Skip to content

Cruzeiro 0x1 Corinthians, Romero!

05/10/2015

Na Arena Pantanal vazia (120 contos para ficar atrás do gol), o campeão brasileiro de 2014, Cruzeiro, apareceu para uma pelada contra o campeão brasileiro do 2º turno de 2014, Corinthians, inaugurando o brasileiro-2015. O gramado, que era meu 2º maior temor, muito alto, prendia a bola e estragou principalmente as jogadas de ataque das duas equipes.

Os 10 minutos iniciais foram um massacre azul concentrado na nossa direita. Corinthians não passava do meio de campo e parava adversário com faltas perigosas. Curiosamente, nos 10 minutos seguintes o jogo inverteu de lado, melhor, MALCOM sozinho desequilibrou o jogo, prendeu a defesa adversária na sua marcação, despressionando nossa fragilíssima lateral direita.

Malcom, hein? Reapareceu, né? Quase 5 meses depois.

Mesmo com equipes reservas, o que empurra o jogo para a desorganização, Cruzeiro mantinha-se preso ao 4231 e Corinthians ao seu 4141 numa versão mais inteligente: com Cristian que melhora e muito o problema da saída de bola, assim como a presença de Bruno, que voltava para ajudar a saída.

Foi um jogo no todo ruim, mas Cruzeiro ficou a centímetros de ultrapassar a linha da ruindade absoluta no ataque com Henrique e Willian.

Tite voltou para o 2º tempo com Sheik no lugar de Danilo e Cruzeiro com um médio volante novo no meio. A mudança do técnico adversário foi boa o suficiente para reequilibrar/dominar o jogo a partir do meio.

Falei “JOGO”?

Com a queda física usualmente mais pronunciada em jogadores reservas, era uma grande PELADA em Cuiabá.

No modo pelada, Cruzeiro deixava mais buracos na defesa, quase nunca aproveitados pelo ataque corinthiano nada solidário e distante entre si. Tite mexeu bem e finalmente afastou do elenco tirou Vágner por Romero. O paraguaio fez seu gol característico: 0x1, de oportunismo dentro da pequena área. Quando Cruzeiro acordou, era pouco tempo e pouco jogador.

Não se deve trucidar jogadores num reserva x reservas, mas são possíveis algumas observações interessantes. (1) Repararam como Cristian toca para frente e melhora a saída de bola? (Contundo, pareceu-me ainda sem condições físicas). (2) O ataque foi um Tite classic: isolado, com extremos muito abertos e voltados para o lance de cruzamento, bem diferente do ataque de 2014. (3) Alguns jogadores são muito fracos e a gente já sabia, caso do Edilson. Mas outros, a gente não sabia: Vágner. E, não dá mais para enrolar ou se auto-enrolar: o futebol do Vágner é esse aí, não teve nenhum momento melhor que isso no ano (1 milhão de reais/gol). Ou seja: Romero é superior na média e tem ainda algo a evoluir. Na verdade, a vitória foi dele.

3 pontos que achamos ao dobrar a esquina para comprar pão. Não se desprezam pontos assim!

Em tempo:

Copo cheio: para quem não sabe, campeão brasileiro (tirando 2009) precisa de 73 pts ou 64% de aproveitamento. Faltam só 70 pts.

Anúncios
11 Comentários leave one →
  1. Múcio Rodolfo permalink
    05/11/2015 22:51

    Me parece que é a primeira vez que gente larga vencendo na estreia do campeonato brasileiro. Já é um alento. Tudo bem que foi um confronto entre dois times reservas de dois clubes que podem ser apontados como candidatos ao título da temporada. Que o gol caiu do céu….. Mas estes três pontos, bem ou mal, já estão garantidos.

    Curtido por 1 pessoa

  2. Piki permalink
    05/11/2015 20:11

    Edilson é péssimo, horroroso!!!!
    Qto ao Love, confessionais estou surpreso. Não imaginava tão ruim. Não domina nenhuma bola

    Curtido por 2 pessoas

    • bloguedotimao77 permalink*
      05/11/2015 21:35

      Eu também, mas fui avisado por rivales

      Curtir

      • 05/11/2015 23:43

        Edilson unanimidade entres os corinthianos.Mas, se toda unanimidade é burra,logo Edilson é bom jogador hehe.Ele está mudando meu conceito em relação ao Escudero,é um novo nível de ruindade.

        Curtir

  3. 05/11/2015 11:14

    Esses 3 pontos caíram no colo.Malcom deveria ser o titular contra o Guarani,mas por “ME-RE-CI-MEN-TO vamos de Marcio Passos mesmo,que alias na primeira jogada deu um pisão canalha e poderia ter sido expulso.Tite de novo inovando com 3 volantes e 3 atacantes eita chá mágico.Se o Love é isso mesmo,que ofereçam a fazendinha para o Guerrero.E por favor alguém explica o Cassini fora dos inscritos ?

    Curtido por 1 pessoa

  4. Cesar Augusto permalink
    05/11/2015 10:52

    Fomos em busca do sonhado 0x0, fora de casa, que faz parte do script do Titenaccio.

    O acaso nos deu 3 pontos, sejamos sinceros.

    Romero é um bom menino. Mereceu o gol. Teve perspicácia no lance.

    E Edílson é um desastre. Merecia o cartão vermelho direto, mas o juiz pipocou não dando sequer o amarelo.

    Curtido por 3 pessoas

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: