Skip to content

SFC 2×0 Corinthians, ouch.

03/06/2016

Virou regra Corinthians enfrentar o Santos na Vila pelo Paulistão e não tem viva alma que aponte a falta de espírito esportivo dessa palhaçada. Enfim, jogo para menos de 10.000 torcedores (e o Corinthians tem levado o dobro disso em jogos noturnos).

Uma verdade absoluta sobre o clássico: não foi clássico, foi sofrível. Quase tão ruim quanto aquele Santos 0x0 Corinthians do bra-11. Mantivemos a práxis de jogar mal em 2016.

Santos entrou num 4-2-4 característico dos times do Dorival: os volantes ficam e o meia flutua para o ataque. Corinthians estava um pouco mais confuso num 4-2-3-1, com o ineditismo de dois volantes fixos também. Bruno fez mais uma partida ruim e o correto é banco até recuperar a forma e confiança dos anos anteriores. Dois atacantes isolados nas laterais não ajudam muito e uma zaga inexperiente completa a desgraça: a vitória só viria mesmo pelo acaso.

Até o 1º gol adversário, a impressão era de massacre, particularmente pelo nosso setor esquerdo, preferido de Lucas. Veio o gol e eles optaram pelo recuo. Entre sair rápido para o contra-ataque ou arriscar a bola longa, ficaram com o toque de segurança lateral (facilitado pela complacência da nossa marcação mal treinada). Corinthians, por seu lado, chutou uma falta na barreira e depois uma bola para fora aos 41.

Sobre o gol, achei curiosa a discussão sobre uma possível falha do Cássio. Se estivéssemos na década de 80, época em que os guarda-metas treinavam para segurar com firmeza toda bola próxima ao corpo, seria um mimimi desgraçado. Hoje, a regra de treino é espalmar e esses gols são muito comuns.

Voltamos para o 2º tempo um pouco mais agitados e quase Danilo resolve o jogo sozinho. Mas não deu, Ricardo Oliveira fez ainda um golaço ao apagar das luzes.

Tite entrou com um time que ninguém sabe quem é titular ou reserva – Lucca é o que, afinal? A estratégia claramente é evitar a crítica mais contundente e ganhar tempo para a montagem de um time. Num clube tão explosivo quanto o nosso (i.e.: Bruno é quase um cordeiro pronto para o sacrifício), esconder o time é uma ideia inteligente, convenhamos. (Ninguém acredita que o time principal, que nem existe, foi poupado para um jogo de 1ª fase da despertadores, né?).

O problema, e repito mais uma vez neste ano,  é que em um elenco tão desconhecido entre si, isso só adia a formação da equipe.

Anúncios
7 Comentários leave one →
  1. 03/07/2016 19:20

    Se me afigura que algo que é mais valioso nesse campeonato é o nivel de protesto das torcidas. Eu aplaudi.
    #morteaofutebolmoderno

    Curtido por 1 pessoa

  2. 03/07/2016 0:42

    1- Parabéns pra você por ter conseguido escrever algo sobre o jogo, pois eu ainda estou sem palavras para descrever aquilo.

    2- O Corinthians não jogou futebol, apenas cumpriu tabela. O Santos está pior que o Corinthians, pois com o Timão daquele jeito era pra ter goleado.

    3- Realmente o esquema era um 4-2-3-1 com dois volantes fazendo nada na marcação, presos e sem função, dois caras bem abertos e isolados, tendo que resolver sozinhos a parada e o Luciano no ataque, que nada pode fazer já que a bola nunca ia chegar nele. O melhor em campo foi o Danilo, que no meio-campo rende muito mais, porém ainda acredito que deva jogar apenas finais de jogos e não os 90 minutos.

    4- Esse jogo não valeu, pois só tinha um timeco em campo, pois o Timão nem sequer entrou. Se é pra fazer isso que joguem os moleques da base, pois estes sim teriam garra perdendo ou ganhando.

    5- Acho que o problema do Bruno Henrique é o companheiro ao lado, no caso o Williams. O Bruno chuta bem de fora da área e no último jogo apareceu bem apoiando do lado direito do campo. O caso é que o Williams não é o Ralf. O Ralf resolvia a parada e muitas vezes sem falta. o Williams pensa e já é falta.

    6- Pior que o jogo do Corinthians foi o jogo do Liverpool… Vai Corinthians!

    Curtido por 1 pessoa

    • Correa Leonardo permalink
      03/07/2016 9:27

      Assino embaixo o seu nº 4 e vou além: com a equipe da Copinha em campo a pressão seria toda do adversário, aquele lance de brigar com bêbado. Mesmo antes de começar já esperava uma apresentação dessas.

      Curtido por 1 pessoa

    • bloguedotimao77 permalink*
      03/07/2016 11:49

      4- é verdade

      Curtir

  3. 03/06/2016 22:17

    Cássio falhou com certeza, na minha humilde opinião. Goleiro hoje em dia nessa bola já cai com só com um braço esticado justamente pra espalmar, é um vício da posição.

    Curtido por 1 pessoa

    • bloguedotimao77 permalink*
      03/06/2016 22:55

      Acho que é o treino que obriga isso

      Curtir

    • 03/07/2016 0:44

      Acho que não falhou. Concordo que ele deveria ter tentado segurar a bola, mas não falhou ao rebater pro meio. A bola foi no contra-pé, ele teve que reagir rápido para evitar o gol.

      Curtido por 1 pessoa

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: