vez no ano.

Taticamente, Corinthians tem se fixado defensivamente num 4-1-4-1 supercompacto, super-recuado e esse é, de fato, o sistema de referência. Quando o time ataca, pelo movimento natural de avanço dos meias, forma-se um 4-3-2-1/4-3-3 com Ralf-Elias-Renato num triangulo de base invertida no meio. Defensivamente, os zagueiros e Ralf viram rebatedores e sempre têm alguém próximo para tocar de lado.

SPFC é outra história. Confuso, parecia um 4-3-1-2, mas um dos volantes não se entendia e virava um 4-2-2-2 que facilitava em demasia o trabalho de Jádson e Fágner. A decisão de escalar M Bastos na lateral foi patética, inclusive porque Fagner tem jogado (surpreendentemente) em alto nível desde o final da temporada passada. Fagner, Elias e Jadson jogaram muito bem ontem.

Corinthians começou em blitz mode e chegou rápido ao golaço do Elias 1×0, num lançamento genial de Jadson. Comparando com as melhores jogadas de 2014, Danilo não estava na posição 9, como Guerrero não estaria, o que é mais uma chance para Tite repensar o sistema ofensivo.

Com o gol, o jogo virou uma disputa territorial viril, com a arbitragem bem caseira aceitando alguns lances estranhos. Um pouco mais, e o domínio já era adversário, com Corinthians se garantindo, sem dificuldade alguma, na supercompactação. STATS POSSE DE BOLA: SCCP 43% x 57% SPFC (esse número foi pior antes deles abandonarem o jogo depois do 2º gol).

Ganso jogou soberbamente coisa de 7 minutos e depois colou as mãos na cintura.

Veio o 2º tempo e voltamos ao jogo de pegada e disputa territorial, agora Corinthians tentou e conseguiu afastar um pouco mais o jogo da sua área, mas novamente o domínio INÚTIL da bola pendeu para o outro lado. Muricy começou a mexer e a cada troca, o time piorava mais. Se Ganso não corre, o resto parece que não querer correr por ele ou time não tem preparo físico, ou não tem pegada mesmo.

Quanto a nós, Tite insistiu num erro besta, se era jogo SÓ de contra-ataque, Danilo cansado desde o 1º tempo, já deveria ter saído (perdeu dois gols por puro cansaço). É fácil diferenciar o Danilo LENTO do Danilo CANSADO: o lento ganha todas de cabeça. Por conta disso e do recuo que o sistema demanda, os contra-ataques eram sempre sem muita força até o Jadson 2×0 (achei defensável, fora o escorregão do zagueiro).

Foi um jogo que pode ser analisado em diversas dimensões: tática, psicológica, embates individuais e JURÍDICA. (Tecnicamente foi um pouco desnivelado entre os 22 jogadores).

O juiz definiu o jogo? Sim, definiu, pois SPFC desistiu do jogo a partir disso (ou encontrou uma boa desculpa). O contraponto é que a diferença entre as duas equipes ontem era ABISMAL e seria injusto um empate… Ôpa! E quem disse que futebol é justo?

O problema é que passamos as temporadas 2013 e 2014 muito pressionados por erros de arbitragem em momentos decisivos. Agora em 2015, a coisa virou e de um jeito que não é legal.

Acho que não dá para adiar mais a tal conversa.

Anúncios
55 Comentários leave one →
  1. joelbrando permalink
    02/19/2015 17:58

    Ralf é ‘incriticável’, não existe jogador em terras tupiniquins que realizam essa função com tamanha eficiência. Joga demais, e ainda dá um upgrade de 20 % nos nossos zagueiros, já que ele filtra boa parte das jogadas adversárias. Ele já tomou algum cartão vermelho enquanto jogador do Corinthians? Se tomou um foi muito. Muito se fala do Guerrero, mas o cara que mais faz falta no onze inicial é ele, o confronto contra o Galo na Copa do Brasil está ai para ilustrar.

    Quanto a partida, eu confesso que não esperava essa dominante atuação, muito menos essa verminose coletiva dos bambinos. Vocês são muito frios, porra, quem fez o prognóstico de vitória fácil deve ser muito frio e técnico, eu fico com o cu na mão quando o Corinthians joga pela Libertadores, já sofri demais por conta de vexames internacionais que até já me acostumei.

    Por enquanto está tudo muito bonito, Émerson parece ter voltado das férias de dois anos, Danilo vem ganhando um protagonismo que poucas vezes teve, Felipe ainda não fez nenhuma merda colossal, Jádson e Renato Augusto estão se dando muito bem, com o primeiro se mantendo inteiro fisicamente até agora, Fágner aumentou o nível do seu futebol, Elias voltou a produzir o seu habitual, é muita coisa incerta dando certo ao mesmo tempo, esse time realmente mostrou uns lampejos que nos remete a 2012, mas ainda tem muita coisa que carece de confirmação, e isso só com o tempo.

    Curtido por 3 pessoas

    • bloguedotimao77 permalink*
      02/19/2015 19:23

      Férias de 2 anos foi boa!

      Mas eu acho que esse time já joga mais que o de 2012 jogou por essa época. Muito mais.

      Era vitória fácil mesmo. Despertadores exagera muito na “emoção”.

      Curtido por 1 pessoa

    • 02/20/2015 14:52

      Estou com vc quanto ao Ralf!!! Fundamental para o time…

      Curtir

  2. Múcio Rodolfo permalink
    02/19/2015 17:35

    Mais uma vez o sopone (soberano de porra nenhuma) se curvo diante do time do povo. Neste majestoso que não foi o mais importante de todos os tempos -só a imprensa babadora de ovo desta competição varzeana (by Mário Gobbi, aquele que declarou: sem torcida não tem jogo) para acreditar numa sandice dessa. O timão dominou grande parte da partida. Na verdade, o Imaculado de Vila Sônia teve mais posse de bola no primeiro tempo, mas esta vantagem foi estéril, pois o time que trouxe a democracia para o futebol soube neutralizar as jogadas ofensivas do time que se beneficiou da ditadura. O Cássio, “coitado” foi um espectador privilegiado. Pôde assistir de dentro do gramado a obra prima que foi o primeiro gol corinthiano. Em tal condição, viu também Emerson fazer falta no jogador são paulino. Lembremos,porém que o juizão também ignorou faltas cometidas sobre nossos jogadores que só não deram origem a gols por pura incompetência adversária. No entanto, a perfeição do contra-ataque, a beleza do drible do Jadson, enfim a qualidade estética de toda jogada compensa o erro do juiz. Tite é um mágico que transformou o time do Corinthians de um instante para o outro? Claro que não! Talvez Adenor tenha o dom de trabalhar psicologicamente com seus jogadores do que o Mano. Tudo bem que muita água ainda vai rolar, mas me parece que o Time volta a ter aquela cara de time que sabe impor o seu jogo, que atua com tranquilidade…… Por fim, Emerson está calando aqueles que amaldiçoaram seu retorno ao PSJ e o Jadson teve uma atuação tão boa que, aqueles que havia se proposto a leva-lo ao aeroporto para ser despachado para a China já estão revendo tal decisão

    Curtido por 1 pessoa

    • bloguedotimao77 permalink*
      02/19/2015 17:44

      Tirando o Emerson calando alguma coisa, concordo com o resto.

      Curtir

  3. bloguedotimao77 permalink*
    02/19/2015 16:59

    A-há!
    http://espn.uol.com.br/noticia/485477_efeito-tite-a-transformacao-do-corinthians-em-45-dias

    …Veio Mano Menezes, que em um ano não conseguiu definir um padrão à equipe paulista, sem títulos e com uma temporada mediana. Voltou Tite. Que, em 45 dias, transformou o elenco alvinegro em uma máquina de marcação e aplicação tática dentro de campo.

    Se tem uma coisa que ele deu foi padrão tático.

    Curtido por 1 pessoa

    • Nicolau permalink
      02/19/2015 19:34

      Eu vi essa matéria e achei ridícula. Essa tendência a explicações fáceis pras coisas me irrita profundamente na nossa imprensa, esportiva em especial. Está cada vez mais claro pra mim que, entre as diversas e inegáveis contribuições de Tite para o sucesso atual do time, uma das mais importantes é saber aproveitar boa parte do que Mano já vinha fazendo. O time já vinha encorpando, criava (e perdia) inúmeras jogadas de gol, cresceu pra caramba na reta final do Brasileirão.
      Mano demorou para achar o time – ou para fazê-lo entender o que queria -, o que de certa forma aconteceu também em 2008, na primeira passagem, quando o time só se achou na Série B e foi péssimo no Paulista. Mas quando achou, era um time bacana, com defesa sólida mas criando bastante.
      Tite aproveitou a estrutura e ideias importantes, como as jogadas pelo meio, características dos jogadores, e incluiu seu arsenal pessoal: compactação das linhas e disciplina tática num nível difícil de ver aqui no Brasil (senão impossível…) e essa facilidade de comunicação com os boleiros que faz com que caras como Jadson corram pra caramba – coisa que já tinha rolado antes com Douglas.
      O fato é que o começo desse ano é muito promissor, ainda que, como disse acho que o Andre T. abaixo, tem muitas coisas incertas dando certo ao mesmo tempo – Jadson, Fagner, Elias, Sheik… Estou ainda relutando em aceitar o otimismo moderado que tenho sentido sobre a temporada, mas cada vez menos.

      Sobre Sheik – ele sempre foi um jogador útil em campo, ainda que sempre tenha feito poucos gols. Quando em 2013 decidiu que não tinha mais nada a fazer e passou a arranjar cartões sem sentido, perdeu a utilidade. Quando fez parte da panela que se rebelou contra a renovação do elenco que, bem ou mal, estava sendo feita com Pato, RA e outros, passou a ser um problema. Não deveriam ter renovado o contrato dele em 2013 por esse motivo. Mas o fato atual é que está jogando bem, correndo bastante, e continua sendo pouco efetivo nas jogadas ofensivas. Preferia Malcolm, que com Mano entrava mais na área, era mais agudo. Mas enquanto Emerson continuar nesse nível, nada contra.

      Destaque para o lado direito – não sei se dura, mas está dando gosto ver os toques rápidos de Elias, Jadson e Fagner pelo lado direito. Pessoal está inspirado. Aliás, um erro do primeiro tempo, na hora em que o time caiu, foi o time não aproveitar isso e forçar a saída de bola com FS na esquerda, onde RA e Emerson não estavam tão bem quanto seus colegas do outro lado.

      Curtido por 1 pessoa

    • Cesar Augusto permalink
      02/20/2015 10:41

      A matéria é de uma canalhice ímpar. Não adianta. Jamais Mano Menezes terá o seu bom trabalho em 2014 reconhecido.

      Curtido por 2 pessoas

    • 02/20/2015 14:54

      Essa é a inteligência media da mídia tupiniquim…pra chegar na ignorância falta muito…

      Curtido por 1 pessoa

  4. Andre.T permalink
    02/19/2015 16:44

    Mano tem seus méritos, reconstruiu o time e deu um padrão tático, com um lobby gigante da imprensa contra. Porém esse time de 2015 está muito diferente do de 2014, não tinha essa intensidade (termo Titeano) nem essa compactação.

    Principal mérito do Tite tem sido a pilha e a concentração que o time tem jogado, só jogamos assim em 2012. Para uma competição como a Libertadores ele consegue manter esse ritmo, para um pontos corridos acho improvavel.

    No jogo de ontem a movimentação do Danilo foi chave. Sempre levando os zagueiros com ele nas ligações diretas da defesa e abrindo espaço para os meias. Mérito do Tite. Eu, no estadio, estava desesperado para que ele colocasse o Malcolm ou o Love para acelerar o contra ataque (tiraria Danilo/Jadson, ou os 2), mas mais uma vez Tite me calou. Eu me rendo, acho que o dono do boteco se renderá em breve também.

    Emerson é um monstro. E eu concordo com um dos comentários abaixo, deixa ele curtir a vida dele, que nos clássicos ele resolve. Aos 36 anos , com a vida feita, ganhador de tudo e se matando em campo, é pra poucos. No jogo de volta contra o Once já tinha me alertado a postura dele em campo, num jogo que praticamente não valia nada. Esse também está calando seus críticos.

    Elias, mais uma vez atuando como em 2009. Aparecendo muito mais na frente, ao contrario do time do Mano2014 em que ele ficava mais na saida de bola. Já tinha cobrado do Alvaro, nas analises dos outros jogos, ressaltar a performance do Elias. Acho que com mais essa atuação já da pra dizer que o velho Elias finalmente voltou.

    Jadson e Fagner, surpreendendo. Melhor do que qualquer contratação que poderiamos fazer. Esperar que mantenham essa disposição.

    Bottom line é: esse time está lembrando muito o de 2012. Todos jogando com muita seriedade, vontade e aplicação. Fora a zaga (e é minha grande preocupação), vejo um time tão bom quanto o de 2012 (mantida a performance atual de Elias, Fagner e Jadson) e com muito mais opções de banco (Danilo, V. Love, Malcolm, Petros e B. Henrique – Cristian?).

    Quanto ao chororo com relação ao Juiz. Menos. É choro de derrotado.

    PS: Quase invadi o campo naquele drible do Felipe na saída de bola.
    PS2: Na terça almocei ao lado do Casão (que sempre desconfiei ser são paulino, apesar da sua historia). Ouvindo a conversa dele com o filho dele, ele manda: O São paulo acha que tem o melhor time do Brasil e vai cair do cavalo. Subiu no meu conceito de corinthiano e de comentarista.

    Curtido por 2 pessoas

  5. Max permalink
    02/19/2015 15:20

    1 Eu estou vendo jogadas de infiltração que o Tite-12 e 13 não fazia. Será o MBA que ele fez no exterior? Temos que reconhecer que até agora o Corinthians-15 é mais interessante que o 12-13.

    2 Sheik pode fazer chover em Itaquera (ou na cantareira) que ainda assim não mudo minha opinião de que ele não deveria nunca mais vestir a camisa do Corinthians.

    3 SP claramente não sabia o que fezer com a bola no pé pra entrar na nossa área.

    4 O time está “copeiro” se ninguém fizer nada vai longe nessa “competição tão importante”

    Curtido por 1 pessoa

    • bloguedotimao77 permalink*
      02/20/2015 12:04

      2 Tamo junto

      Curtir

    • 02/20/2015 17:31

      2 Não tamo junto. Ele terá minha gratidão eterna, independentemente do que fizer. Não vou esquecer dos momentos de felicidade por que pisou na bola. Uma coisa não apaga a outra. Não sou ingrato e aceito que as pessoas errem. Eu erro. Muito. Espero que as pessoas aceitem isso. Espero.

      Curtir

  6. 02/19/2015 14:59

    Vamos por partes:

    1) Nem Tite nem Guardiola pega um time e o deixa voando em 4 jogos, ou seja, independente de prós-Tites e prós-Manos, seria loucura alguém dizer que Tite atingiu esse nível de intensidade e aplicação tática em tão pouco tempo. Aliás, em entrevista, FS já falou claramente que o trabalho desse ano é uma continuidade do Mano. Enfim, também devemos reconher que Tite foi inteligente e não chegou desmontando tudo…como já vi outros professores fazerem (lembram de Pardal Batista???Rs…)

    2) Sei que o anfitrião do boteco não é muito fão dele, mas Ralf mostrou que continua importantíssimo… ainda mais nesse 4-1-4-1 do Tite… E o Gil??? Tá jogando por dois lá atrás…

    3) Outro que não desci a lenha o ano passado respeitando sua história e considerando os meses parados foi Elias! Hoje, tá fazendo chover…jogando muuuuito!!!

    4) E os deuses do futebol levaram Lodero… que Jadson é mais jogador até minha filha de 8 anos sabe!!!

    5) Que historinha é essa que não precisamos mais de Guerrero??? Caio nessa não! Aliás, ano passado, com Mano, ele fazia esse papel de abrir espaços, troca de posição e entrar em diagonal…como o nosso próprio professor disse na coletiva ontem… é totalmente possível jogar dessa forma com o melhor 9 do Brasil hoje!

    6) Falando no peruano, a possível falta já determinou que tivemos arbitragem tendenciosa ontem segundo essa midiazinha nojenta, mas, a cotovelada igual do Denilson passou… cadê os 3 jogos dona Comenbol???

    7) Álvaro, apesar da proximidade foi sim defensável o segundo gol. Resultado da fórmula: idade avançada = aumento do tempo de reação. Bambi Ceni demorou a cair…

    8) Tá difícil não se empolgar com a raça, determinação tática, tabelas e toque de bola que esse time já apresenta nesse início de temporada. A pergunta é: mantemos esse nível até agosto (final da Liberta)???

    Abs!

    Curtido por 1 pessoa

    • bloguedotimao77 permalink*
      02/19/2015 17:05

      1) Isso.

      2) nesse sistema (e como o gol surgiu cedo) Ralf, Gil e Felipe viram meros rebatedores.

      Mas o Ralf foi mal no 1o tempo. Melhorou no intervalo.

      3) Elias estava irregular, mas a crítica estava exagerada. Continua um bom jogador.

      5) isso mesmo que eu estou falando. Danilo abriu para a entrada do Elias, como vimos diversas vezes em 2014

      Curtido por 1 pessoa

  7. Mario permalink
    02/19/2015 14:19

    Gosto de visitar este espaço por dois motivos. Primeiro porque é o melhor blog corinthiano que eu conheço, com textos e comentaristas de altíssimo nível. Segundo porque é HILÁRIO ver o dono do boteco torcendo a lógica pra tentar convencer a gente de que Mano = Guardiola injustiçado e Tite = Vadão com sorte. Ano passado as derrotas (muitas delas vexatórias) eram sempre culpa do elenco fraco ou do trauma da invasão, ao passo que as vitórias eram de única responsabilidade do nosso gênio estrategista. Terminamos o ano razoavelmente bem (embora irregulares como sempre sob a égide do Mano), e concordei com o blogueiro que o treinador fez por merecer a continuidade. Não era pro Tite ter voltado, ponto. Mas daí a dizer que o bom futebol deste ano é EXCLUSIVAMENTE culpa de 2014… Tem dó! Assim vou começar a achar que o blogueiro é agenciado pelo Carlos Leite!

    No mais, 2015 promete. Espero que o time mantenha o foco. E que maravilha é ver o Elias sendo Elias novamente!

    Curtido por 2 pessoas

    • mestretite permalink
      02/19/2015 14:45

      o blogueiro É agenciado pelo Carlos Leite. nenhuma duvida quanto a isso.

      Curtir

    • Douglas Castanho permalink
      02/19/2015 15:42

      Haha tb admiro muito as análises do Álvaro e demais comentaristas, mas essa idolatria pelo Mano já deu né? Olha o título do post! kkkk Assino embaixo o seu comentário, quando éramos goleados a história era sempre a mesma, haha

      Curtir

    • bloguedotimao77 permalink*
      02/19/2015 15:58

      EXCLUSIVAMENTE onde?

      Curtir

  8. Cesar Cachaça permalink
    02/19/2015 14:13

    Quanto ao jogo, bom, todos cantamos a bola. O que me chama (ainda) a atenção é quanto os comentaristas da marrão são ruins. Qualquer um que acompanhe futebol de perto poderia prever o baile tático e físico hoje. Ontem à noite e hoje os sábios estão meio chocados “nossa, o que aconteceu, que baile”…é o fim da picada. Então, sobre isso, pouco a acrescentar.
    Não achei a arbitragem caseira. Nos primeiros 25 minutos o SPFC deve ter feito umas oito faltas e o juiz nem sinal de cartão, sequer aquela ameaçadinha. Ele foi confuso no critério de faltas e não conseguiiu impor sua autoridade com aquele jeitinho meio baitola. O lance do gol, ok, foi falta, até clara para mim, maaaas, daí a derivar em roubo ou coisa do tipo é só antismo. Poderia ter expulso o denílson aos 10 do seg tempo e aí a casa teria caído. Para mim é apenas mais uma versão do sempre presente “pode errar contra o Corinthians à vontade, mas se errar a favor, aaahhh..”.

    Acho que Tite aprendeu coisas sim e está tentando implantá-las. Acho que recebeu uma boa base de Mano e está melhorando aspectos. Tenho vistos jogos da Champions e acho que a filosofia que Tite quer implantar tem tudo para dar certo em competições como essas. O problema para mim é pontos corridos, por questões que poderemos discutir mais a frente. Estou deixando em suspensão minhas suspeitas em relação a Tite para ver o que vai dar. Até agora, estou gostando.

    Curtido por 1 pessoa

    • ALESSANDRO ALVES permalink
      02/19/2015 14:22

      ISSO QUE PENSO, O LANCE DO PENALTY NO GUERREIRO FOI IGUAL O CARA APOIA O BRAÇO E EMPURRA ELE, PENALTY AI TODO MUNDO FALOU QUE NÃO FOI, A O EMERSON FEZ MESMA SO QUE CORRENDO, AI É FALTA HAHA UM NÃO E O OUTRO É,. IMPRENSA SEMPRE CONTRA NÓS VALE. A FAVOR NUNCA

      Curtir

    • 02/19/2015 14:34

      Pois é… Guerrero expulso e 3 jogos suspensos; em lance idêntico Denilson amarelo e depois do jogo amnésia geral…ninguém lembra disso e o juiz é caseiro…

      Curtir

    • mestretite permalink
      02/19/2015 14:49

      o elias jogava com o mano? o jadson jogava? o mestre pegou uma base, oks. mas transformou essa base em um time. em dois meses. esta fazendo um trabalho alguns bons anos luz a frente do mano. só o blogueiro, agenciado pelo Carlos Leite, para discordar disso.

      Curtir

      • cesar cachaça permalink
        02/19/2015 15:02

        o problema do Jadson sempre foi dar continuidade. No SP e no Corinthians ele começou bem e caiu de produção. Com Tite ele não seria titular se Lodeiro não tivesse sido vendido à contragosto. Qualidade ele sempre teve, daí a dizer que Tite “inventou” Jadson é só torcida, alias das bem ruinzinhas. Inclusive essa não é a posição ideal de jadson, ele foi encaixotado no lugar do esquema que estava vago. Elias fez pré-temporada agora, bem diferente do ano atribulado – 6 meses sem jogar de 2014 – e, aliás, foi inventado para o futebol por Mano em 2009, uma função no Corinthians que abriu espaço para o Paulinho. Reconhecer o papel de cada um faz parte. No mais, senta lá, Cláudia…

        Curtido por 1 pessoa

      • bloguedotimao77 permalink*
        02/19/2015 15:57

        Não entendi

        Curtir

    • bloguedotimao77 permalink*
      02/19/2015 15:55

      1) A questão da arbitragem é pelo que aconteceu com MAC, Botafogo e agora SP.

      2) Quem jogou LITERALMENTE como o Tite está fazendo, foi o Porto campeão com o Villas Boas.

      4-1-4-1 que atacava no 4-3-3 pelo simples avanço da linha de meias. A IMAGEM ALI EM CIMA é do time do Porto dele.

      Curtir

  9. Correa Leonardo permalink
    02/19/2015 13:56

    O meio de campo ontem fez uma partidaça, além de Elias e Jadson – RA desafogou a saída de bola em muitos momentos e Ralf foi preciso em seu 300º jogo (quando o indolente PH Ganso tirou as mãos das cadeiras para tentar alguma coisa, nosso volante cuidou disso).
    Diferentemente do consenso da falta de Érmensson Sheik, acho defensável a hipótese de lance normal. Percebam que ele não estende o braço nas costas do lateral bambino, ele utiliza o ombro.
    Jadson ontem correu como nunca e ajudou na marcação na lateral. Quantos novos candidatos a Romarinho…
    Tite segue sendo Tite: mesmo com o Danilo MORTO com 5 do 2º tempo, ele deixou o cara em campo até o final! Tomara que tenha a sensibilidade de deixar ele descansando uns quinze dias direto.

    Curtido por 1 pessoa

    • bloguedotimao77 permalink*
      02/19/2015 15:52

      Defensável é na imagem em câmera lenta. Mas eu estava na diagonal oposta e todo mundo ali viu falta.

      Essa do Danilo custou ao menos 1 gol que poderia abafar o problema jurídico.

      Curtir

  10. 02/19/2015 13:52

    Fraquinho esse tal de Tite, não. #VoltaMano, oferecimento do blog do Timão…

    Agora com um pouco de imparcialidade, se até com o Felipe o sistema defensivo foi muito bem (como nos tempos do Mano) e sem o nosso centro-avante titular o ataque criou várias chances de gol (diferente dos tempos do Mano) é muita parcialidade você não dar algum mérito ao Tite além da sorte. O Corinthians jogou muito e o São Paulo, que tem o mesmo técnico e essencialmente o mesmo elenco há dois anos, jogou muito mal. Mas jogou mal também por que nós não deixamos. Mérito do Tite. Ops, desculpe, sorte do Tite :-). Outro ponto forte de ontem que não vi ninguém falando, o Sheik, o amigo do Mano, Quando o time baixou o farol ele aumentou a velocidade e armava contra-ataques e voltava para marcar. Pode até fazer uma temporada lamentável a partir daqui (quer apostar que ouviremos críticas aqui quando ele jogar mal contra a Penapolense?), mas jogou muito nos dois jogos da Cucaracha em Itaquera. E Jadson, outro amigo/reserva do Mano, está jogando bem e motivado. Sorte nossa. E do Tite :-). Mas vamos baixar a euforia, apesar dos ótimos sinais, pois ainda estamos muito no começo. E taca time reserva no paulistinha.

    Curtido por 1 pessoa

    • 02/19/2015 13:56

      Mas apesar das críticas quero reconhecer que o blog é bem mais interessante quando não é chapa branca :-).

      Curtido por 1 pessoa

    • Cesar Cachaça permalink
      02/19/2015 14:04

      Duas ressalvas: 1) Sheik. O contrato vence em Junho, acho que muita gente previu que ele jogaria bem/ se dedicaria. Um amigo no estádio ontem comentou algo interessante: nas tabelinhas , quase nunca Sheik tá, e sempre entre ele e alguém escolhem tocar para alguém. Não sei se ele se dá muito bem como o grupo não. Duvido que mandar ele embora ano passado tenha sido uma decisão exclusiva de Mano e todos sabemos que quando ele quer jogar (e agora ele, supreendentemente (sqn) quer) ele é f*. O problema é que 70% do seu tempo de contrato ele ganha 500 mil para andar de barco com mulheres gostosas. 2) Jadson. Tudo na vida é meio complexo, mas não nos esqueçamos que o titular era Lodeiro. Pelo retrospecto Lodeiro teria que jogar mal ao menos un 8 jogos para Jadson ter chances de ser titular. Mas aí venderam Lodeiro (contra a vontade de Tite) e a única opção era Jadson. Eu gosto de Jadson e acho que tite pode fazer um bom trabalho motivacional ali (coisa da qual Mano seria incapaz), mas lembre-se que quando ele chegou fez 4 ou 5 bons jogos e depois parou, por isso foi trocado por Petros que come grama. Então, dizer que Tite soube aproveitar melhor o Jadson é só torcida pró-Tite na mesma proporção que o blogueiro é pró-Mano eheeh. ùltima ressalva: estatísica levantada pela querida ESPN, nos últimos 11 jogos de 2014 o Corinthians ganhou 7, e de fato terminou o ano muito bem e com o time pronto. Vejo que Tite está fazendo um ótimo trabalho e de fato melhorando certos aspectos, mas numa análise justa faz sentido reconhecer que recebeu uma boa base montada.

      Curtido por 1 pessoa

      • 02/19/2015 14:08

        o Emerson é só pra Libertadores…

        o Guerrero pode dizer adeus ao Timão…

        Curtir

      • mestretite permalink
        02/19/2015 15:06

        cara, maior respeito pelo emerson. se aos 36 anos, tricampeao do brasileiro (por times diferentes), campeao e jogador decisivo da libertinha, campeao mundial e podre de rico, ele ficar se matando de correr contra penapolense e audax em jogos de quarta e domingo… isso é pros garotos da base ou outros que ainda precisam mostrar servico e provarem que merecem vestir o manto. o emerson ja mostrou que merece. o que quero ver é um garoto desses jogar, e chamar responsabilidade, e correr, e decidir, quando o jogo é cachorro grande. e isso o emerson faz. nos outros 70% do tempo, ele pode andar de iate com belas mulheres. eu, no lugar dele, faria o mesmo. palmas pra ele, é pra quem pode.

        Curtir

        • mestretite permalink
          02/19/2015 15:11

          porque aos 36 o cara já esta um pouco cansado pro futebol… principalmente os penapolenses da vida. mas de forma alguma para as belas mulheres, depois dos trinta é que começa a fase boa pra isso risos 😉

          Curtido por 1 pessoa

        • bloguedotimao77 permalink*
          02/19/2015 15:47

          O problema é quando ele faz isso no brasileiro…

          Curtir

      • 02/19/2015 15:39

        Justo, o dono do boteco insiste em que tudo de bom é resultado do trabalho do Mano (torcida pró-Mano), e temos que reconhecer que boa parte do sucesso atual tem raízes no trabalho do Mano, assim que eu provoco o quanto posso (torcida pró-Tite) para tentar desastabilizar e ver se sobra uma breja de graça por aqui :-). Mas ele mantém a classe, não perde a esportiva e nem o bom humor. Ponto para ele resistir às minhas provocações baratas :-).

        Curtido por 1 pessoa

      • bloguedotimao77 permalink*
        02/19/2015 15:46

        1) isso. Mais um que enquanto estivermos na despertadores, jogará como um Leão.

        2) ISSO!!!!

        Curtir

    • 02/19/2015 14:05

      Achei esse post um dos menos parciais. Até vi elogios ao Tite.

      Acho que o que faltou ao Mano foi sorte mesmo, coisa que o Tite tem muita. Mas sem trabalho não há sorte que ajude.

      Curtido por 1 pessoa

    • bloguedotimao77 permalink*
      02/19/2015 15:44

      Esse “várias chances de gol” eu realmente não vi e nem o footstats…

      Quanto aos jogadores, discordo da sua PARCIALIDADE FLAGRANTE. Pegue-se o Jadson por exemplo. Mano avalizou sua contratação (inclusive deu a 10 da seleção para ele) porque conhecia do Inter.

      Só que o rapaz, infelizmente, tem prazo de validade. Se só jogar a libertadores, talvez a brasa do tesão se mantenha, mas o CV dele é de cara que desencana e deixa todo mundo na mão (treinador, torcedor, ele mesmo).

      Lembre-se que o JADSHOW surgiu no Corinthians do Mano e no final de 2014 era JADSONO.

      Curtir

  11. 02/19/2015 13:22

    Por partes:
    1) perfeita a conceituação de Danilo, quando vi que perdia todas de cabeça também identifiquei o cansaço. Malcom seria uma opção para tanto.
    2) foi falta do Ermiçu, grotesca.
    2.1) não acho que o SPFC entregaria o jogo mesmo que ficasse com 5×0. Esso non ecsiste. Faltou pernas e esquema tático, já que eles só tocavam bola atrás da meia, sem conseguir penetração, e sabemos que Muricy quer jogadas agudas, chutões e finalizadores rápidos.
    3) Temos apenas três meias/armadores e são todos titulares, isso será um problema.
    4) quanto aos esquemas táticos voto com o relator.

    Curtido por 1 pessoa

    • 02/19/2015 13:54

      Vou aproveitar tua mensagem para chamar atenção do Danilo tomando pancada atrás de pancada nas tentativas de pivô nos chutões. Não reclamou nem gesticulou uma única vez. E aí Guerrero, aprendeu alguma coisa?

      Curtido por 3 pessoas

      • 02/19/2015 14:01

        Verdade, o Danilo é o exemplo a seguir. Nem mesmo quando a torcida pediu pra ele ser vendido ele reclamou. Sempre treinou e se esforçou.

        Curtido por 2 pessoas

    • bloguedotimao77 permalink*
      02/19/2015 15:38

      2.1) Entendo desistência como esgotamento psicológico que tira a vontade de arriscar tudo.

      Curtido por 1 pessoa

  12. Cesar Augusto permalink
    02/19/2015 12:58

    Foi 2×0, mestre.
    O Corinthians engoliu o São Paulo, nos primeiros 15 minutos. Parecia um time adulto contra um time juvenil. Ou um time bem treinado contra um time mal treinado, que foi para o abatedouro certo de que iria morrer.
    A vitória foi excelente para baixar a bola do peruano. O mundo, hoje, joga sem centroavante de ofício. Não há qualquer razão para Guerrero jogar estático na frente, fazendo pivô. O primeiro gol é educativo. Sem Guerrero, que fica plantado como pivô, não sairia, pois não haveria o espaço para Elias penetrar.
    Não acho que Muricy escalou mal a equipe. Ele fez 2 apostas. Michel Bastos versus Fagner e Maicon, igual a posse de bola no meio-campo. Deu errado porque os zagueiros não entendiam a movimentação de Danilo e Elias era muito mais rápido que qualquer marcador. E Michel Bastos não conseguiu atacar tampouco marcar Fagner. Em suma, a ideia foi boa, mas a execução foi trágica.
    Elias manteve a fama de carrasco. Jogou muito. Mas, taticamente, Renato Augusto fez uma partida muito interessante. Jadson foi decisivo. Uma assistência e um belo gol. Até Emerson teve uma atuação bastante destacada, mais defensivamente que ofensivamente. Ele marca um lateral como ninguém…
    Com um pouco mais de capricho e ousadia ofensiva, o SPFC seria goleado. Melhor assim. Não há motivos para se empolgar. Foi apenas 1 jogo.
    Fisicamente, o Corinthians está na frente de todos os adversários em razão da pré-Libertadores. É nítido. Daqui algumas semanas, a diferença será menor.
    Não se brinca com freguesia…

    Curtido por 3 pessoas

    • bloguedotimao77 permalink*
      02/19/2015 14:28

      Também achei a diferença física um pouco gritante, mas desconfio que o “mão na cintura” já virou um problema.

      Ah, é tem também o LF… O Alan K tinha de correr pelos três.

      Curtir

      • cesar cachaça permalink
        02/19/2015 15:05

        cara, vendo Champions fica gritante o quanto o futebol 2015 não concebe Gansos e LFs. Se e somente se você tem um Messi ou um CR, que ainda assim cumprem funções táticas, menos que os outros mas cumprem. No resto, vai ver o que Benzema, Bale, Cavani, Ibra, Diego Costa, Hazard e outros desses quilates correm e se dedicam sem a bola. Mãozinha na cintura non ecsiste. Por isso que esses comentaristas sábios da marrão que acham Ganso um gênio vivem o futebol dos anos 80 ainda…

        Curtido por 1 pessoa

        • bloguedotimao77 permalink*
          02/19/2015 17:09

          Ninguém mais cai nessa história de craque de 5 minutos.

          Existe um distanciamento muito grande entre o futebol real e o que a crônica está cobrindo.

          Curtir

  13. Cesar permalink
    02/19/2015 12:56

    Elias, Ralf e Jadson jogaram muito.
    Diferentemente do que tenho ouvido por aí, o Felipe é o ponto fraco do time.
    O contraponto é outro. Foi falta? Foi! Mas o lateralzinho muito ingênuo/bambi, esperando o juiz marcar a falta. Poderia ter chutado pra fora, ou recuado. É “jogo de campeonato”, o Emerson vindo pra cima, e o cara quer cavar faltinha do Paulista. Muito mané!

    Curtido por 2 pessoas

    • 02/19/2015 13:57

      Eu achei que foi falta, mas depende do ponto de vista.

      Deu pra perceber que o jogador do São Paulo, pouco antes do Emerson chegar, já se prepara pra cair, então de qualquer forma, seja soprando, esbarrando ou empurrando, o Bambi ia cair. Praticamente ele se jogou. Então não seria falta já que ele começa a cair antes do contato.

      Quis cavar a falta e deu errado. Gol do Corinthians!

      Curtir

    • bloguedotimao77 permalink*
      02/19/2015 14:23

      Achei que o Ralf foi muito mal no 1º tempo. Provavelmente foi corrigido no intervalo.

      Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: